A pandemia aumenta a miséria e muitos brasileiros têm de esperar mais um feliz ano velho

DOIDOS ABRIDORES-VERSÃO BLOGGER: FRASES DE MANDELA,GABRIEL GARCIA MARQUEZ,JUNG,KARL MARX,PICASSO,BETINHO,CHARGE DE QUINO,E ETCVicente Limongi Netto

A pandemia aumentou a miséria. Milhões de brasileiros não têm nada para comer. Pesquisa do IBGE revela números assustadores e cruéis. A fome e a miséria liquidam ilusões. Afrontam sonhos. Humilham o ser humano. A ausência de higiene, roupas, moradia e escola aumenta a desesperança. Perpetua a dor. Devora famílias. Destrói o futuro. Desespera a alma. Crianças sujas, com fome e maltrapilhas, choram ouvindo a avó agoniada  dizer que não tem comida em casa.  A aflição de pais desempregados esmaga corações. Doações escassas amenizam o sofrimento e a humilhação.

Criança alimentada é feliz. Criança com fome é consumida pela infelicidade da miséria. Sem forte e urgente ajuda dos governantes, o quadro desalentador não será alterado. Quem tem fome não sabe o que é dia radiante. Desconhece bonanças. Só pede a Deus que os ventos dos anjos tragam pratos de comida. E não pode esperar mais um feliz ano velho.

DUAS NOTAS ZERO – A primeira vai para o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, exibe, sem constrangimento nem pudor,  colossal vocação para recadeiro engravatado  do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. A ordem para o recruta Caiado é bater em João Dória.  Caiado ainda não juntou os cacos e os caroços de piqui, da derrota eleitoral para Maguito Vilela, na disputa para a prefeitura de Goiânia. Não devia se meter nessa briga.

A segunda nota zero vai para o jornalismo esportivo francês, que surtou ao anunciar uma inviável  e inacreditável seleção dos sonhos de todos os tempos. Bando de brincalhões fantasiados de papai-noel. O torcedor exigente e isento, que realmente conhece futebol, jamais escalaria uma legítima seleção de eternos craques, sem as presenças de Gerson, Nilton Santos, Garrincha, Rivelino e Di Stefano.

MENSAGEM DE LUZ – Por fim, a presença de uma amizade da vida inteira, que muito me honra e engrandece, com a família do saudoso ex-governador Gilberto Mestrinho. Pela passagem de meu aniversário, d. Maria Emília Mestrinho, a viúva do querido amigo, me enviou uma mensagem de luz:

Receba amigo de fé, dia do seu aniversário, o carinho, admiração e respeito por ser Vicente Limongi Netto da maneira que é. Amigo dos amigos nos bons e difíceis momentos da vida. Entre tantas qualidades, essa me toca muito. Receba um abraço do tamanho do Amazonas. Do coração. (as.) Maria Emília Mestrinho. 

5 thoughts on “A pandemia aumenta a miséria e muitos brasileiros têm de esperar mais um feliz ano velho

  1. Aplaudo Limongi por este artigo contundente, incisivo, irrepreensível.

    Quando jornalistas de renome, pessoas conhecidas na sociedade, profissionais de prestígio, escrevem sobre a situação do povo brasileiro e a realidade cruel que se abate sobre mais de cem milhões de seres humanos, é sinal evidente que este semianalfabeto, pertencente à ralé, à plebe ignara, tem razão em bater nesta tecla permanentemente.

    Tipo de texto que é oportuno, pontual, adequado para o momento que estamos vivendo:
    sem esperança alguma, a não ser a expectativa que podemos ainda piorar!

    Nesse meio tempo, assistimos um comportamento do presidente alheio absolutamente ao sofrimento da população;
    nada lhe abate, interessa, lhe faz agir;
    a menos que seja o assunto político, então arregaça as mangas e vai ao encontro do que existe de pior nesse particular!

    Centrão, Temer, Lira, nomeações estapafúrdias, vagas no serviço público para parentes, trabalho insano para dificultar as investigações que envolvem um de seus filhos, o senador.

    E quando retira verbas da deprimente e ineficaz educação pública, confirma as críticas que merecidamente recebe a cada dia.

    O ano de 2020 foi atípico, diferente de todos que a humanidade viveu nos últimos 50 anos!
    Quase 1,7 milhões de mortos no mundo;
    americanos com 310 mil vítimas;
    brasileiros já enterraram 182 mil pessoas;
    a Europa sofre com a segunda onda do COVID19, inclusive nossos vizinhos do continente americano:
    México, Argentina, Colômbia, Peru, com altos índices fatais em suas populações.

    Limongi alerta sobre a miséria e a pobreza que aumentaram com a pandemia.
    E, deixa para cada imaginação, a consequência do que deveremos enfrentar daqui a dias, em 2021.

    O rescaldo da devastação ocasionada pelo vírus será dramático;
    conforme a conduta do presidente, ele continuará alheio às dificuldades do povo, significando um aumento brutal de brasileiros desesperados, e sem alternativa alguma de não seguirem sub-existindo dessa forma, mendigando.

    Parabéns, Limongi.

    Abraço.
    Saúde e paz.

  2. Parabéns Vicente Limongi Netto. Artigo impecável, realista, lastreado em fatos e que me colocou a pensar.

    Fico contente em saber de tua amizade com o saudoso ex-governador Gilberto Mestrinho., com o qual convivi bastante no Amazonas. (“Rumo certo com Gilberto”).

    Parabéns pelo aniversário e espero que continues a nos presentear com magníficos artigos construtivos-realistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *