Uma homenagem de Braguinha ao amigo Pixinguinha que jamais será esquecida

Carinhoso - Braguinha - LETRAS.MUS.BR

Braguinha, um compositor de grandes sucessos

Paulo Peres
Poemas & Canções

O compositor carioca Carlos Alberto Ferreira Braga (1907-206), conhecido como Braguinha ou João de Barro, fez uma belíssima declaração de amor ao colocar letra no famoso choro “Carinhoso”, um dos maiores clássicos da MPB, composto por Pixinguinha.  “Carinhoso” foi gravado por Orlando Silva, em 1937, pela RCA Victor.

CARINHOSO
Pixinguinha e João de Barro

Meu coração, não sei por quê
Bate feliz quando te vê
E os meus olhos ficam sorrindo
E pelas ruas vão te seguindo,
Mas mesmo assim, foges de mim.

Ah, se tu soubesses
Como sou tão carinhoso
E o muito, muito que te quero.
E como é sincero o meu amor,
Eu sei que tu não fugirias mais de mim.

Vem, vem, vem, vem,
Vem sentir o calor dos lábios meus
A procura dos teus.
Vem matar essa paixão
Que me devora o coração
E só assim então serei feliz,
Bem feliz.

3 thoughts on “Uma homenagem de Braguinha ao amigo Pixinguinha que jamais será esquecida

  1. Uma simples homenagem a Braguinha:

    Carinhosamente
    ———————–

    Imaginem se todas as mulheres fossem Marias,
    Se como flores só houvesse rosas vermelhas,
    Se não existissem tormentas mas só calmarias
    E se não houvesse beija-flores nem abelhas.

    Sem as abelhinhas não haveria marias-sem-vergonha,
    Nem adálias, nem jasmins, nem flordelis e nem begônias.
    Pior que tudo isso: imaginem se não existisse a mulata!
    Não existiria, por certo, a marchinha do Braguinha
    Que a saúda, com alegria – ela, que é tua e que é minha:

    “Ô mulata, cor de canela, salve, salve, salve ela.”

  2. Carinhoso é um clássico do grande Pixinguinha e com letra do grande Braguinha.Foi imortalizada na voz inconfundível do grande Orlando Silva.

    Parabéns Peres.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.