Ao criar Lula para destruir Brizola, os militares conseguiram arrasar o país

Resultado de imagem para lula honoris causa

Universidades deram títulos a um doutor de araque

Carlos Newton

Como agora todos sabem, através das informações do empresário Emilio Odebrecht, as quais são conhecidas há décadas, mas muitas lideranças de esquerda se recusavam a acreditar, Lula realmente foi uma invencionice do general Golbery do Coutto e Silva, famoso alter ego da revolução de 1964, para evitar que o trabalhista Leonel Brizola chegasse ao poder. Quem conheceu Golbery sabe que era um mestre nos bastidores da política. O cineasta Glauber Rocha merecidamente o chamou de “o gênio da raça” e quase foi crucificado por essa frase de efeito.

Conforme o comentarista Antonio Santos Aquino há anos tem relatado aqui na “Tribuna da Internet”, Lula foi um filhote da ditadura, que fez até curso na Johns Hopkins University, em Baltimore, assistido por um tradutor. O general Golbery jamais imaginou que sua cria chegasse ao poder, mas a vida é muito mais imaginosa do que a ficção.

SEM CARÁTER – Também não há a menor novidade sobre o caráter de Lula, sua trajetória já foi dissecada em três livros arrasadores, escritos por Ivo Patarra, José Nêumane Pinto e Romeu Tuma Jr. Há também as declarações dos criadores do PT que se afastaram dele, como Hélio Bicudo, Cesar Benjamim, Vladimir Palmeira, Fernando Gabeira, Heloisa Helena, Paulo Delgado, Plínio de Arruda Sampaio, a lista é interminável, tudo público e notório.

Até mesmo a prisão de Lula na ditadura foi uma farsa, conforme mostra a célebre foto do camburão, com Lula fumando um cigarro e interpretando o papel de “Barba”. O então agente federal Romeu Tuma Jr. estava lá e não deixa ninguém mentir, porque também aparece em outra fotografia do ato da prisão. Ele tinha intimidade com Lula, que costumava dormir no sofá da casa do temido Romeu Tuma pai.

ENGANOU MEIO MUNDO – O fato é que Lula enganou todo mundo, até mesmo Golbery. O líder metalúrgico criou o PT, viu que poderia substituir Brizola na disputa pelo poder, candidatou-se três vezes, foi enganando, enganando… até que saiu vitorioso na quarta tentativa, ao derrotar um candidato fraco e sem carisma, o tucano José Serra.

O resto é mais que sabido. Depois de eleito, Lula isolou os intelectuais do PT e livrou-se deles, dilatou e sindicalizou a máquina administrativa, usou as estatais como fonte inesgotável de recursos pessoais e eleitorais, ampliou ao máximo os programas sociais, sem fiscalizá-los, e criou projetos educacionais eleitoreiros, como o Pronatec, com seus supostos cursos técnicos, e o Prouni (Universidade para Todos), que fez a festa das faculdades particulares, com as bolsas totais e parciais custeadas pelo MEC para estudantes sem a menor condição de ingressar no ensino superior.

DILAPIDAÇÃO TOTAL – Essa farra do boi embriagado custou e ainda custa muitos recursos públicos, elegeu e reelegeu uma candidata mambembe e patética como Dilma Rousseff, e o resultado está aí – vamos penar até sair de recessão, enquanto isso o novo governo liquida as conquistas sociais e os direitos trabalhistas, o país anda para trás, de forma implacável, impiedosa e impactante.

O pior é que a Era Lula provocou uma escassez de novas lideranças. Estamos num deserto de homens e ideias, como dizia o ministro Oswaldo Aranha, que teria sido um grande presidente, se Vargas não tivesse lançado o general Eurico Dutra, uma versão mais antiga da “vaca fardada” que o general Mourão Filho depois imortalizaria, ao definir sua própria condição.

O fato é que os militares impediram Brizola de chegar ao poder, mas esqueceram de que era fundamental existir um líder civil capaz de comandar o país, não importa se representasse a direita ou a esquerda. Bastava que fosse decente, preparado e nacionalista, porque as velhas ideologias estão ultrapassadas, precisam desesperadamente de atualização.

E vida que segue, como dizia nosso amigo João Saldanha, que jamais deixou de ser comunista e hoje estaria deprimido com a política nacional.

NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGLula é um fenômeno. Orgulhando-se de jamais ter lido um só livro, tornou-se doutor honoris causa de 31 universidades espalhadas pelo mundo. Agora, todos sabem que é um doutor de araque, e a primeira instituição que pretende lhe tomar o título é a Universidade de Coimbra. As outras 30 terão de tomar idêntica iniciativa. É só uma questão de tempo. (C.N.)

43 thoughts on “Ao criar Lula para destruir Brizola, os militares conseguiram arrasar o país

    • Gratíssimo, professor Antônio Rocha, estamos sentindo falta de seus artigos literários.

      Uma Boa Páscoa para você e todos os seus.

      CN

  1. SUGESTÃO DE PAUTA A FHC, LULA E CIA: Abertura das rodinha$ dos me$mo$ para a inclusão do Projeto Novo e Alternativo de Política e de Nação, o novo caminho para o novo Brasil de verdade, porque evoluir é preciso, com Democracia Direta e Meritocracia Eleitoral, com eleições abertas à participação de todos, para que, doravante, tenhamos um novo carro-chefe político capaz de se impor erga omnes, pela decência e pelo bom exemplo que deve vir de cima, imune à força, influência e dependência do dinheiro, da corrupção e do assédio de empresários e servidores bandidos, todos a serem submetidos às 10 medidas contra a corrupção sugeridas pela força-tarefa, sob vigilância total do conjunto da sociedade, Partidos, ONGs, Clubes, Sindicatos, Igrejas, etc. e tal, com eleições gerais distritais, parlamentarismo e mandatos de 5 anos sem direito à reeleição. Resumo da ópera: sepultamento com data marcada do velho que já morreu e abertura de alas para o novo de verdade que já nasceu e que precisa se estabelecer para fazer o sucesso pleno do bem comum acontecer, com paz, amor, perdão, conciliação, união e mobilização pela mega-solução, como propõe a RPL-PNBC-DD-ME, tendo em vista o IDH número 1 do Planeta Terra. “A Cesar o que é de Cesar, a Deus o que é de Deus”, e ao Povo o que é do Povo. E daí, grandes generais do $istema Político vencido, que tal encarar o Leão ? Vamos conversar ?
    http://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2017/04/15/lula-sugeriu-encontro-com-fhc-ha-dois-meses/

  2. “Lula é um fenômeno.”
    O povo que o elegeu é outro, temos que reconhecer…
    Vamos aprender desta vez?

    Nesta busca por lideres, só vejo o mesmo velho horizonte, de figurinhas marcadas…

    Á medida em que o tempo for tirando os titulos horroris causa do jararaca, novos lideres surgirão, numa “brisa”…

    Há mais coisas entre o céu e a Terra que possamos compreender.

    Talvez tudo isso foi a forma do Brasil passar por uma guerra e perder muito, mas do jeito que merecemos…
    Merecemos o Lula que tivemos.
    Vamos aprender desta vez, duvidando do diabaquatro, clareza e firmeza, tomara…

  3. Quero ver agora, principalmente a Universidade de Coimbra, a Politécnica de Lausanne e o Institut d’Etudes Politiques de Paris. Vão ter de vomitar o sapo.

  4. O artigo é brilhante porque acaba de vez com um mito que enganou milhões de pessoas por décadas. Contudo, o Brasil ainda vai viver mais uma geração de crescimento medíocre e desemprego alto, isso sem contar com a violência crescente. Não existe futuro melhor à vista. O futuro é sombrio e ponto final.

  5. A verdade é que a mídia e a elite, queria de qualquer maneira, manter seus privilégios, então se Leonel Brizola, o único que acabaria com esta farra, seria prejudicado, com informações forjadas, principalmente pela rede globo, no caso de proibir polícia de subir os morros, sabia o que falava, veja o que acontece hoje, mas fico mais espantado é que o povo preferiu o ladrão do Sérgio Cabral para senador do que Leonel Brzola, hoje o povo sofre por sua culpa, o povo sempre escolhe mal, falta de conhecimento.

  6. e a primeira instituição que pretende lhe tomar o título é a Universidade de Coimbra.

    Lá na Terrinha Além-Mar lascarinos não tem vez…..

    Feliz Páscoa á todos….

  7. 1-Se não fosse o retrocesso de 80 anos em 8 chamado Fernando Henrique Cardoso, Lula não existiria.

    2-O caos atual emergiu da política do quanto pior melhor, que a oposição (PSDB agora associado ao Temer), capitaneada por Cunha e seus 300 comparsas implantou para impedir qualquer ação que possibilitasse que o governo Dilma engrenasse.

    3-Acontece que eles passaram do ponto, e o que se vê é o que está aí.

    4-Temer é tão desastroso que Lula voltará nos braços do povo. Se Dilma ficasse até o fim, talvez a história fosse outra.

    5-Lula é tão corrupto quanto os que o antecederam, isso não cria um relativismo moral que o absolva. Como dizia minha mãe: o errado continua errado mesmo que todo mundo faça, e o certo continua certo mesmo que só você faça.

    6-Lula não está mais no poder. Seria ótimo se a cobertura diária que é dada a ele, fosse dada aos que estão no poder e que podem acabar de vez com o pais. Estou falando do “presidente” dos seus ministros corruptos e medíocres, dos deputados corruptos e analfabetos que constituem a base do governo e dos senadores corruptos. Essa turma vem destruindo o país. E a imprensa que fez um terror para derrubar Dilma, pega leve com eles. Se fosse Dilma, sete ministros de Dilma, etc. Seria um bombardeio. Essa desproporcionalidade me irrita. Se batem duro em um devem bater duro nos outros que cometeram os mesmos erros e mais duro ainda em quem está no poder.

  8. O grande e experiente Jornalista CARLOS NEWTON, Proprietário e Editor/Moderador de nosso TRIBUNA DA INTERNET ON LINE, a meu ver, acerta pela metade em seu Artigo acima ” Ao criar LULA para destruir BRIZOLA, os Militares conseguiram arrasar o País”.
    É verdade que LULA tirava diretamente Votos de BRIZOLA, mas LULA e JOSÉ ALENCAR não arrasaram a Economia do País. Saíram do Governo em 2010 com a Economia crescendo bem, superando a grande Crise Internacional do Sub-Prime e com alto índice de Aprovação.
    Quem lamentavelmente levou a economia do País a maior Recessão desde 1929 foi a Presidenta DILMA, forçando até o limite o Deficit Público/Anual ( +- 10% do PIB), e o Endividamento Público ( +- 75% do PIB, de curtíssimo Prazo +- 5 anos, e girado a Taxas Altas, o que causou dúvidas sobre a sua SOLVÊNCIA ( Capacidade do País administrar sua Dívida Pública). Mas também a Presidenta DILMA não arrasou a Economia do Brasil totalmente, porque manteve alto índice de RESERVAS, +- US$ 375 Bi.
    A Presidenta DILMA é Nacionalista, Desenvolvimentista, Estatista, oriunda do TRABALHISMO ( PDT ), por isso ganhou duas Eleições Presidenciais, e foi fiel a esses ideais até o fim do seu Governo com o Impeachment. Ela é uma líder de Personalidade fortíssima, inflexível, mas péssima Política no sentido de fazer Aliados, OUVIR a Base Aliada, seu próprio Partido o PT, e especialmente o Presidente LULA.
    Assim, liderando Forças Políticas MINORITÁRIAS que representavam o ESTADO e pequena parte do Capital com Matriz no Brasil, enfrentou Forças Políticas Majoritárias que representavam o poderoso Capital Internacional logicamente de Matriz no Exterior, ( Multinacionais Banqueiras/Industriais), parte majoritária do Capital com Matriz no Brasil, e não buscando apoio nem mesmo nas FFAA Brasileiras que sempre foram uma espécie de Poder Moderador na Política Brasileira, pelo contrário, menosprezo-as e irritou-as violentamente com a “Comissão Nacional da Verdade”, etc, foi vencida facilmente.

    Agora temos que reduzir o Deficit Público, conter o Endividamento Público, e fazer o Brasil voltar a crescer, o que acontecerá lentamente a partir do 2º semestre 2017.

  9. “NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG – Lula é um fenômeno. Orgulhando-se de jamais ter lido um só livro, tornou-se doutor honoris causa de 31 universidades espalhadas pelo mundo.

    Agora, todos sabem que é um doutor de araque, e a primeira instituição que pretende lhe tomar o título é a Universidade de Coimbra. As outras 30 terão de tomar idêntica iniciativa. É só uma questão de tempo. (C.N.)”
    Um artigo para guardar na história. Muito bom chefe.

