A imprensa vem caindo na armadilha

Francisco Bendl

A questão Veja e Policarpo tem servido para outros fins, e o pior é que boa parte da imprensa vem caindo na armadilha. O PT tem obsessão em calar a imprensa de qualquer forma. Rui Falcão, o pisca-pisca, declarou que depois dos bancos o ataque será contra a imprensa. Curioso que, desde que ela sirva aos interesses petistas muito bem, quando é para criticar os desmandos cometidos ela é “golpista”.

O patrulhamento ideológico se percebe na internet. Ai daquele que comenta contra a corrupção no governo do PT para surgirem os sectaristas ofendendo, caluniando, ameaçando e acusando.

Pois a imprensa está fazendo, desgraçadamente, o mesmo jogo! Se a Veja é a revista mais lida do país, que seja derrubada, quer a concorrência, lógico. Se foi um jornalista o causador de notícias infundadas – a PF, através de um delegado, disse que Policarpo e a revista não cometeram irregularidades – por que culpar o veículo de comunicação?

Se a liberdade de expressão é a bandeira a ser desfraldada por todos, inclusive pela imprensa “chapa branca” como se dizia no meu tempo, estamos assistindo a mídia brasileira se dilacerar entre os que apóiam o governo e aqueles que o criticam e que deverão ser proibidos de fazê-lo por culpa da própria imprensa, interessada em se ver bem com o poder e ao mesmo tempo derrotar a revista semanal mais lida, ora.

Mas o tiro está sendo dado no próprio pé quando este governo um dia mudar, e vai ser alterado indubitavelmente. O problema é que o governo que mais gastou em verba de publicidade na história, sim, o PT, tem as rédeas na mão para distribuir esta fortuna aos seus apaniguados, ao PIG (Partido da Imprensa Governista) que, eu, humildemente, mudei para o PUS (Partido Unificado da Situação), conhecido também como Pústula, pois é uma chaga aberta e infecta que a base aliada, junto a esta mesma imprensa tendenciosa, formaram para se beneficiar despudoradamente do poder, os legítimos traidores do povo e do país!

De modo a se saírem bem com seus chefes, a imprensa governista mirou a Veja, os sectários de plantão idem, mas calam-se diante dos escândalos proporcionados pelos políticos e partidos aliados ao poder.

Para o PT, o jornalismo independente é criminoso, nefasto, e deve ser neutralizado. Aproveitam-se vergonhosamente do idiota do Demóstenes e seu manda-chuva Cachoeira para divulgar que o mensalão não existiu, que a imprensa é golpista e, de quebra – chega a ser um escárnio ao bom senso – Collor liderando esta CPI.

###
LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Preocupa-me, sobremaneira, a divisão que o Brasil está tomando e a intenção de se querer que este país seja dirigido por uma ideologia ultrapassada, retrógrada, uma tirania mascarada com eleições previamente determinadas e mostrando para “o inglês ver” que se tem democracia.

O plano está em andamento, que é proibir a liberdade de expressão. Depois – e parte já foi conseguido – os setores que são instrumentos de difusão ideológica (escolas, universidades, editoras, meios de comunicação social e sindicatos), uma vez que os principais confrontos ocorrem na esfera cultural e não nas fábricas, nas ruas ou nos quartéis, conforme o filósofo comunista e ícone do PT, o Gramsci!

Considerando os sindicatos nas maõs de pelegos, imprensa dividida, kits nas escolas trazendo mensagens políticas e sexo, a Universidade composta de jovens que nada sabem de política, mas emprestam seus ímpetos a movimentos “revolucionários” sem saberem o que significam, eis um quadro extremamente preocupante, repito.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *