A caneta de Dilma e a tinta de Mercadante

Carlos Chagas

Alosio Mercadante toma posse, amanh, num ministrio que j vinha exercendo h algum tempo. Tera-feira, como chefe da Casa Civil, vai ao Congresso entregar a mensagem anual da presidente Dilma. A principal funo do ex-ministro da Cincia e Tecnologia e da Educao ser a coordenao poltica do governo. Mais at do que a coordenao administrativa. Cai na mesma armadilha onde Jos Dirceu se estrepou. O hoje inquilino da penitenciria da Papuda bateu de frente com Aldo Rebelo, ministro da Coordenao Poltica, conseguindo afast-lo. Mercadante, agora, enfrenta Ideli Salvatti, confirmada para continuar exercendo a mesma atividade. Trata-se de mais uma redundncia, mas daquelas cujo resultado previsvel. A ministra ser atropelada.

Abrindo mo de candidatar-se ao Congresso para exercer as funes de primeiro-ministro informal, Mercadante posiciona-se para continuar onde est no segundo mandato, caso Dilma se reeleja. O resto um grande ponto de interrogao, desfazendo-se como fumaa o raciocnio de que desde j ele aparece como candidato presidencial s eleies de 2018. Muita gua passar sob e sobre a ponte, a comear pelo tsunami chamado Lula. Se mesmo agora o ex-presidente contava com mais da metade das esperanas do PT de que se candidatasse este ano, daqui a quatro anos haver unanimidade para que volte aps o novo mandato de Dilma. Ou, caso sobrevenha a derrota da presidente, com mais fora ainda.

O retorno do primeiro-companheiro s no se confirmar caso ele no queira ou no possa. Estar na casa dos setenta anos, j enfrentou grave doena e, alm de tudo, anda muito satisfeito com a alternncia entre a prtica poltica e o cio. Faz o que quer, quando quer.

De um virus, no entanto, Alosio Mercadante parece vacinado. Jamais envolver o PT em negcios escusos do tipo mensalo. Suas iniciativas no campo da preservao de maioria parlamentar para o governo devem passar longe do dinheiro vivo. Existem, porm, outras formas de conquistar o apoio de deputados e senadores. A caneta do palcio do Planalto abastecida com tinta preparada na Casa Civil.

DINHEIRO NO CAI DO CU

Jos Genono tinha multa de 650 mil reais. Em menos de duas semanas arrecadou mais de 700 mil. Agora Delbio Soares estava condenado a pagar 466 mil reais e j conseguiu um milho. Quem quiser que acredite nessa histria de contribuio de montes de companheiros humildes. As doaes vieram de grandes empresas, em especial empreiteiras, que mantm contratos com o governo. Caso o Ministrio Pblico, a Polcia Federal e a Receita Federal decidam investigar a origem desse dinheiro, acontecer o qu? Nada.

7 thoughts on “A caneta de Dilma e a tinta de Mercadante

  1. Vou bater na mesma tecla: o cncer a ser extirpado chama-se Luiz Incio Lula da Silva.Caso isso acontea, o Brasil vai respirar outros ares , mas, se acontecer a desgraa dessa mulher se reeleger vai continuar a mesma coisa.

  2. H anos que o cancer tomou conta do nosso pas, este cancer se chama PT e uma ameaca a democracia e o livre pensar. o fim…, s neste pas de sao sarue esta campanha para pagar dvidas de criminosos.

  3. O PT uma faco, no um partido.
    O PMDB fisiolgico, corrupto e nauseante, mas o PT cancergeno, ele destri a nao, sub-repticiamente – agora nem to… est bem mais bvio – com seus tentculos metastticos.
    A nossa oposio muito frgil para enfrentar inimigo to medonho.
    Imenso pesar por tudo que nos aguarda.

  4. Hebe, a oposio no frgil. covarde, tem medo de bater de frente com o torneiro mecnico e com o politicamente correto. Agora, com as denncias de cartel no governo de SP, foi reduzida a praticamente zero. Lamentvel, o PT s perder a eleio para ele mesmo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.