    Aproveito para reiterar. Quando procuramos e encontramos os erros nos outros, escondemos os nossos ou não os reconhecemos.
    Em cada artigo, notícia ou comentário, sempre está em primeiríssimo lugar o “dedão” apontando para o outro: o culpado.
    Militaram criaram Lula e outros. Militares erraram. Militares afundaram o país. Mesmo concordando com tais afirmações, dentro das proporções reais e não as imaginadas, é preciso assumirmos a nossa também.
    Quem é manipulado ou se deixa manipular, reclama o que, de quem? Quem joga o voto na urna, retirado do lixo, da irresponsabilidade, da corrupção, aponta o erro para quem?
    A maioria, a imensa maioria dos que hoje detem mandatos “do povo”, foram eleitos e continuam roubando com a autorização do povo.
    Aqueles que creem que a “purificação” virá das urnas, ou são ingênuos ou desejam a continuidade das sacanagens.
    Mas existem aqueles que esperam dos “céus” o milagre da purificação das pessoas.
    Antes de criar e fazer Lulla crescer, os eleitores, por sua maioria, elegeram Collor, depois FHC. Já escrevi muito sobre a herança maldita de Fernando Henrique. Os petistas identificam a “herança maldita”
    Lembremo-nos dp bate papo de FHC com LILS, logo após a posse do “sapo barbudo”. Ali, FHC deve ter passado as orientações sobre o que LILS encontraria no poder: a máquina da corrupção. Aqui o 2º episódio da herança de FHC. Se os militares criaram LILS, a democracia, o voto inútil/irresponsável e os erros de FHC o catapultaram e com ele a quadrilha inteira.

    Quando LILS toma posse, os “quadrilheiros antigo e os novos” se juntaram e o país ficou todo nas mãos deles.

    E agora, como retomar o país? Sem povo será impossível!
    Assumir nossa culpa é o primeiro passo. Criar consciência e vergonha na cara deverá ser o segundo. A partir dai os outros virão, naturalmente.
    Fallavena

  10. Parabéns Carlos Newton pelo excelente artigo, que é a verdadeira história recente do Brasil.
    O povo elege mal por falta de informação e conhecimento e isso tem haver com o golpe de 64.
    No início dos anos 60 o povo, os estudantes eram mais politizado. Durante os 20 anos de ditadura foi proibido comentários e reuniões politicas, na mídia era só futebol, novelas e abobrinhas, foi um processo de despolitização do do povo, principalmente os mais jovens.Como um povo imbecilizado e sem conhecimento da história recente do país pode votar com consciência e ainda tem um agravante:, a ditadura deixou para o povo votar os piores políticos do país..

  11. Lula é um fenômeno, como disse André BR . Ele sabe falar. Hitler também sabia falar e quando teve oportunidade de fazer discurso diante de uma grande audiência, se convenceu de que “sabia falar”; tinha estilo articulação. Um dos principais fatores para sua ascensão foi a paixão pelos seus discursos que levavam os ouvintes às lágrimas. A palavra tem um poder que poucos imaginam. Falar bem é um dom admirável.
    Salmo 64 de Davi : A própria lingua se voltará contra eles. É isso: um dia a casa cai.

    • “Lula é um fenômeno”, como disse a NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG (C.N.)
      Compreendi muito bem seu post, concordo plenamente. Inclusive, sera por ouvirmos a palavra de alguém, ainda incógnito, e que o levaremos a ascender a Presidência, mais uma vez.
      Portanto todo cuidado e pouco…
      Ha que duvidar de tudo e todos,
      E reconhecer, que TODOS esses que estão ai sendo mencionados na Mídia como possíveis presidenciáveis, todos já macularam suas imagens, justamente pelas palavras que proferiram, ou deixaram de proferir…

      • Amigos, amigos.

        Falar bem e mentir não é suficiente para enganar a todos.

        São enganados somente aqueles que se deixam enganar.

        O que faz com que alguns não sejam enganados?

        Não dá para esperar somente a verdade, ainda mais de quem só mente.

        • Mas não está escrito na testa de ninguém a palavra mentiroso. Leva tempo para que um mentiroso seja desmascarado. No começo de seu governo, o Lula deu uma entrevista embriagado, pra mim disse tudo. A Dilma nunca me enganou. Essa não sabe nem falar e mentiu quanto ao mestrado. O Temer é farinha do mesmo saco e fez uma reunião a portas fechadas com executivos da Microsoft, pra quê? Os outros da oposição estão queimados. Estou decepcionado com o Alckmim.
          Ainda resta o Doria, vamos ver.

          • Pedro Rios
            Compreensíveis teus argumentos. Contudo, peço para analisares pelo outro lado.
            Poucas pessoas dão/investem um tempinho para as coisas em sua volta. Futilidades, coisas menores, quase sempre merecem maior atenção.
            Quando chegam as eleições, desligam rádio/tv, odeiam os políticos e a política, se dizem decepcionados e desgostos. Somente desculpas e falta de tempo. Vão às urnas e lá cometem o ato semi-final: votam de qualquer jeito e por qualquer aspecto, menos os que deveriam servir como balizadores de sua decisão.
            E ai chega o momento do último ato. Quando deu tudo errado, transferem para os outros a busca das soluções. “Será que ninguém fará nada”?
            É preciso que, pelo menos a maioria, queira mudar para melhor as escolhas.
            Sem isto, o fundo do poço estará cada vez mais distante nós cada vez mais dentro dele.
            Abraço e saúde.
            Fallavena

      • Corrigindo: “Lula é um fenômeno” está na Nota do Carlos Newton. A gente comete enganos e ficou na minha mente a repetição de AndréBR; Desculpe-me, Carlos Newton.

  12. O falecido senador Ramez Tebet dizia que “fora da política não há salvação”. Ele falava da boa política, e não da politicagem que sempre prevaleceu no país.
    Os militares odiavam a politicagem, mas. confundindo as botas, também desprezavam a política. Naquele momento os maus políticos proliferavam e comandavam a nação. Analfabetos políticos, assumiram o poder, e, em todos os níveis, víamos burocratas “esclarecidos” fazendo questão de demonstrar sua suposta pureza rasgando cartões de apresentação de políticos profissionais.
    Exigiam que esses burocratas e técnicos não tivessem qualquer contato com a política.
    Da mesma forma trataram o ambiente sindical.
    Deu no que deu.
    Escolheram mal suas apostas.
    Sintomaticamente, Paulo Maluf, o probo, e Lula.
    Agora, Paulo Maluf deve estar estarrecido com a roubalheira.
    Cruz credo.

    • Renato
      Lendo teu comentário sobre Maluf, lembrei-me de algumas manifestações dele:”eu nego tudo”. Maluf deve ter levado um bocado de grana. No entanto, perto dos caciques atuais, não passaria de um pivete.
      Abraço e saúde
      Fallavena

  13. A meu ver, o Presidente LULA- PT é um fenômeno Político mas não chegará mais a Presidência da República.
    Primeiro: porque como bem disse o Sr. CARLOS NEWTON nosso Editor/Moderador, o Gov. BRIZOLA – PDT já não está mais entre nós.
    Segundo: porque indicou a Presidenta DILMA-PT para sua sucessão, e não teve força para tirá-la após o primeiro Quadriênio, ( Operação PF Porto Seguro), acabando o País indo para sua maior Recessão desde 1929, e para o Impeachment da Presidenta DILMA.

    O SISTEMA ( Representação Política do Capital Internacional de Matriz no Exterior, 90% do Capital Nacional de Matriz no Brasil, os Meios de Comunicação de Massas do Brasil, etc,etc,) não tem mais interesse no Presidente LULA ( que já prestou seus Serviços), e permitirá que o Presidente LULA seja preso, e consequentemente inelegível.

    Apostarão suas “fichas” num novo nome, que tenha tradição de “não ter sido Político”. Esse Nome terá grande chance de vitória.

    • Por acaso trata-se do Dória esse novo nome?
      Se for, isso mais parece propaganda subliminar paga….

      Certamente ha pedras suficientes para o Doriana não ser nem candidato…

      Isso ai que chamam Doria, é produto do ‘mal’ que acomete o Brasil,há muito tempo…

    • Feliz Páscoa Flávio,

      O nome mais provável com chances de vitória em 2018 é do prefeito de São Paulo, João Dória Jr. Os nomes do PSDB estão queimados e Bolsonaro é considerado radical. Não vai surgir nenhum nome que não esteja entre os atuais. Contudo, vai depender do apoio da mídia, em particular do Grupo Globo, Estadão, Folha e Abril. Com o apoio da mídia o candidato será imbatível, porque vai crescer nas pesquisas e atrair o apoio de políticos e partidos.

  14. Há tempos vc publicou sobre o Penna pres do PV. Agora ele recebeu a secretaria de cultura do Alckmin por este ter apoiado o Dória e foi prestigiado pelo Freire, ambos estão na lista Fachin. Vc acha que a lava-jato chegará aos dirigentes dos partidos políticos centrais da corrupção?

    • Os dirigentes dos partidos não serão alcançados, Ana Carla. O TSE é inoperante, aprova as prestações de contas por prescrição. É um vexame e poucos se interessam, como você.

      Feliz Páscoa a você e a toda a galera da TI.

      CN

  15. Se gente reacionária como Carlos Newton, Merval Pereira, a mídia corrupta e golpista, elogiassem Lula aí sim não daria para acreditar no líder metalúrgico. Mas ser atacado e desmoralizado por essa gente só enriquece o currículo de Lula. Se eles são de direita, Lula está na esquerda.

  16. Lula enganou meio mundo. Mas não consegue enganar o tempo. Aliás ele está descobrindo, da pior maneira possível, que ninguém engana o tempo.

    O tempo desvela tudo, e a todos!

    Jesus abordou isso. E é impossível encontrar qualquer equívoco nos ensinamentos de Jesus.

    Lucas 8:17:

    “Porquanto não há nada oculto que não venha a ser revelado, e nada escondido que não venha a ser conhecido e trazido à luz”.

    Marcos 4:22:

    “Pois nada há de oculto que não venha a ser revelado, e nada em segredo que não seja trazido à luz do dia”.

    Isso vale para tudo. Para as descobertas científicas, para as mentiras, para os engodos, para as corrupções, e etc…

    E faz parte dos desígnios de Deus, o Pai de todos, o criador do universo inteiro!

    • – “Você, que leu este meu comentário acima, e trai a sua esposa, engana a sua família, trapaceia no emprego, ludibria o seu sócio, “pedala” perante o imposto de renda… fique sabendo que você não engana o tempo! Ele vai lhe apanhar, no momento adequado, e que nunca é igual, com ninguém, e no universo inteiro. Chegará o momento em que você precisará prestar contas, de infinitas formas, sobre TODO e qualquer desvio que cometeu perante as leis universais. Pode chamar isso de “tempo”, conforme fiz acima. E eu, como espírita, gosto de chamar de Lei de Causa e Efeito. Mas as denominações são de menor importância. O que importa são os efeitos disso, que são portanto a manifestação da justiça perfeita de Deus”.

  17. Senhores,

    Vamos nos ater aos números das pesquisas. Lula é o candidato mais citado, mas também o mais rejeitado em todas as pesquisas com índices que ultrapassam os 45% de rejeição. Além de ter uma oposição sistemática da grande mídia (Globo,Estadão,Folha,Veja) que controla a comunicação no Brasil, nenhum candidato com alto índice de rejeição consegue se eleger. Pensem se Lula hoje já não seria aquele candidato que perdeu 3 eleições consecutivas (1989,1994 e 1998)? Portanto o problema é saber quem será o anti-Lula nas eleições de 2018 e que ainda não está definido.

  18. A onda criminalizando Lula é tão fictícia quanto sua defesa sob a ótica da perseguição. As implicações judiciais são concretas, há meia dúzia de processos que envolvem familiares ou diretamente o ex-presidente, mas até onde se sabe não há base para prende-lo. Contudo, há anos isto vem sendo alardeado em factoides políticos que são respondidos noutro extremo com igual dose de exagero por seus seguidores. A democracia levou mais 30 anos para ser construída, desde antes de 1986 (eleições gerais e Constituinte) até passando de 2016, e Lula já não sendo uma liderança qualquer jamais poderia ter agido como agiu diante de eventos cruciais, por exemplo, minando a autoridade da presidente Dilma em muitas circunstâncias ou deixando que a imprensa noticiasse situações constrangedoras, a exemplo da última jogada em que é anunciado para ministro chefe da Casa Civil praticamente encerrando o governo naquele ato.. (continua no link adiante) http://www.facebook.com/photo.php?fbid=1866151280267801&set=rpd.100006188403089&type=3&theater

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *