Ao xingar Barroso de “filho da p…”, Bolsonaro deve ser condenado pelo STF e ficar inelegível

Filhos de Bolsonaro postaram o video e depois apagaram

Jorge Béja

Bolsonaro, o presidente da República, chamou Luiz Roberto Barroso, ministro do Supremo Tribunal Federal, de “filho da puta”. É uma baita ofensa. Imensa ofensa. A carga ofensiva desta injúria tem peso e consequências de tal ordem porque parte da boca do presidente da República.

E é inacreditável que tanto tenha ocorrido mesmo. Mas ocorreu, sim. O curto vídeo está na internet. Peço ao nosso editor, jornalista Carlos Newton, que não o reproduza neste meu artigo. Nem em artigo algum, porque repercute, dá elasticidade e divulgação.

CRIME DE INJÚRIA – Barroso tem agora o dever de, imediatamente, representar ao Ministério Público Federal para que instaure Ação Penal por crime de injúria, previsto no artigo 140 do Código Penal, que prevê pena de detenção de um a seis meses ou multa.  .

Artigo 140 – Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro;

Pena – detenção, de seis meses, ou multa.

E no caso da inércia do Ministério Público Federal, isto é, se a Procuradoria-Geral da República cruzar os braços e nada fizer em 5 dias úteis, então o cabe ao ministro, ele próprio, ingressar com ação penal privada subsidiária à pública. O foro competente é a própria corte que o ministro Barroso integra, o STF.

NÃO EXISTE DEFESA – Não vejo defesa para Jair. A prova é pública. A ofensa, por partir de quem partiu e por ofender quem foi ofendido, ganha proporções gigantescas.

Luiz Roberto Barroso também precisa ingressar na Justiça Federal de primeira instância em Brasília com outra ação. Esta para ir no bolso do Bolsonaro. É a ação reparatória por dano moral. E considerando o baita palavrão que Jair xingou o ministro, a repercussão, e o cargo que Barroso ocupa, a experiência e especialidade nesta área me fazem pensar em não menos de 1 milhão de reais. Daí pra cima.

E tem mais: se Barroso processar criminalmente Jair Bolsonaro e o STF decidiu pela condenação, é certo que Jair se tornará inelegível, na Lei da Ficha Limpa, porque será condenação definitiva e irrecorrível, por ter sido proferida pela Suprema Corte.

25 thoughts on “Ao xingar Barroso de “filho da p…”, Bolsonaro deve ser condenado pelo STF e ficar inelegível

  1. Esta”coisa” que se identifica como nosso “presidente da república”, não passa de um nojento, um mau militar, um desrespeitoso devasso e deve pagar pelo que fez. Sinto imensa vergonha que o Brasil seja conduzido por um criminoso desses. Deve ser afastado do cargo imediata e permanentemente e perder seus direitos políticos.

  2. O que o médico psiquiatra e psicanalista, doutor Ednei José Dutra de Freitas, pode nos dizer sobre este fato à luz da ciência psiquiátrica e psicanalista?

    • Prezado amigo Dr. Jorge Béja,

      Em atenção ao seu pedido, á luz da ciência psiquiátrica e psicanalítica são as seguintes colocadas abaixo. Bolsonaro é um Psicopata Paranoide, o que é equiparado à alienação mental, cujo único remédio (para o Brasil) digno é o de ser interditado e afastado da Presidência da República, já que a Psicopatia é doença incurável, porque é doença intata. E tudo que é inato não pode ser tratado por psiquiatra, psicanalista ou psicólogo. Com sua psicopatia está destruindo o Brasil, nossa floresta amazônica, provocando catástrofes climáticas no Brasil e no mundo e matando os brasileiros de covid-19 e de fome !, sem sentir qualquer empatia ou solidariedade pelas vítimas e famílias que perderam seus entes queridos, ou pelos já quase 600 mil mortes por covid-19, bem como os milhões de sequelados quando se salvam da UTIs , muitos com doenças no fígado; na marcha; cerebrais e mentais que foram internados por covid-19, e que farão que esses pacientes fiquem com doença permanente para o resto da vida (por exemplo: lesão grave no fígado, necessitando de diálise peritoneal pelo resto da vida) . Bolsonaro sofre doença inata de caráter e não vai mudar de comportamento pelo resto de sua vida, como escrevi abaixo, na Tribuna da Internet. Provocou desemprego de 18m milhões de brasileiros, a morte de brasileiros pela fome, propiciou que milhões de brasileiros passarem a montar um “exército de brasileiros morando nas ruas, ao relento, e O mesmo defeito inato da psicopatia foi transmitido geneticamente aos seus filhos 01; 02 e 03, também psicopatas. Todos afrontam a Constituição de 1988, afrontam diariamente os demais Instituições, promovem roubos com “rachadinhas”, lavagem de dinheiro, são parceiros de milicianos assassinos , entra outras transgressões da Constituição e das Leis. Todos os membros da família Bolsonaro responde inquéritos por crimes, e ainda não foram presos, como Sérgio Cabral por causa da morosidade da Justiça,, muitas vezes colocadas na gaveta de Arthur Lira (PP-PI) com mais de 140 pedidos de impeachment, bem como, por cumplicidade do ambicioso Augusto Aras, que engaveta as investigações do MPF, August Aras que foi escolhido por Bolsonaro fora da Lista Tríplice, exatamente para fazer este triste papel, de não apresentar ao STF as provas robustas de diverso crimes de Jair Bolsonaro, provas robustas contra o clã Bolsonaro, apresentadas pelo STF, e que ficam na gaveta de August Aras, isto quando Aras não apresenta ao STF pareceres que inocentam os crimes do clã Bolsonaro. Aras vendeu a alma para Bolsonaro para continuar na PGR, na esperança de ser reconduzido à PGR, e , no futuro ser conduzido ao STF.

      SOBRE A PSICOPATIA DE JAIR BOLSONARO

      Conheça os sintomas da Psicopatia ou Bolsonaropatia, uma doença que não tem cura

      Publicado em 7 de agosto de 2021 por

      Tribuna da Internet

      FacebookTwitterWhatsAppPrint
      Revolta da Vacina Ednei José Dutra de Freitas

      Primeiramente, é importante ressaltar que somente os maiores de 18 anos podem ser diagnosticados na Psicopatia, ou Bolsonaropatia, mas os sintomas começam a aparecer desde cedo. Vejamos os sintomas mais frequentes e recorrentes:

      – Muita dificuldade em seguir e respeitar as normas de algum lugar, e essa característica se torna muito aparente na contínua prática de crimes;

      – Os psicopatas ou bolsonaropatas têm práticas reiteradas relacionadas à mentira, sempre utilizam de artifícios para enganar ou tirar vantagem, proveito das situações. Inclusive, a mentira é tão natural que chegam a nem perceber as vezes que estão mentindo, então para ele quem vence é o melhor;

      – A comunicação em si é muito boa, o bolsonaropata consegue enganar com muita facilidade e se passa por outra pessoa sem nenhum problema. Porém, as relações não são nada proveitosas nem duradouras;

      – A autoestima e o ego são muito elevados, sempre se acham os melhores e não permitem um diálogo para discussão, porque acha que é o dono da razão. Sempre acha que os outros estão na mão dele e ele tem controle de toda a situação;

      – A adrenalina é a força motriz para esse indivíduo. Ficar parado ou sem fazer nada não preenche a vida dele, mesmo no trabalho, se ele ocupar um cargo em que as atividades sejam paradas ou monótonas, ele não vai ficar ali.

      – As reações do psicopata ou bolsonaropata são as mais impulsivas possíveis. Se ele se sentir ameaçado, a reação com certeza vai ser em dobro do que ele achou ser um “ataque”.

      SEM CURA – É possível mudar a mente de um psicopata ou bolsonaropata?

      A culpa nunca é um problema para o psicopata ou bolsonaropata. Onde esse indivíduo estiver, ele vai conseguir deixar alguém mal com suas atitudes, mas ele nunca vai se sentir culpado por isso, justamente porque ele não tem sentimentos ou nenhum tipo de emoção. O que ele tiver que fazer, ele vai fazer, independentemente de quem saia ferido;

      O psicopata ou bolsonaropata não tem nenhum tipo de compromisso com os demais, por ser uma pessoa instável e nada confiável. Quem sofre realmente é a família ou pessoas mais próximas que sempre vão acreditar na mudança e melhora, o que, na verdade, nunca acontece.

      É sempre falso com os que se acham dele um amigo, e os descarta sem pudor quando contrariam seus interesses. Só é solidário à sua família nuclear, especialmente com seus filhos. O distúrbio é inato, irremovível, e não há tratamento médico ou psicológico para este tipo de indivíduo.

      • Concordo com os comentários de Jaco, ANTONIO, Ronaldo, César-Fortaleza, Roberto Nascimento e Daniela, e aplaudo a oportuna pergunta do nobre e ilustrado advogado Dr. Jorge Béja, feita ao Dr. Ednei.

        A pergunta do ilustre advogado Dr. Jorge Béja foi um chamamento a um dos mais respeitáveis psiquiatras que já trabalharam no nosso Recife, e a resposta do Dr. Ednei ao sábio advogado elucida de vez sobre a alienação mental (Psicopatia) do pior presidente, o mais cruel e genocida presidente que o Brasil já teve desde a proclamação da
        República, o “rachadinha” e miliciano Jair Messias Bolsonaro.

        Fora Jair Bolsonaro ! Fora assassino genocida ! O recifense está passando fome e milhares vivem nas ruas ! Os recifenses que estão na extrema pobreza vivem nas ruas e sem agasalhos e alimentos ! Fora candidato a ditador de extrema direita no Brasil ! Impeachment já para Jair Bolsonaro ! Fora Augusto Aras ! Fora Arthur Lira )PP-PI) –
        cupincha de Bolsonaro, líder do maldito centrão, e que responde a processos de corrupção na Suprema Corte por roubo na Petrobras! Arthur Lira envergonha o nosso Nordeste ! Parabéns ao Dr. Ednei.

  3. Este comportamento está perfeitamente enquadrado dentro do caráter e da personalidade de Bolsonaro.
    Não sei porque a surpresa!
    Este tipo de linguajar é comum entre milicianos.
    Eu até acho que Bolsonaro tem se comportado bem diante de perguntas de jornalistas. Principalmente do sexo feminino.
    Ele até já declarou que sua vontade era ir “as vias de fato”.
    Congratulo o por estar se superando e não ter chegado a esse nível.
    Mas quem sabe em breve….

  4. Honestamente, acho que ele não tem nada de maluco.

    O que ele está provocando é uma imensa convulsão social e política.
    É a única solução pra ele, não tem outra.

    Vem extrapolando não é de hoje, esse papinho de maluco não convence.

    Evidentemente o Dr. Edinei pode avaliar melhor do que ninguém, o quanto é fingimento e quanto tem de verdade nessa “maluquice” que ele nos brinda todos os dias.

    Estou com o Dr. Béja, só um médico pra avaliar o quadro como um todo.

    JL

  5. Só relembrando:
    1-https://blog.tnh1.com.br/ricardomota/2014/06/21/o-ex-presidente-lula-e-o-fdp-do-itamar-franco/
    2-https://m.folha.uol.com.br/colunas/eliogaspari/2014/06/1472099-o-odio-ao-pt-e-o-odio-do-pt.shtml
    3-https://polibiobraga.blogspot.com/2014/10/lula-o-homem-que-chamou-o-presidente.html

    • Um presidente tem que respeitar a liturgia do cargo, já dizia o presidente Jose Sarney.
      As divergências entre os Poderes são normais e o respeito, a independência e a harmonia são pressupostos do regime democrático, um legado de Montesquieu, no seu livro clássico: “O Espírito das Leis”.
      Luis Roberto Barroso é um gentlman, ministro super educado, imparcial, culto e conhecedor profundo das Leis.
      Deve haver um motivo muito forte, para esses ataques presidenciais direcionados ao íntegro ministro Roberto Barroso.
      O artigo de Jorge Beja joga luz nessa escuridão. Fantástica análise jurídica, uma aula de Direito.

  6. E também,o “sereníssimo” e “equilibradíssimo” Leonel Brizola,ao perder a sigla PTB,para Ivete Vargas,chamou o TSE de CLOACA e todo mundo achou LINDO!
    Nada justifica a atitude insana de Bolsonaro,mas vale à pena relembrar aos desmemoriados de plantão!

    • Bah, cada justificativa. Se outros chamaram alguém de FDP, mesmo sem estar presidindo a nação. o presidente atual pode fazer isso.

      Torcedor é mesmo passional.

  7. Data Vênia, Sr. Werneck, os fatos atuais são tão contundentes e de maneira pessoal contra determinados ministros e contra o ministro Roberto Barroso têm sido diários, secundado por Alexandre Morais.
    Naquele episódio da entrega do PTB para Ivete Vargas, o poderoso ministro chefe da Casa Civil, Golbery do Couto e Silva manobrou para impedir Brizola de comandar a histórica sigla trabalhista. Brizola chorou naquele dia. Tudo foi feito para impedir Brizola de chegar ao Planalto.
    Desculpe por discordar de seu comentário, mas, a comparação não tem cabimento.

    • Realmente,Dr.Roberto Nascimento,o ínclito e brilhante engenheiro,Leonel de Moura Brizola era de uma finura à toda prova!
      O senhor está coberto de razão.
      Desculpe minha falha por relembrar este fato ,que só engrandece a memória daquele intelectual e político sem mácula,que foi um excelente administrador e um homem finíssimo.

  8. Com tudo isso fica evidente que a política brasileira está na latrina em meio ao que existe nela. E o que existe nela é deixado lá pelos mesmos, pois é só o que sabem fazer. Estão destruindo nosso país pela ganância e pelo poder eterno, e não estão nem aí se estamos sofrendo ou morrendo. São viboras sanguinárias, aliás, só o homem mata por prazer. Desculpem a minha indignação.

  9. Caro Dr Beja,

    O ex-ministro do supremo Celso de Mello, ainda quando ministro, chamou o Presidente da República Jair Bolsonaro de “Nazista”.

    O ministro do supremo Gilmar Mendes, chamou o Presidente da República Jair Bolsonaro de “Genocida”.

    Os caminhos que o senhor orienta neste artigo, vale também para os ministros do supremo ou é só para o Presidente da República? Os ministros cometereram crime? São passíveis de prisão? Impeachment? Não cometeram eles a mesma “Baita ofensa. Imensa ofensa”? Talvez até mesmo uma ofensa maior e mais grave?

    O que justo?

  10. Esta interessante e erudita polêmica a respeito do caráter e sanidade mental da “coisa” que habita o Alvorada, lembrou-me de um texto de Luiz Ruffato aqui postado por um colega, ao qual peço desculpas por não lembrar seu nome no moimento, já há algum tempo, e que eu achei definitivo e premonitório. Vale a pena ler e refletir.

    FP Rodrigues

    Essa alocução, atribuída a Quintus Severus Lauriacum, e datada de fins do século 1 ou começo do século 2, encontrada na seção de manuscritos do Museu do Vaticano em 1948, provavelmente refere-se a um cônsul que administrava alguma província do Império Romano – acredita-se que Nórica ou Rétia. O Autor, de quem nada sabemos, lamenta a gestão obscurantista e totalitária do governante, cujo nome se perdeu no tempo, e que o documento, incompleto, não revela. Abaixo, transcrevo o trecho que sobreviveu, cuja tradução deve-se ao grande latinista, padre Antônio Queiroga da Silva (1893-1961), publicado na antologia Codice Hieronymianum (Petrópolis: Vozes, 1960, p. 123-125).

    “E porque nascera de gente pobre (proletarii), odiava a gente pobre, para que não o confundissem com seu passado;
    E porque fora repudiado pela gente remediada (plebei), odiava a gente remediada e punia-a com pesados impostos (gravibus tributa) e perda de direitos (detrimentum iurim);
    E porque fora ridicularizado pela gente rica (patricii), adulava a gente rica, porque queria ser como eles.

    E porque, soldado medíocre (miles mediocriter), fora desligado das legiões militares (legionibus militum), odiava os militares e tudo fazia para humilhá-los em público;
    E porque, despido de inteligência (ingenio exuti), fora desmerecido pelos companheiros (comitibus), odiava as ciências, as matemáticas, as letras, as artes, a filosofia;
    E porque, filho de estrangeiro (peregrino filius), fora tratado com desdém (in fastu negas), odiava os estrangeiros, sobretudo os africanos (Africani) e os nativos (nativus).

    E porque, mau amante (malum amans), fora repelido pelas mulheres, odiava as mulheres e incentivava a crueldade contra elas;
    E porque, inseguro de sua virilidade (virilitatem), odiava e perseguia todos aqueles que praticavam amores não convencionais (amet ligula);
    E porque, sendo preguiçoso (otiosum), odiava os que trabalhavam e buscava maneira de prejudicá-los.

    E porque, possuído de espírito bélico (spiritus bellum), lançou suas milícias (militias) contra o povo;
    E, porque, sacrificando a todos os deuses (sacrifice omnibus diis), menosprezava cada um deles;
    E, porque odiasse o gênero humano (homines), nos legou a tirania (tyrannide), a violência (violentiam), a peste (pestis), a guerra (bellum);

    Porque, pretendendo desprezar a morte, desprezava na verdade a vida.

    Ó, deuses, lançai línguas de fogo (lingua ignis) sobre o Inominável (Innominabile) e seus seguidores (sectatores) para dizimar todos aqueles que,
    ressentidos, pregam o ódio;
    arrogantes, exaltam a ignorância;
    estúpidos, vangloriam a força física;

    Pois nada mais grave que a ignorância arrogante de um estúpido que, ressentido, prega o ódio entre seus semelhantes”.

  11. Bolsonaro deveria padecer justamente de Covid-19, doença a qual nega veentemente e ir para o céu. No inferno, estaria se juntando ao amigo capeta e seria mais uma feliz feliz como é gerindo o Brasil.
    Seu impeachment é necessário e já tardio, o que faz com que nós, Brasileiros fiquemos nas mãos de como disse o Ednei Freitas aqui nas publicações, um psicopata.

Deixe um comentário para Espectro Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *