É fácil para o TSE investigar se houve fraude na apuração

Carlos Newton

O que todos perguntam é por que o PSDB está tão apático diante das provas que se avolumam sobre irregularidades na eleição presidencial. O pedido de auditoria feito ao Tribunal Superior Eleitoral é tão inconsistente que chega a ser desanimador.

Na verdade, os tucanos ficam sem jeito de protestar, porque a urna eletrônica começou a ser implantada na eleição de 1966, no início do primeiro mandato de Fernando Henrique Cardoso, sem terem total segurança de inviolabilidade e sem possibilidade de recontagem.

Por isso, os tucanos ficam constrangidos em proclamar que esse tipo de urna (modelo DRE) não pode continuar sendo usado. Aliás, em 2007 o modelo DRE foi excluído das normas técnicas norte-americanas ,em 2008 tornou-se proibido na Holanda e abandonado no Paraguai, e em 2009 declarado inconstitucional na Alemanha. Estranhamente, continua valendo no Brasil.

O QUE APURAR

Apesar da fragilidade dos argumentos apresentado pelos tucanos, o TSE deveria determinar a realização da auditoria, porque é importante que se confirme se houve ou não irregularidades e manipulação de resultados nas apurações secretas determinadas pelo ministro Dias Toffoli ao TSE e ao TRE mineiro.

Ontem, ao retornar ao Senado, Aécio Neves afirmou que o PSDB tem direito a essa auditoria, que nem está questionando se as urnas são violáveis ou não. O que se pretende é constatar se houve manipulação na apuração eletrônica. E isso é facílimo de constatar, pois basta analisar os chamados “algoritmos robóticos”, que mostram passo a passo os procedimentos utilizados para computar os votos.

O comentarista José Moreira, que conhece o assunto, já escreveu aqui na Tribuna da Internet que, sejam quais forem os dados que as urnas eletrônicas apresentarem numa auditoria, isso não significa que o resultado final esteja certo.

É preciso verificar o algoritmo do sistema de totalização. E isto tem que ser feito é nos computadores do TSE e por uma empresa idônea e fora de qualquer suspeita, que não seja daqui. Verificar também, é lógico, a data das últimas modificações neste algoritmo. Se tiver havido alterações, que se faça recontagem dos votos com auditores externos” – salienta Moreira.

APARÊNCIA DE LEGALIDADE

O comentarista acrescenta que “o algoritmo pode ter sido programado para ir alterando pouco a pouco o resultado da totalização à medida que a apuração fosse caminhando para o final, visando conseguir resultado favorável à candidata quando atingisse 100% concluído, ainda que a vantagem fosse de 1% a 3% para dar a aparência de legitimidade”.

Moreira explica que não existe sistema infalível nem inviolável, e uma alteração como esta, visando à fraude, é muito fácil de fazer. “Qualquer programador mais avançado pode fazer isso” – comenta, indagando: “Porque não se transmitiu toda a evolução da apuração? Qual seria o problema? Se a região Sul/Sudeste/Centro-Oeste é muito maior em número de eleitores, como pode a vantagem que Aécio tinha até os 88% da apuração ser “anulada” nos 12% restantes?”

FORMAÇÃO GRÁFICA IRREGULAR

Já o comentarista Prentice Franco assinala que a configuração gráfica versus o tempo mostra uma formação gráfica irregular, típica de uso de algoritmos robóticos que padronizam um movimento que deveria se aleatório caso eles não fossem usados.

Tem uma empresa expert no uso de algoritmos robóticos que vem denunciando uso de informações privilegiadas no mercado financeiro, e o faz somente pela análise dos gráficos. Essa empresa seria ideal para uma auditoria, pois eles são especialistas em movimentações gráficas programadas”, recomenda Franco.

Portanto, seria conveniente e oportuno que o TSE fizesse a auditoria. Mas dificilmente o fará. E não há a menor dúvida de que o PSDB e os eleitores brasileiros têm direito a uma investigação sobre os algoritmos robóticos que podem comprovar se houve fraude. O TSE não deve se julgar ofendido por essa solicitação. Pelo contrário, tem o dever de executar a auditoria.

###
PS – Artigo republicado hoje, porque a postagem dia 6 foi prejudicada por ataque de hackers, segundo informação do servidor UOL.

19 thoughts on “É fácil para o TSE investigar se houve fraude na apuração

  1. Nesta auditoria ou o Próprio STF deveria eliminar este tipo de URNA é ridículo do ponto de vista da técnica afirmar que algo que roda uma programa não pode ser reprogramado para outras funções como trocar votos. e auditar vários lotes de urnas para ver se foram violadas.

    Em vez de ter esta parafernália toda basta uma impressora eletromecânica de votos , Não teria software para rodar, Não teria dados para salvar e teria os papeis para contar no intuito de uma contagem rápida de votos bastaria colocar um dispositivo contador tudo amplamente aberto e sem possibilidade de fraude.

  2. Caro Jornalista,

    01- Se o site foi atacado, é sinal que estava incomodando, dando certo.
    02- Com tamanha passividade dá a impressão que o PSDB não está reclamando da urna por já ter sido beneficiado pelo mesmo artifício. Sabe como é: “Quem tem telhado de vidro…”

    Abraços.

  3. Qualquer discussão em torno do sistema eletrônico de apuração coloca o TSE em uma enrascada, ou evidencia a enrascada, pois levanta suspeitas em todos os processos eleitorais a partir do uso da urna eletrônica, tal como menciona a matéria. O TSE tem que se manifestar imediatamente.

  4. Ontem e hoje a página eletrônica da TI é redirecionada para um fabricante da cartões de visitas. É notório o dedo podre petista sabotando os crescentes acessos neste blog que estão apavorando os PTralhas. Sugiro que faça um registro de ocorrência, Newton, na delegacia de crimes virtuais, por conta de estar sendo prejudicado, e que se apure de onde e quem estaria tramando contra a Tribuna da Internet, ressaltando que caso os ataques se originem em alguma repartição pública por algum MAV ou aloprado, ficaria caracterizado o crime de responsabilidade ou prevaricação, salvo melhor juízo

  5. Eu não entendi, o Blog é anti-petista? Será que todas as pessoas que postam aqui são? Acho que um blog quando abre os comentários, mesmo com a direção tendo a sua opinião, o que é democrático, é justamente para haver o contraditório, embora entendo que alguns fingem que não sabem disso.

    • Caro Gilson

      O blog é democrático porem diante das evidencias concretas que pudemos observar existem grupos denominados MAVs que tentam convencer a todos que o governo do PT é o melhor do mundo, sem corrupção(corrupto são os adversários, no PT só existe gente honesta e seria inclusive lula e Rosemary, o que ocorreu no STF foi um julgamento desonesto. José Dirceu, Genoíno, Delubio e demais pessoas julgadas são honestíssimos inclusive Marcos Valério outro injustiçado.
      Diante de tais fatos podemos afirmar com certeza que nosso blog aceita todas as opiniões mesmo divergentes da maioria. Acredito que este seja um dos motivos que de vez em quando retiram o blog do ar.

      • Enquanto isso a Dilma Youssef trata a educação dessa maneira:
        ” Uma das instituições federais mais importantes do Brasil está prestes a ter a energia cortada. A Universidade Federal Fluminense, localizada em Niterói (RJ), está há quatro meses sem pagar a conta de luz. A dívida já é de 3 milhões de reais”.

        Por Lauro Jardim

    • Exatamente, Gilson, este blog se tornou antipetista. A visão fria, ponderada e esclarecedora que sempre houve aqui está desaparecendo. A tendenciosidade é a condição prevalente. Está sendo dirigido para alguns e não para todos. Está ficando difícil de se informar e aprender por esclarecimento pleno. Quase todos têm a resposta definitiva e nada tem para assimilar. Parece que transformaram a luta por interesses para grupos, praticada pelos dois partidos em foco, em uma luta do bem contra o mal (e cada lado acha que ele é que é do bem).
      Exceção honrosa para Carlos Chagas.
      Não consigo localizar o Hélio Fernandes.

      • Claudio, quando os simpatizantes do PT vierem aqui para defender idéias e não bandidos então o debate será claro e perfeito. Mas o que tenho visto aqui, não são petistas mas sim pessoas pagas com dinheiro público com um grau mínimo de entendimento dos problemas nacionais e com uma única finalidade: defender até a exaustão o que é indefensável. São os famosos MAVs. Mas o espaço, continua aberto para o debate de idéias sejam de qualquer lado e cor.

    • Escrever para este blog de forma anônima é permitido porque democrático.
      Entretanto, manifestações contrárias sobre a tendência política de alguns comentaristas se torna ilegítima justamente pela ausência de identificação, tornando-se mera provocação e demonstração clara de acirramento de ânimos, desnecessário e inútil.
      Sobre a afirmação de Claúdio Segala, na razão direta que se apresenta como petista, pergunto por que não posso ser antipetista?
      Se é tão favorável à esquerda, por que alguns não podem ser de direita?
      A meu ver, a democracia é uma estrada de mão dupla, e não única, como o PT quer dar a entender e determina que seus seguidores e sectários assim se expressem nas redes sociais.
      Se a Tribuna da Internet possui mais comentaristas que são contrários ao socialismo e comunismo, estatisticamente podemos perceber que o sistema oposto a esses totalitários e autoritários é mais aceito pela sociedade esclarecida, diferente daquela que criminosamente tem sido manipulada pelo PT, formada por incultos e incautos e assim condenados pelo petismo, de modo a assegurar-lhe o poder indefinidamente às custas da miséria alheia!
      Interessante as críticas contumazes aos que rejeitam o PT, diante de seu histórico de crimes, escândalos, corrupção, desonestidade, loteamento de ministérios, de secretarias, de diretorias, de estatais, de assessorias parlamentares, cargos no funcionalismo público sem concurso, como se fossem da “direita”, e não dos cidadãos que não querem mais este tipo de governo comprometido com o atraso do Brasil e de seu povo, enquanto que permitir os descalabros e desmandos petistas então, sim, é “democrático”?!
      Segala, por favor, teu raciocínio carece de fundamento, aliás, as orientações petistas que são fornecidas para divulgação têm estas características:
      Ilógicas, totalitárias e autoritárias.

  6. Caro Newton,seu blog está descobrindo o caminho das pedras,nesta questão da eleições fraudadas,e é tanto que é verdade,que você está sendo atingindo de forma impiedosa e radical pelos hackers,para impedir a circulação deste blog. A conclusão é a seguinte : AS ELEIÇÕES FORAM FRAUDADAS e ponto final

    • Luiz Emilio, obrigado pela informação, mas acho que ele não está mais lá não. Se você olhar a lista de colunistas, vai ver que o nome dele não consta mais lá. O editor colocou inicialmente, há alguns dias atrás, seu próprio sobrenome com letras garrafais e depois passou para Editor Daniel Mazola. Também foi retirado o slogan que o HF valoriza: Informação e Opinião. Os artigos existentes são de arquivo. Não consegui encontrar algum artigo com alguma explicação. Fica a impressão de ruptura não divulgada. Tentar entrar em Opinião (o equivalente ao “Deixar Uma Resposta” deste aqui) daquele blog para perguntar ou falar sobre qualquer coisa dá sempre errado, não finaliza. O HF não é de se manifestar nesses casos. Se ele simplesmente parou de escrever, uma pequena satisfação aos seus leitores seria suficiente e poderia ser dada pelo próprio Mazola.

  7. Francisco Vieira Brasília DF: pouco importa se PSDB, ou quem quer que fosse, se tenha beneficiado das falcatruas nas urnas. Nós temos o direito de saber se aquela geringonça é confiável, ou não. Você não quer saber? Eu quero. Mentiras, trapaças, fraudes não podem ser aceitas. Nunca. Muito menos numa eleição que decidiu os destinos do País por 4 longos anos. E pode eternizar no poder uma quadrilha perigosíssima, se as fraudes, ou a possibilidade de elas existirem, não forem agora detectadas.

  8. Satiro, grato pela resposta a minha indagação, mas, acho que esse discurso dos petistas não é diferente dos que gostam dos tucanos, o que é inteiramente normal, faz parte da democracia, coisa que muitos não estão acostumados ainda. Eu não sou petistas e tão pouco tucano, mas, tento analisar os fatos pela ótica da proximidade, ou seja, aquilo que está mais próximo do eu penso. Sem querer causar polêmica, não sei quais as “evidências concretas” que você se refere e como você mesmo diz “Acredito que este seja um dos motivos que de vez em quando retiram o blog do ar”, repare que você também não tem certeza, mas, de qualquer forma, respeito a tua opinião.
    Um abraço e obrigado pela resposta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *