A bolsa de colostomia do Jair Bolsonaro é para ser respeitada por todos

Resultado de imagem para bolsonaro no facebook

Jair Bolsonaro passou a usar camisas largas e escuras

Jorge Béja

Nesta quarta-feira (17) a Folha da São Paulo – sempre ela  – publicou matéria a respeito da bolsa de colostomia que Jair Bolsonaro passou a usar por causa da facada que recebeu em Juiz de Fora. Diz o jornal que, com a bolsa na altura da cintura, Bolsonaro adotou um novo figurino. As camisas sociais claras foram trocadas por camisetas e jaquetas esportivas, preferencialmente de cores escuras. E que essas opções são adotadas especialmente para os momentos em que o capital reformado do Exército tem atividade fora de sua casa, no Rio de Janeiro. A matéria prossegue com considerações que não vamos repetir aqui.

Em suma: o referido jornal, sob o falso pretexto de “notícia”, externou completa falta de respeito ao tratamento de uma vítima que recebeu uma facada para ser morta mas que sobreviveu. E com a agravante de ser a vítima o candidato que dispara na preferência do povo brasileiro para governar o país a partir de 1º de Janeiro de 2019.

NOVO FIGURINO – E por causa disso, diz o jornal, Bolsonaro “adotou novo figurino”, como se tratasse de um “pop star”, de um “modelo”, de um “artista”. Ou de uma noiva imperial, que só no dia do casamento aparece frente à Igreja e os súditos admiram o vestido dela.

Saibam, a Folha e seus fiéis leitores, que a bolsa de colostomia de Jair Bolsonaro não precisa ser escondida, segundo a versão do jornal, ao publicar assunto que nada tem de jornalístico. Por exemplo, Moshe Dayan (1915-1981), político israelense e um dos principais arquitetos dos acordos de paz de Camp David, perdeu o todo o olho esquerdo no combate contra os franceses em 1941. E impossibilitado de implantar um olho de vidro, passou a viver com um tampão preto para cobrir o buraco que a falta do olho deixou. E isso nunca foi explorado como notícia, nunca foi abordado como “estilo”, “fashion”, nem como “matéria” jornalística pela imprensa do mundo inteiro.

MARCA DA BESTIALIDADE – A bolsa de colostomia de Bolsonaro não tira votos, não afasta eleitores, não diminui a estima que seus correligionários têm pelo deputado. A bolsa de colostomia de Bolsonaro é a marca da bestialidade, da brutalidade humana que vitimou o candidato quando, em campanha presidencial em Juiz de Fora, foi esfaqueado covardemente, quase, quase, levando-o à morte.

A bolsa de colostomia de Jair Bolsonaro é sinal de vida. Se não é para ser exibida e ficar exposta, também não é para ficar escondida, encoberta, com este ou aquele disfarce. A bolsa é necessária para a sua cura completa. A bolsa é a marca externa, temporária, de uma dor interna, dele, Jair, e de todos os seus familiares, amigos e eleitores, dor que jamais se apagará. E até de seus não eleitores, porque todos somos iguais e ninguém neste mundo é melhor do que o outro, ninguém é dono da verdade, ninguém vive para sempre e ninguém está a salvo de passar pela mesma situação de Jair Bolsonaro.

MARCA DO PROGRESSO – Não, a bolsa de colostomia de Jair Bolsonaro e de todas as outras pessoas que a utilizam não é para ficar escondida, como retrata a Folha. E nem é para causar, naqueles que a carregam colada ao corpo, o menor sentimento de diminuição, de vergonha, de inferioridade, para si próprio e perante o próximo.

A bolsa de colostomia é também a marca do progresso da Medicina e da competência dos médicos. A bolsa de colostomia de Bolsonaro não é para ser notícia, nem matéria jornalística. É para ser respeitada por todos.

46 thoughts on “A bolsa de colostomia do Jair Bolsonaro é para ser respeitada por todos

  1. Nessas horas, vale apelar até para a bolsa de colostomia e whatsapp pra ver se derruba o candidato. Comento desde o início do ano que vivemos uma espécie de Histerese Bolsonariana.

  2. https://www.terra.com.br/noticias/eleicoes/medico-libera-bolsonaro-para-debates-depende-dele,339af4cc1e521dba6f7d3cae39053816kdnql0vm.html

    Vá ao debate, Bolsonaro, não precisa nem responder as Perguntas dos jornalistas e nem do Haddad.

    Responda só essas:

    O que você vai fazer com a nossa previdência social?

    O que vai fazer com o regime de pensões do INSS?

    Diz que vai acabar com os privilégios. Mas privilégios de quem? Dos políticos? Dos magistrados que ganham acima do teto?
    Ou tirar direitos do trabalhador?

    Vai ter a maioria no congresso e o toma lá da cá vai continuar?

    Vai vender a preço de banana nosso patrimônio?

    E a carteira de trabalho verde e amarela o que é?

    Vai privatizar a previdência social para o lucro dos banqueiros?

    Ou vai negar tudo isso e dizer que o seu programa de governo é mais uma de suas fake news?

    • Claro Dr. Béja, é um caso serissimo. Requer muita paciência resignação e aceitação, muda muito a vida das pessoas. Esse esfaqueador, jamais deveria sair da prisão.

  3. É, no mínimo, curioso o PT querer responsabilizar o JB pelo que foi feito pelos seus ativistas
    na vida privada na internet, enquanto o próprio partido se exime de qualquer responsabilidade sobre os atos e crimes praticados pelos seus próprios fundamentalistas ideologicos em todo o Brasil, principalmente aqueles que compõem o MST e os outros que roubaram a Petrobrás.

    -Parabens pelo artigo mostrando a fragilidade da vida humana. Eu, no lugar dele, nem sairia de casa para evitar qualquer esbarrão acidental.

    • Desculpe-me discordar deu um ponto: os que roubaram a Petrobras ainda são aprendizes em face dos que imaginaram a forma magistral de assalto ao país através dos contratos do BNDES, conforme lista publicada pelo senhor Béja. Foram cerca de 400 bilhões de reais que sairam pelo ralo para alimentar regimes ditatoriais de esquerda. Tudo por causa da propina criminosa.
      O PT não pode continuar a existir.

  4. Concordo plenamente com o Antônio:
    Somente uma pessoa com a sensibilidade e consideração pelo próximo como possui o dr.Béja, para escrever sobre o problema de Bolsonaro e o quanto deve afetá-lo esse material.

    Apesar de fazer ali adiante a cirurgia reparadora, e não mais usar a bolsa, Bolsonaro está com a sua vida pessoal, conjugal e social comprometidas!

    Nada mais humilhante e desgastante do que o sujeito ter de abordar a sua intimidade, e logo em termos intestinais, onde expelimos o que não nos serve mais como útil à vida!

    Ora, psicologicamente, Bolsonaro não se sentiria à vontade nos debates com esse aparelho.
    As pessoas estariam muito mais interessadas se a tal bolsa iria deixá-lo em maus lençóis do que seus projetos de governo!

    Se Haddad não quer compreender esse dilema de Bolsonaro, que leve uma facada nos mesmos moldes do seu opositor, e depois diga o que sente, após perder 15 quilos, ter feito várias cirurgias, usar a bolsa de colostomia, e ter a sensação de que vai ser atacado!

    Aplaudo o artigo do eminente dr.Béja, pois pontual e adequado ao sofrimento de uma pessoa, quanto mais vê-la publicamente humilhada e desconfortável com o que está portando.

  5. A hipocrisia petista e de toda esquerda é algo a ser estudado. O candidato foi esfaqueado e quase morto, por um integrante de sua ala, e a esquerda ou calou ou lamentou o insucesso do atentado. Agora investem de todas as formas tentando a realização de debate com o oponente debilitado, Deveriam sim agradecer não haver debates, pois seriam massacrados pelos fatos, uma vez que nada há que possa ser dito em favor de seus desmandos e canalhices, e muito a ser dito em seu desfavor.

  6. O anti-petismo elegeu Collor;

    o anti-petismo elegeu Maluf;

    o anti-petismo elegeu Pitta;

    o anti-petismo elegeu Serra;

    o anti-petismo elegeu Alckmin;

    o anti-petismo quase elegeu um criminoso para a presidência em 2014.

    O anti-petismo acabou com as escolas básicas de SP;

    o anti-petismo tirou a merenda das crianças;
    o anti-petismo acabou com as escolas de ensino médio de SP;
    o anti-petismo não fez nada pelo sistema hídrico de SP;

    o anti-petismo gastou 8 bi na despoluição do sistema Tietê;
    o anti-petismo fez vista grossa pro helicoca;

    o anti-petismo fez vista grossa para o gasto faraônico de 1.200.000.000,00 na construção da cidade administrativa em Minas.

    O anti-petismo evitou que o país permanecesse como a quinta economia do mundo;

    o anti-petismo acabou com a indústria naval;

    o anti-petismo entregou o petróleo das futuras gerações por uma bagatela;

    o anti-petismo acabou com a pesquisa científica.

    O anti-petismo arquivou todos os processos de corruptos não petistas;

    o anti-petismo elegeu os piores congressos da nossa história;

    o anti-petismo destruiu direitos de trabalhadores, aposentados e da nossa juventude.

    O anti-petismo destruiu o país em 2 anos e põe a culpa no petismo.

    Agora, o anti-petista, com a inteligência que lhe é peculiar, decidiu que é preciso atirar para matar…

    • 1) Prezado Alex Cardoso, não entendo, o PT se juntou com o antipetista Maluf na eleição do prefeito Haddad…

      2) Hoje, em vários estados o PT está junto com vários partidos antipetistas que votaram no impeachment da presidenta Dilma.

      3) Parabéns Dr. Béja pelo excelente artigo. Respeito muito os colostomizados. Já trabalhei com pessoas assim e verifiquei o quanto é difícil para elas.

      4) Aprendi até que existe uma Associação Brasileira de Colostomizados, ou nome semelhante, para apoiar as pessoas que usam estas bolsas…

      5) Não voto em Bolsonaro, mas o texto é profundamente humanitário. Parabéns novamente.

    • O petismo acabou com o Brasil. 12, 15 milhões de desempregados. É o suficiente para que, alguém crítico, pense duas vezes o jamais volte a votar no PT.

  7. Vi os petistas agredindo um político doente, Mário Covas; vi os petistas exigindo respeito e sendo respeitados quando o deus da seita dos corruptos, Luis Inácio, teve câncer; vejo os petistas se superando e mergulhando no lodo do fundo do esgoto quando fazem troça de um candidato que sofre por culpa de um assassino e militante esquerdista.
    O povo brasileiro têm paciência, mas também tem o desprezo dos justos contra um bando de gente ruim e canalha.
    PS. Sei que ainda existem petistas decentes, mas que alguém me mostre um deles pedindo que os companheiros tenham vergonha na cara?

  8. Discordo em muitos aspectos do Sr. Beja. Nesse ponto concordo plenamente. Meu pai ficou um ano com esse tipo de bolsa. E como era dolotido pra ele carregar em seu corpo. E fora que trocar era um cheiro insuportável no ambiente.

  9. Belo artigo Dr Beja, ainda existe pessoas com carater humanitario parabens ..
    Tadinha da musa……esta inconsolavel….sorria vai doer menos ..”Ele nao ” merece sair da prisão . O PT acabou e o LULA vai ficar preso um bom tempo

  10. Puxa, acabei de fazer assinatura deste “jornaleco”.
    O material é para forrar a casinha de um cachorro que ganhei e no qual estou colocando i nome de Hadd.
    Pelo menos o cachorro não lê e a casinha ficará sempre seca.
    Fallavena

  11. Este Alex Cardoso é um pixulequeiro das arábias.
    Diz que o anti-petismo quase elegeu um criminoso na eleição de 2014.
    Exatamente isso. Só não conseguiu eleger um criminoso, porque o PT elegeu uma criminosa.
    A “esperteza” petista foi maior.

  12. Ora…os de bom senso…há muito tempo…sabe exatamente o que é uma Folha de São Paulo:Um panfleto petista. Sim…tipo daqueles que eram entregues em portas de fábrica…ante uma greve. E…os de bom senso…também já percebem os reais motivos deste chororo da mídia Brasil:A perda das verbas publicitárias,..que Bolsonaro já DECRETOU. Jogamos Globo, Folha, Veja…no limbo da mediocridade. E…o que eles não imaginavam…era este protagonismo de nossa parte…que…através de rede social…destruímos tudo e todos que desejavam que a tragédia Brasil se estabelecesse novamente. FATO!…

  13. Senhores, veja a opinião dos dois médicos, prositalmente menosprezada pela imprensa:

    “O cardiologista de Jair Bolsonaro (PSL), Leandro Echenique, revelou ao R7 detalhes sobre a recuperação do político.

    “Nesse período, ele passou por três procedimentos, infecção e, em consequência de tudo isso, teve perda de peso e anemia. O organismo dele está se recuperando de todos esses agravos. Como é muito forte, não bebe álcool, nunca fumou, sempre fez exercícios, não tem diabetes, pressão alta ou outros problemas, a recuperação dele é acima da média”, disse.”

    -O JB era pra estar morto!

    Artigo completo:
    https://noticias.r7.com/eleicoes-2018/medicos-revelam-ao-r7-real-estado-de-saude-de-bolsonaro-19102018

  14. Gostaria de parabenizar o Dr Jorge Béja, pela matéria, infelizmente a nossa imprensa não sabe ser democrática sempre escolhe um para atacar e esquece do outro. Se quiser falar contra que fale dos dois.

  15. Em complemento ao artigo e diante dos comentários dos leitores, acrescento:

    A bolsa de colostomia tem sido usada há
    muito tempo pelos cirurgiões como uma forma de isolar a área do cólon afetada, assegurando que possa cicatrizar e curar das agressões que sofreu. Evita, assim, o contato com as fezes, derivadas ao meio externo por um orifício que é o cólon trazido à pele. Que ideia genial! Deixa-se isolado o segmento afetado, para um resgate futuro. Em alguns casos, a bolsa é definitiva, como nas amputações e perda do segmento final do órgão.

    No caso de Bolsonaro, salvou sua vida. Penso que não deva ser exibida nem ocultada. Exibi-la seria chocar o mais desavisado com a imagem de fezes coletadas, ainda que representasse vida.

    Ocultá-la seria envergonhar-se. Penso que ela está onde é para estar. Existe, sabemos que está lá, sabemos que representa vitória. Vitória da vida sobre a morte, do bem sobre o mal, do certo sobre o errado. Nem oculta nem exposta. Apenas existe. E deve ser respeitada como um símbolo.

    Fomos todos cirurgiões em oração naquele momento trágico. Estaríamos lá fisicamente se pudéssemos. Nem que fosse para limpar o chão do sangue que escorria. À distância, silentes, fizemos aquelas manobras cirúrgicas geniais. Seguramos as pinças, cortamos os fios. Milhões de mãos juntas. Aquela bolsa não é um símbolo de doença, e não o enfraquece. Ao contrário, é tão forte que desperta sentimentos avessos e espúrios. Daqueles que, bem no fundo de suas consciências mesquinhas, queriam um símbolo para chamar de seu.

  16. Ótima materia, texto excelente e com certeza o pessoal do PT nao se preocupa com as dificuldades de ninguém, é um pessoal frio, sem valores morais e éticos, mesmo sabendo que em um provável debate seria ele Haddad que ficaria em maus lençóis e teria que responder a varias perguntas que a população anseia por respostas mesmo assim, como a oprtunidade é de atacar um homem convalecente de uma tentativa de homicídio eles abafam essa parte e só caem matando no fato de Bolsonaro nao comparecer ao debate,típico descurso do PT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *