Abandono da família de Michele Bolsonaro exibe insensibilidade da extrema-direita

Resultado de imagem para avo de michelle mora em favelaEdnei José Dutra de Freitas

Como a vida e a minha profissão me demonstraram por quase 50 anos de exercício na Psiquiatria, peço licença para escrever a respeito de dois comentários de rodapé publicados recentemente pelo editor da Tribuna da Internet, sobre a postura do presidente da Petrobras, ao aumentar o óleo diesel em plena movimentação dos caminhoneiros para a greve, e sobre a pobreza da família de Michele Bolsonaro, especialmente da avó Maria Aparecida, doente e totalmente desamparada, morando no Sol Nascente, a maior favela de Brasília, a 40 km do Palácio da Alvorada.

Comentário 1) – “Na verdade, a solução mais adequada seria demitir imediatamente esse trapalhão e nomear para o lugar dele um brasileiro que realmente ame este país.”

Nenhum cidadão da extrema-direita ama o Brasil ou ama os brasileiros. Os sujeitos da extrema direita só amam o dinheiro, o lucro, o capital e nunca se importam com o bem-estar do povo.

Comentário 2) – “Não poderia deixar de abordar a dolorosa reportagem de Nonato Viegas, na Veja, sobre o abandono da família da primeira-dama Michele Bolsonaro. Isso significa que caridade, bondade e solidariedade nada significam o casal locatário do Palácio Alvorada. Ora, Bolsonaro ganha mais de R$ 60 mil por mês, como presidente, aposentado da Câmara e capitão reformado. Se tivesse um mínimo de discernimento e caráter, alugaria uma casa para a sogra por R$ 4 mil, gastaria mais R$ 4 mil com alimentação e gastos diversos, a família inteira de Michele estaria assistida e país jamais constataria que Bolsonaro realmente não é mito coisa alguma. Pelo contrário, se comporta com uma insensibilidade e um egoísmo que depõem contra ele.

DESAMOR – Não só Bolsonaro, mas todas as pessoas de extrema-direita não amam nem se importam com a família (talvez Bolsonaro só ame seus três filhos). Que Bolsonaro despreza a sogra e a avó de sua esposa, como ficou estampado nas reportagens, e de maneira abjeta, isso é típico das pessoas que querem o Poder mas amam o dinheiro: “O que interessa sou eu e meus filhos, o resto que se dane!”, este é o sentimento generalizado de todo o sujeito da extrema-direita. Isto que ele e a esposa fizeram com a mãe da primeira-dama e sogra do presidente não é surpresa, mas sim a regra no comportamento e no caráter de pessoas da extrema-direita. E, sem nenhum constrangimento, dizem da boca para fora: “Deus acima de todos”.

EXEMPLOS – Edir Macedo também ganhou fortuna dizendo aos tolos que ele ama a Deus. Outro exemplo do desamor de sujeitos da extrema-direita que não amam a família, tê-mo-lo no pseudo-filósofo Olavo de Carvalho, que maltratou tanto a própria filha que ela escreveu uma carta aberta falando destes maus tratos, o que a levou a romper relações com o pai biológico, o próprio Olavo.

A extrema-direita é isto que está aí!

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Com todo respeito ao conhecimento científico do Dr. Ednei José Dutra de Freitas, com pesquisas de repercussão internacional, não acho necessária a generalização. Embora concorde que extremistas sejam realmente pessoas insensíveis aos argumentos contrários a suas ideologias, com tendência a não se importar com os problemas alheios, inclusive da própria família, tenho certeza de que há pessoas boas em todas as crenças e ideologias. Na extrema-direita, por exemplo, lembro meu vizinho, Dr. Heráclito Sobral Pinto, ferrenho anticomunista, que foi advogado do líder Luiz Carlos Prestes. Lembro que Dr. Sobral jamais cobrou um tostão de seus clientes em advocacia. Cada um pagava o que podia e desejava pagar. Depois que um dos filhos morreu, ele vestiu luto até o final da vida. Era um homem santificado, creio eu. Hoje, sou vizinho de suas bisnetas.
(C.N)

39 thoughts on “Abandono da família de Michele Bolsonaro exibe insensibilidade da extrema-direita

  1. A esquerda sempre pura e exemplar:

    “Lula é um completo psicopata, mente sem pudor, chora falando da mãe, mas a abandonou’, ataca Marco Antônio Villa”

    “O historiador e jornalista Marco Antonio Villa indignou-se com o depoimento de Lula à Justiça Federal, em que o ex-presidente apelou à vitimização.”

    “Para Villa, as mentiras de Lula no depoimento mostram que ele é um psicopata. Villa afirma que tem testemunhas de que Lula abandonou a mãe no final da vida, e agora chora lembrando da mãe. Villa desabafou: “o lugar desse senhor é na cadeia, em regime fechado”.”

    https://folhapolitica.jusbrasil.com.br/noticias/439084646/lula-e-um-completo-psicopata-mente-sem-pudor-chora-falando-da-mae-mas-a-abandonou-ataca-marco-antonio-villa

    • Õ Eduardo Areal ! , Quem primeiro escreveu um artigo científico mostrando com os conhecimentos psiquiátricos que Lula sofre Transtorno da Personalidade Anti-Social, também chamado de Psicopatia, fui eu e escrevi este artigo aqui para a Tribuna da Internet, e o artigo foi parar na revista Veja nacional, em vários jornais, Foi só depois disso que Marco Antonio Villa , acreditando no que eu disse (e não foi só ele) passou a chamar Lula de Psicopata.

      Quero esclarecer que pessoas com Transtorno de Personalidade Anti-social, a pior das Psicopatias, não tem como ser de esquerda nem de direita. Estas pessoas não têm ideologia. E já cansei de escrever aqui que o PT jamais foi um partido de Esquerda, mas sim um partido com vários Psicopatas ladrões.

      Pessoas mal informadas sobre isso, passaram a achar que a “”Esquerda” é isso que Lula, Dilma, Palocci, José Dirceu representavam, o que prejudicou a imagem da Esquerda brasileira por falta de discernimento. “Esquerda” é uma tendência política que não comporta Psicopata nem ladrão. E o único partido de Esquerda genuíno, sem mácula, sem parlamentar ou governador ou prefeito com processo na Justiça e que jamais se ouviu falar que lesou o erário público é o antigo PPS que agora passou a chamar-se Cidadania 23.

      Peço que você procure se certificar dos fatos que estou expondo e que reflita mais demoradamente, antes de chamar Psicopatas de membros de Partidos de Esquerda, até pelo bem do Brasil.

      • Caro Dr. Ednei

        Conheci seu artigo sobre o diagnóstico à distância que fizeste do Sr. Lula apesar dele não ser seu paciente.

        Parece que o Sr. não leu o título de seu artigo aqui na TI que define a insensibilidade alheia como típica da extrema direita.

        Apenas demonstrei que politizar características humanas é equivocado.

        Assim, como não sei fazer diagnósticos à distância prefiro ouvir e saber de todas as versões antes de julgar e condenar as pessoas.

        Atenciosamente.

    • Essa matéria da TV Brasília é de novembro, amigo Eduardo Areal, e eu até citei aqui no meu artigo que a família se preparou por três para receber os repórteres, as filhas trouxeram da favela dona Maria Aparecida e a arrumaram para dar declarações.

      O silêncio não foi quebrado, Eduardo, porque ninguém tem nada a dizer, nem a família Bolsonaro nem a família Firmo Reinaldo, porque a reportagem da Veja é absolutamente verdadeira. E uma imagem vale mais do que mil palavras, dizia Confúcio, mais de dois mil anos antes de inventarem a fotografia.

      Abs,
      CN

      • Caro Carlos Newton

        Assuntos de família não podem ser julgados à distância sem ouvir todos os envolvidos.

        Veja o vídeo que postei me parecem todos felizes.

        Não sabemos da vida alheia que tal o Dr. Béja que teve contato com ela perguntar detalhes dessa história?

        Abraços!

        • Prezado Eduardo Areal,

          Este vídeo é antigo e foi citado por mim no artigo. A gravação foi em novembro. A família se preparou por três dias para receber a TV Brasília, a avó foi trazida da favela e deu entrevista na casa da filha Angela Maria, na Ceilância. Nessa época em que deram entrevista, era tudo felicidade, Bolsonaro acabara de ser eleito e os membros da família de Michele jamais poderiam imaginar que a primeira-dama não os convidasse para a posse, que teve a presença da mãe de Bolsonaro etc. e tal.

          Homens públicos e suas esposas (ou vice-versa) precisam cuidar de seus parentes, para não passar por esse tipo de vexame. Nas minhas famílias, paterna (Azevedo Maia) e materna (Santos Leitão), nunca soube de nenhum idoso que tenha sido abandonado à própria sorte.

          A foto de d. Mara Aparecida diz tudo, mas há quem não consiga enxergar. Eu respeito todas as opiniões. Posso estar errado, mas considero tudo isso uma desumanidade, uma postura nada cristã, digamos assim.

          ABS.
          CN

          • Amigo Carlos Newton

            Volto a sugerir que o Dr. Béja até para continuar a enaltecê-la e a bem da verdade que pergunte à Michelle detalhes do caso.

            Se a mãe dela mora em um apartamento popular ou casa não altera a sua dignidade não sabemos o que acontece na intimidade desta família.

            Adjetivar as pessoas só o faço com certeza máxima.

            Perdão!

  2. E este é o pensamento binário da extrema esquerda. Se não pensa como eu é meu inimigo mortal. Ódio neles.
    Lamentável que um assunto que trata de humanismo e relações familiares, que comporta reflexão e severa crítica, seja utilizado para panfletagem da seita laica.
    É o fla-flu monocromático que eles farão até a morte.

  3. Provavelmente há um problema sério no relacionamento da Michelle com seus parentes(mãe e avó)
    È necessário que alguém mais estrategista do governo explique a ela que o problema dela com seus parentes deixou de ser uma questão familiar, particular e se tornou um problema de governo, talvez até de estado. Se ela não quiser se envolver diretamente, tudo certo, mas permita que alguém do governo, ou melhor ainda, um empresário simpatizante se aproxime e procure resolver esse probleminha. Vai ser muito melhor para voce Michelle e para o governo Bolsonaro, tenha certeza disso!
    obs.: Nesse quesito o Lulla não falhou,o falecido irmão Vavá que o digaIse pudesse), o problema foi que ele exagerou na dose, coisa totalmente desnecessária.

  4. Se Michelle usou o tio surdo, como cobaia para treinar LIBRAS, ela foi muito inteligente: aprendeu a dizer NÃO ao único parente, que antes ela não sabia como renegá-lo!

    • Sim, Aquino, Sobral Pinto era conservador e ferrenhamente anti-comunista, como escrevi. Assistia missa todas as manhãs, na Igreja do Cenáculo. Eu era amigo do filho dele, que hoje mora no Espírito. E as bisnetas moram no apartamento ao lado do meu.

      Abs.

      CN

      • Perdão, meu querido Editor da TI Dr. Carlos Newton, mas taxar o brilhante Sobral Pinto como sendo da Extrema Direita não faz Justiça a este ícone da advocacia brasileira e orgulho do Brasil. Sobral Pinto se importava com os outros, inclusive com Luiz Carlos Prestes, com cujas ideias não concordava, mas ele justificou : “defendo Luiz Carlos Prestes não por suas ideias ou simpatia com estas, mas o defendo para que possa haver o Processo, e sem defesa não há o Processo.

        Sobral Pinto era um conservador, podemos até dizer que sua ideologia era de Direita, mas não era a Extrema Direita de Paulo Guedes, e não se importava do jeito que Guedes se importa, em ganhar muito dinheiro e servir a banqueiros.

  5. Acredito que a primeira dama é uma mulher sofrida na vida. Bonita, oriunda de uma família pobre, mãe de família. Ela não pode ser culpada pela situação em que vivem os seus familiares antescendentes. Ela precisa preocupar-se antes com seus descendentes. Não é ela a dona do dinheiro do marido.Ela nunca foi de posses. Ela não tem o controle sobre o dinheiro do esposo. E também o esposo não tem culpa pela situação da família da esposa. Cada um no seu quadrado. A gente casa não é pra resolver a vida dos familiares, mas sim pra seguir a própria vida, buscar a própria felicidade. Bolsonaro organizou a vida dos filhos; se Michele também fosse deputada ou uma mulher de vultosa renda certamente talvez pudesse ter dado uma melhor condição pra sua avó e seus tios. Mas a pobre não tem. Ela tinha uma filha pra criar e só. Arranjou um homem de posses e seguiu a vida. É injusto criticá-la. É pecado levantar falso contra as pessoas.

  6. Mas que contra-argumentação ridícula, meu Deus! Pelo menos tenho olhos para ver e inteligência para ler. Melhor que ser cego. Deus me livre! “Extrema-Direita só gosta de dinheiro”!

    • melhorjairseacostumando , você, embora no anonimato, prefere utilizar-se do nick melhorjairseacostumando , um fanático bolsonarista, e portanto de extrema-direita. Você disse que “viveu para ler esta bosta PQP”. Não sei se você tem emprego e recebe salário, mas do jeito que as coisas vão, se for o caso de você depender de aposentadoria, você, se viver até lá, não só terá tão somente “lido esta bosta” , mas também irá ter de comer esta bosta que o governo que você apoia está preparando para os aposentados.

        • Ô melhorjairseacostumando , ridículo, infantilóide e covarde é escrever no anonimato. Seja homem ! Tenha postura, não escreva palavrões, e pessoas corretas não se escondem no anonimato, fazem como eu, que coloco meu nome completo nos comentários. Nada tenho contra você continuar mantendo a sua posição de extrema direita, mas faça-o com dignidade, não se envergonhe de ser quem você é, e coloque seu nome nos comentários. Comentários anônimos não merecem crédito e, portanto, estes comentários são a bosta de que você tanto fala.

  7. Eu, até agora há pouco, estava achando que este assunto sobre a avó e a mãe de Michelle Bolsonaro estava restrito à Revista Veja e o assunto foi captado pelo nosso Editor e publicado na TI. Mas, curioso, fui pesquisar quem está falando sobre o assunto: há dezenas de jornais e blogs eletrônicos falando do assunto e uma unanimidade : todos recriminam o abandono da avó, que está proibida de dar entrevista por Michelle, que nunca levou a bisneta para a bisavó conhecer, não visita a bisavó há seis anos, não a vê nem a deseja no Palácio, mesmo como visita, É só pesquisar na internet. O jornal eletrônico abaixo vai mais longe, e adentra para assuntos jurídicos e legais que obrigam netos a ampararem os avós caso estejam passando por miséria, salvo se os netos também estiverem em situação de miséria, o que não é o caso em tela. Vejam:

    https://clickpolitica.com.br/2019/04/14/hipocrisia-michelle-bolsonaro-abandona-sua-avo-em-situacao-precaria-em-favela-e-fato-repercute-em-todo-o-pais/

  8. A ‘extrema dirieta’ é terrível, desalmada, ‘despenada’, ô extrema sem coração!

    Deveria fazer como a não-extrema esquerda, que ‘sacrifica’, aplica justiçamento, dá chá de sumiço, nos seus que ficam sobre a Terra e podem denegrir a imagem deles perante a opinião pública votante, mas não os deixa sofrendo??????
    Com a palavra os familiares de: Celso Daniel (bem como dos 8 cadáveres do caso); Toninho do pt; Eduardo Campos; etc.

    Vade retro, selectivus!

  9. Pelo visto Dom $talinácio Curro de La Grana estabeleceu um padrão ético para enriquecer os parentes.
    Lula seria o demiurgo dos dos mundos superiores se tivesse deixado seu filho como servente de zoológico, como não deixou, subiu na escala como antítese do Bolsonaro que está esta deixando a sogra no opróbrio.
    Como dizia mina avó, é peta pelejar, para alguns merece estátua no Olimpo, mas para esse leitor aqui está mais para discípulo de Mateus, aquele do primeiro os meus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *