A sutileza de Serra

Tem mandado recados “encobertos” para o seu PSDB, principalmente para o “amigo” Aécio: “Vou esgotar todo o meu prazo para definição”. O que deixa entrever: que pode continuar governador até 2014, mudando apenas de vice. Sairia o ex-stalinista, entraria Aloizio Nunes Ferreira.

Explicação velada do governador: “Seu eu sair agora, tenho que fazer campanha. E não posso fazer o que acuso Lula de estar fazendo”.

Meu trono por um palanque

Tirando a preocupação com a ONU, Lula é dominado inteiramente por uma palavra que o preocupa: PALANQUE. Só fala nisso, repete dezenas de vezes no mesmo dia: “Como posso transferir votos sem levar a candidata comigo, nos palanques?”

Efeito Bachelet

O presidente nem esconde: amarga até agora o resultado da eleição no Chile. Se Eduardo Frei tivesse ganho, Lula estaria retumbando aqui, a vitória de lá. Tem dito: “O candidato dela era muito fraco”. Com isso condena sua própria candidata, f-r-a-q-u-í-s-s-i-m-a.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *