Apoiar a democracia é defender direitos humanos e liberdade

Pedro do Coutto

Dois terços da opinião pública brasileira consideram a democracia o melhor regime (para se viver), enquanto 12% são indiferentes, tanto fazendo a forma de governo, se democrático ou ditatorial. Uma outra parcela não soube ou não desejou responder. Reportagem focalizando o resultado do levantamento, sempre oportuno, foi publicada na edição de ontem, segunda-feira 8, da Folha de São Paulo. Os números, a meu ver, deveriam apresentar uma diferença maior, em face dos acontecimentos ocorridos na história moderna do país. Mas o que fazer?

A FSP assinala inclusive que realiza essa pesquisa desde 1989 e a maioria de 66% foi a mais alta registrada até hoje. Exemplos comparativos não faltam no passado. Basta lembrar o nazismo de Hitler e os regimes comunistas soviético e chinês que desapareceram na névoa do tempo para se ter uma certeza absoluta do valor da liberdade e dos direitos humanos, destacando-se também a liberdade de imprensa, síntese dos demais na medida em que representa a comunicação de um país com sua população.

No Brasil, por exemplo, para citarmos um panorama do cotidiano, o mar revolto de corrupção na Petrobrás que veio à tona somente pode ser visto por todos através dos veículos de comunicação. Sem liberdade, desaparecem os direitos humanos. A Comissão Nacional da Verdade tem demonstrado o que constituiu viver sem liberdade total de expressão. Em dezembro de 2008, 61% se afirmavam pela democracia. Agora, seis anos depois, o índice subiu 5% na média geral.

MAIS ESCOLARIZADOS    

Para os segmentos mais escolarizados, a taxa atinge 80%. Como explicar a diferença entre os segmentos sociais? Talvez esteja na violência urbana que atinge mais intensamente os grupos de renda menor. Estes então esperam uma resposta dos governos e interpretam os direitos humanos, traduzindo-os em algo que beneficia o crime e os criminosos. A opinião pública, na sua média, resulta de fatores diversos. A permanente exposição à violência e à bandidagem é um deles. Há, de fato, necessidade de resposta efetiva, pois, afinal de contas, as pessoas de bem, de todas as classes, encontram-se com seus direitos limitados em consequência da falta evidente de segurança pública na proporção, sobretudo, do risco a que cada vez mais estão expostas.

Os domingos de sol, na zona sul do Rio, transformaram-se em fontes de preocupação crescente. As estatísticas oficiais confirmam a dramática realidade. Que, inclusive, encontra-se visual e diariamente exibida nas telas de praticamente todas as redes de televisão. Filmes registrando a verdade não faltam, especialmente os que se transformam em testemunhas inegáveis das violações da lei de modo geral, e de roubos e assassinatos em particular.

DEMOCRACIA, SEMPRE

A democracia foi novamente consagrada como a melhor forma de governo e de vida, sem dúvida, mas necessita ser ampliada. Começando pela segurança urbana, seguindo pelo roteiro do combate à corrupção, que figura entre as causas do empobrecimento, da desigualdade, da não solução dos desafios da saúde pública, que gravemente, e cada vez mais, ameaça eternizar-se entre nós, sufocando principalmente a parcela majoritária da população que não possui recursos suficientes para arcar com as despesas de um eficiente e correto plano de saúde.

Vendo-se o panorama de forma mais ampla, verificamos que a democracia é ainda mais importante do que parece, como a liberdade, tão essencial como o ar que se respira. A liberdade de poder cobrar justiça já constitui um fator decisivo.

28 thoughts on “Apoiar a democracia é defender direitos humanos e liberdade

  1. Não temos respeito próprio, não nos amamos, por isso, na minha modesta opinião, ainda não temos democracia evoluída. O BRT que liga a barra a zona oeste é depredado diariamente. Vale lembrar , que até pouco tempo atrás, as dificuldades de transporte naquela região eram muito maiores antes do BRT entrar em operação. O mesmo acontece com as estátuas do Drummond e do Zumbi, as pichações nos andares mais altos dos prédios, a sujeira nas ruas, a poluição dos rios, lagos e lagoas. Não é falta de educação, não é falta de informação nem de esclarecimento porque nas rádios, nas TV’s, nos jornais, na internet, nas ruas, em todo lugar , todo mundo comenta sobre esses fatos.

  2. Caro CN … Bom dia!

    Obedeçamos Papá, continuando na luta contra a Serpente: “14. Então o Senhor Deus disse à serpente: “Porque fizeste isso, serás maldita entre todos os animais e feras dos campos; andarás de rastos sobre o teu ventre e comerás o pó todos os dias de tua vida. 15. Porei ódio entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a dela. Esta te ferirá a cabeça, e tu ferirás o calcanhar.” (Gn 3)

    A questão não é entre humanos … ou é??? é entre as descendências!!!

    Eis a MULHER:

    1 – “1. Três dias depois, celebravam-se bodas em Caná da Galiléia, e achava-se ali a mãe de Jesus. 2. Também foram convidados Jesus e os seus discípulos. 3. Como viesse a faltar vinho, a mãe de Jesus disse-lhe: Eles já não têm vinho. 4. Respondeu-lhe Jesus: Mulher, isso compete a nós? Minha hora ainda não chegou. 5. Disse, então, sua mãe aos serventes: Fazei o que ele vos disser. (Jo 2)

    2 – “25. Junto à cruz de Jesus estavam de pé sua mãe, a irmã de sua mãe, Maria, mulher de Cléofas, e Maria Madalena. 26. Quando Jesus viu sua mãe e perto dela o discípulo que amava, disse à sua mãe: Mulher, eis aí teu filho. 27. Depois disse ao discípulo: Eis aí tua mãe. E dessa hora em diante o discípulo a levou para a sua casa. 28. Em seguida, sabendo Jesus que tudo estava consumado, para se cumprir plenamente a Escritura, disse: Tenho sede. 29. Havia ali um vaso cheio de vinagre. Os soldados encheram de vinagre uma esponja e, fixando-a numa vara de hissopo, chegaram-lhe à boca. 30. Havendo Jesus tomado do vinagre, disse: Tudo está consumado. Inclinou a cabeça e rendeu o espírito. (Jo 19)
    … … …
    Jesus começa transformando água em vinho a pedido da MULHER!!!
    Jesus termina tomando vinagre … antes arruma casa para a MULHER (desmentindo que Jesus tivesse algum caso com Santa Maria Madalena)!!!
    E Jesus nos deixa Maria como nossa Mamãezinha; pois somos seus discípulos amados – somos, que nem Jesus, a descendência da MULHER!!! !!! !!! chegamais

  3. A democracia é o império da lei. Esta lei deve ser de acordo com os costumes do povo que vai viver sob a sua
    eficácia. Também deve ser aprovada pela maioria destas pessoas.
    Agora, impunidade, quando existe legislação que pune certos comportamentos, não contribui em nada para
    os anseios democráticos da população. Dai esta simpatia pelas ditaduras, que na visão dos menos esclarecidos, são rápidas e rasteiras e promovem a justiça com brevidade.
    Porem, hoje o que se observa, é que não vivemos em uma verdadeira democracia. A lei que deveria ser a norma de conduta de todos os cidadão, são ignoradas justamente pelos que dela deveriam zelar e cumprir.
    Com todas essas denuncias de falcatruas em quase todo o governo e com a impunidade cada vez maior, fica mesmo difícil acreditar que o regime democrático brasileiro, seja digno deste nome.

  4. Caro ZE IGNORANTE … saudações!!!

    Nas ditaduras também imperam leis … e como IMPERAM!!!

    Quanto aos nossos costumes, são de fundamentos cristãos … e, hoje, escuta-se muito que Deus não castiga!!! É muito citado o episódio da mulher adúltera … vamos lá???

    “1. Dirigiu-se Jesus para o monte das Oliveiras. 2. Ao romper da manhã, voltou ao templo e todo o povo veio a ele. Assentou-se e começou a ensinar. 3. Os escribas e os fariseus trouxeram-lhe uma mulher que fora apanhada em adultério. 4. Puseram-na no meio da multidão e disseram a Jesus: Mestre, agora mesmo esta mulher foi apanhada em adultério. 5. Moisés mandou-nos na lei que apedrejássemos tais mulheres. Que dizes tu a isso? 6. Perguntavam-lhe isso, a fim de pô-lo à prova e poderem acusá-lo. Jesus, porém, se inclinou para a frente e escrevia com o dedo na terra. 7. Como eles insistissem, ergueu-se e disse-lhes: Quem de vós estiver sem pecado, seja o primeiro a lhe atirar uma pedra. 8. Inclinando-se novamente, escrevia na terra. 9. A essas palavras, sentindo-se acusados pela sua própria consciência, eles se foram retirando um por um, até o último, a começar pelos mais idosos, de sorte que Jesus ficou sozinho, com a mulher diante dele. 10. Então ele se ergueu e vendo ali apenas a mulher, perguntou-lhe: Mulher, onde estão os que te acusavam? Ninguém te condenou? 11. Respondeu ela: Ninguém, Senhor. Disse-lhe então Jesus: Nem eu te condeno. Vai e não tornes a pecar. (Jo 8)

    Observemos que questionam Jesus acerca da Lei de Moisés … está lá:

    1 – “Se um homem cometer adultério com uma mulher casada, com a mulher de seu próximo, o homem e a mulher adúltera serão punidos de morte”. (Lv 20,10) … só levaram a mulher!!!

    2 – “dormindo com outro homem, e isso se passar às ocultas de seu marido, se essa mulher se tiver manchado em segredo, de modo que não haja testemunhas contra ela e ela não tenha sido surpreendida em flagrante delito;” (Nm 5,13) … há necessidade de testemunhas!!!

    3 – “Sobre o depoimento de duas ou três testemunhas morrerá aquele que tiver de ser morto. Mas não será morto sobre o depoimento de uma só:” (Dt 17,6) … todos se retiraram, suspendendo a acusação!!!

    4 – “A mão das testemunhas será a primeira a feri-lo para matá-lo, depois a mão de todo o povo. Assim extirparás o mal do meio de ti”. (Dt 17,7) … quem jogaria a 1ª pedra???

    5 – Jesus termina, pedido que não volte a pecar!!! pois, se voltasse … e sem Jesus por perto … … … snifff

  5. Democracia capitalista

    Nenhuma fábrica ou empresa do mundo jamais pensou administrar os seus negócios usando a democracia capitalista. Iriam à falência em reduzido tempo. Os empresários e comerciantes, nada estúpidos, escolhem seus empregados, gerências e diretorias, baseado na demonstrada comprovada competência e fidelidade.

    Além disso, acertados os projetos e rumos – os melhores e mais confiáveis para suas empresas – ninguém continua questionando, fazendo oposição, corpo mole, trabalho desleixado e incompetente, sabotagens, praticando traições, entreguismos, roubalheiras, e outras perversidades mais, pertinentes às democracias capitalistas.

    Por isso mesmo, as democracias capitalistas continuam se arrastando a 50 km/h, enquanto a China, desde 1949, prossegue a 500 km/h. E, só mais alguns anos, a China sairá da atual posição de segunda economia mundial para a de primeira economia mundial (até agora ocupada pelos EUA). E, apesar de tudo isso, e muito mais, continuam dizendo que o homem é inteligente. Que Deus tenha infinita compaixão de nossa alma, não só por conta de nossa maldade, como também, de nossa imensa burrice.

    • Que bobagem meu caro! Te superaste. China a 500 km/h desde 1949? Erraste a medida e a escala, são na verdade aproximadamente 2 milhões de mortos/ano da ditadura comunista de Mao.

  6. correção:
    5 – Jesus termina, PEDINDO que não volte a pecar!!! pois, se voltasse … e sem Jesus por perto … … … snifff
    … … …
    Continuemos com:

    “12. Falou-lhes outra vez Jesus: Eu sou a luz do mundo; aquele que me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida. 13. A isso, os fariseus lhe disseram: Tu dás testemunho de ti mesmo; teu testemunho não é digno de fé. 14. Respondeu-lhes Jesus: Embora eu dê testemunho de mim mesmo, o meu testemunho é digno de fé, porque sei de onde vim e para onde vou; mas vós não sabeis de onde venho nem para onde vou. 15. Vós julgais segundo a aparência; eu não julgo ninguém. 16. E, se julgo, o meu julgamento é conforme a verdade, porque não estou sozinho, mas comigo está o Pai que me enviou. 17. Ora, na vossa lei está escrito: O testemunho de duas pessoas é digno de fé (Dt 19,15). 18. Eu dou testemunho de mim mesmo; e meu Pai, que me enviou, o dá também. 19. Perguntaram-lhe: Onde está teu Pai? Respondeu Jesus: Não conheceis nem a mim nem a meu Pai; se me conhecêsseis, certamente conheceríeis também a meu Pai. 20. Estas palavras proferiu Jesus ensinando no templo, junto aos cofres de esmola. Mas ninguém o prendeu, porque ainda não era chegada a sua hora. 21. Jesus disse-lhes: Eu me vou, e procurar-me-eis e morrereis no vosso pecado. Para onde eu vou, vós não podeis ir. 22. Perguntavam os judeus: Será que ele se vai matar, pois diz: Para onde eu vou, vós não podeis ir? 23. Ele lhes disse: Vós sois cá de baixo, eu sou lá de cima. Vós sois deste mundo, eu não sou deste mundo. 24. Por isso vos disse: morrereis no vosso pecado; porque, se não crerdes o que eu sou, morrereis no vosso pecado. 25. Quem és tu?, perguntaram-lhe eles então. Jesus respondeu: Exatamente o que eu vos declaro. 26. Tenho muitas coisas a dizer e a julgar a vosso respeito, mas o que me enviou é verdadeiro e o que dele ouvi eu o digo ao mundo. 27. Eles, porém, não compreenderam que ele lhes falava do Pai. 28. Jesus então lhes disse: Quando tiverdes levantado o Filho do Homem, então conhecereis quem sou e que nada faço de mim mesmo, mas falo do modo como o Pai me ensinou. 29. Aquele que me enviou está comigo; ele não me deixou sozinho, porque faço sempre o que é do seu agrado. 30. Tendo proferido essas palavras, muitos creram nele.(Jo 8)
    … … …
    E Jesus entra pesadamente na questão das 2 testemunhas!!! suficientes para a condenação dos que não acreditam nEle!!! !!! !!!

  7. Num momento de crise de Credibilidade no nosso desorganizado Sistema Político, quando alguns começam a duvidar das vantagens da nossa Democracia Representativa, institucionalizada em nossa Constituição Federal de 1988, o grande Jornalista Sr. PEDRO DO COUTTO, em excelente artigo acima, nos lembra que: “Apoiar a Democracia é defender Direitos Humanos e Liberdade”. É Verdade, mas há Democracia e Democracia.
    A nossa Democracia é muito DESORGANIZADA. A meu ver, essa Desorganização leva a grandes distorções, que exigem CORREÇÃO. É necessário, que Reformas Democráticas sejam feitas para que a vontade da maioria do POVO seja fielmente OBEDECIDA pelos seus Representantes Políticos.

  8. Prezado Sr. WELINTON NAVEIRA E SILVA, Saudações.
    Entendo seu ponto de vista, mas uma coisa é gerir uma Empresa Privada que busca maximizar o LUCRO para seus Proprietários, outra bem diferente é Administrar um País com Justiça e Equidade, visando melhorar o Padrão de Vida de TODOS, especialmente dos mais Pobres.
    A eficiência de uma Empresa sendo gerida por padrão Ditatorial ( Os Donos do Capital impõem sua vontade, independente da vontade dos Empregados) é maior, do que se os Empregados fizessem eleições para eleger seus sub-Gerentes, Gerentes, Diretoria, etc. Mas no caso de um País, NÃO. É natural que um Empregado não tenha Liberdade Individual dentro de uma Empresa Privada, pois que o Capital da Empresa não é dele, mas se ele comprar Ações/Participação nessa Empresa, então passa a ter Direito de Voto e quanto mais Ações, mais Participação e Liberdade Individual nela. Num País, como CIDADÃOS todos tem direito a participação na Administração Pública, e dentro da LEI, numa Democracia, todos temos LIBERDADE INDIVIDUAL.
    Por isso o grande Economista Lord KEYNES dizia que o grande desafio Político do futuro era: conseguir eficiência Produtiva com LIBERDADE INDIVIDUAL. No tempo dele, o Comunismo, o Fascismo e o Nazismo ( Ditaduras Científicas) acabaram com o DESEMPREGO, mas em troca da preciosa LIBERDADE INDIVIDUAL, o que não foi SUSTENTÁVEL.
    Também me parece, que para sair rapidamente da Pobreza, para a um estágio MÉDIO de Padrão de Vida, uma Ditadura como a Chinesa ( Partido Único ) que trocou Liberdade Individual por Eficiência Econômica, é mais eficiente, mas a partir dali, pela concentração da Riqueza e da Renda e por falta de LIBERDADE INDIVIDUAL o Sistema não será SUSTENTÁVEL. Terá que se DEMOCRATIZAR ou implodirá.

  9. Existem duas noções de democracia. Uma fundamentada no respeito a individualidade de cada um. Esta se harmoniza melhor com a nossa natureza. Reconhece o direito de cada ser o que é e isto, já está provado pela genética.
    A outra, baseada na inveja e no ódio, nega a primeira com a falácia de que somos iguais e merecemos igualmente qualquer bem. É a democracia vermelha, em que seus mentores criam falsas-moral e estabelecem “verdades” como num conto de fada, que, claro, encanta a maioria carente de informação.
    Quando esses profetas da “salvação” tomam o poder, transformam o povo em seu escravo.
    Só não vê quem é cego.

  10. Estranho, a maioria esmagadora da população brasileira nunca viveu uma democracia de verdade ONDE TODOS CUMPREM A LEI!!! (art.5 da constituição, ignorado e estuprado diariamente).
    Então como podem preferir viver algo que não experimentaram?

    • Tá certo, Aranha, não existe democracia com estado forte como o brasileiro. Inclusive, a obrigação de votar já mostra que o que é a nossa democracia, que tem muito a ver com o tal estado novo de Getulio.

  11. Como é a LIBERDADE??? continuemos, então:

    “31. E Jesus dizia aos judeus que nele creram: Se permanecerdes na minha palavra, sereis meus verdadeiros discípulos; 32. conhecereis a verdade e a verdade vos livrará. 33. Replicaram-lhe: Somos descendentes de Abraão e jamais fomos escravos de alguém. Como dizes tu: Sereis livres? 34. Respondeu Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: todo homem que se entrega ao pecado é seu escravo. 35. Ora, o escravo não fica na casa para sempre, mas o filho sim, fica para sempre. 36. Se, portanto, o Filho vos libertar, sereis verdadeiramente livres. 37. Bem sei que sois a raça de Abraão; mas quereis matar-me, porque a minha palavra não penetra em vós. 38. Eu falo o que vi junto de meu Pai; e vós fazeis o que aprendestes de vosso pai. 39. Nosso pai, replicaram eles, é Abraão. Disse-lhes Jesus: Se fôsseis filhos de Abraão, faríeis as obras de Abraão. 40. Mas, agora, procurais tirar-me a vida, a mim que vos falei a verdade que ouvi de Deus! Isso Abraão não o fez. 41. Vós fazeis as obras de vosso pai. Retrucaram-lhe eles: Nós não somos filhos da fornicação; temos um só pai: Deus. 42. Jesus replicou: Se Deus fosse vosso pai, vós me amaríeis, porque eu saí de Deus. É dele que eu provenho, porque não vim de mim mesmo, mas foi ele quem me enviou. 43. Por que não compreendeis a minha linguagem? É porque não podeis ouvir a minha palavra. 44. Vós tendes como pai o demônio e quereis fazer os desejos de vosso pai. Ele era homicida desde o princípio e não permaneceu na verdade, porque a verdade não está nele. Quando diz a mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira. 45. Mas eu, porque vos digo a verdade, não me credes. 46. Quem de vós me acusará de pecado? Se vos falo a verdade, por que me não credes? 47. Quem é de Deus ouve as palavras de Deus, e se vós não as ouvis é porque não sois de Deus. 48. Responderam então os judeus: Não dizemos com razão que és samaritano, e que estás possesso de um demônio? 49. Respondeu-lhes Jesus: Eu não estou possesso de demônio, mas honro a meu Pai. Vós, porém, me ultrajais! 50. Não busco a minha glória. Há quem a busque e ele fará justiça. 51. Em verdade, em verdade vos digo: se alguém guardar a minha palavra, não verá jamais a morte. 52. Disseram-lhe os judeus: Agora vemos que és possuído de um demônio. Abraão morreu, e também os profetas. E tu dizes que, se alguém guardar a tua palavra, jamais provará a morte… 53. És acaso maior do que nosso pai Abraão? E, entretanto, ele morreu… e os profetas também. Quem pretendes ser? 54. Respondeu Jesus: Se me glorifico a mim mesmo, a minha glória não é nada; meu Pai é quem me glorifica, aquele que vós dizeis ser o vosso Deus 55. e, contudo, não o conheceis. Eu, porém, o conheço e, se dissesse que não o conheço, seria mentiroso como vós. Mas conheço-o e guardo a sua palavra. 56. Abraão, vosso pai, exultou com o pensamento de ver o meu dia. Viu-o e ficou cheio de alegria. 57. Os judeus lhe disseram: Não tens ainda cinqüenta anos e viste Abraão!… 58. Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: antes que Abraão fosse, eu sou. 59. A essas palavras, pegaram então em pedras para lhas atirar. Jesus, porém, se ocultou e saiu do templo”. (Jo 8)
    … … …
    Jesus aborda a questão das 2 descendências … liberdade só na VERDADE … … … só com liberdade se pode ser cristão!!!

  12. Uma dura verdade

    A sociedade de consumo junto com a sociedade capitalista, não irão muito mais longe por conta das inúmeras contradições dessa dupla, inclusive, o grande desemprego tecnológico devastando o polo consumidor, em todo o mundo, dia e noite, excluindo milhares de trabalhadores, braçais e intelectuais.

    Com o tempo, vai ficando bastante complicado continuar mantendo o sofisticado e gigantesco polo produtor mundial diante da acelerada redução do polo consumidor global, de infinita massa de trabalhadores com poder de consumo. Em todo o mundo, a importância da empresa pública vai se tornando uma realidade, a cada dia mais, no papel de tentar redução do acelerado desemprego tecnológico. O sistema privado prossegue excluindo milhares de trabalhadores, todos os dias, por conta da tecnologia. A redução mundial do polo consumidor vem sendo compensado pelo avanço das empresas públicas, em todo o mundo (haja impostos) assumindo o vácuo deixado pelas empresas privadas. Mas no sistema capitalista, essa mágica tem limites. A quebra final do capitalismo é inevitável.

    Não podemos esquecer que a surpreendente Dona Tecnologia, está produzindo maravilhosas fantásticas soluções, facilitando a vida do homem e o deslumbre dos consumidores. Mas, quase que sempre, objetivando substituição do trabalhador, intelectual e braçal, com grandes vantagens para os donos dos meios de produção. Alta produção, mais barata e de melhor qualidade.

    Na implantação de novas tecnologias, costuma criar novos espaços para o trabalhador, que na contabilidade final, elimina muito mais empregos do que cria. A produção tecnológica maximiza lucros e atende as crescentes sofisticações e qualidades exigidas pelo mercado consumidor. Ou seja, eliminar o trabalho humano é uma das maiores prioridades da tecnologia. Por isso mesmo, o grande desemprego que vai tomando conta do mundo.

    Assim sendo, Dona Tecnologia prossegue exterminando as bases da estrutura capitalista, acabando com o polo consumidor, substituindo o trabalho humano, botando no olho da rua milhares de trabalhadores. Eliminando a classe operária, braçal e intelectual, enfraquecendo o polo consumidor. Por conta da tecnologia, os baixos salários vão se tornando regra. Salvo exceções, com menos estudo e alguma agilidade mental, o candidato de hoje está apto a trabalhar em muitas atividades que até a alguns anos atrás exigia muito estudo. Mas, quem ganha pouco ou fica desempregado, perde poder de consumo. Com a acelerada redução do polo mundial consumidor, a falência final do sistema capitalista é inevitável. A data exata da quebradeira final, só Deus sabe. Também, se junto com a falência do sistema capitalista vem a guerra nuclear. Rezemos.

    • Segues nesta bobagem da época da revolução industrial, da tecnologia retirando emprego? Não bastaram 200 anos para mostrar justamente o contrário. Tecnologia não está relacionado ao capitalismo. É uma eterna evolução, desde antes do homem começar a manejar o fogo e plantar seu próprio alimento. Por que é nos países onde há maior avanço tecnológico que há também as menores taxas de desemprego? Muito simplificadamente, o computador tirou o emprego do datilógrafo, mas e quantas outras centenas criou? Emprego está associado a qualificação (educação) e pesquisa, é nisso que deve ser investido nossos impostos. Vamos deixar de viver no obscurantismo de ideias utópicas que a prática e o tempo demonstraram ser, senão fatais e sanguinárias, no mínimo, estúpidas.

  13. A verdade é o corpo e em seu universo há muito mais que imagina a nossa vã filosofia.
    Depois do advento da mente a verdade é que as verdades verdadeiras que fazem parte da nossa complexa genética foram substituídas ou forçadas a isto pelas “verdades ” estabelecidas por religiões ou ideologias, que são sistemas para a concretização do ideal, o maior delírio produzido pela mente ( a mente mente). Isto contraria a nossa natureza sobremaneira. Por isto a mais algumas , países onde ideologias totalitárias foram implantadas, como na URSS e em Cuba ainda hoje, o corpo do cidadão amolece, pois seus sonhos de melhorar de vida com esforço próprio passou a ser crime contra o estado. Daí a falência deles.
    Enfim, o menos pior, pois mundo perfeito jamais existirá, a não ser na cabeça dos totalitários, é a democracia capitalista como nos EUA, onde o cidadão é respeitado em seus direitos, mas que também tem suas obrigações.

    PS. Esse Naveira deveria viver pelo menos uns meses em Cuba, onde não há consumo, nem para sobreviver dignamente. Mas enquanto ele estiver num boa e velha estatal…..
    e, estatal é com regimes totalitários, em que os ocupantes do poder fazem a festa às custas do cidadão comum.

  14. Os EUA não é bom exemplo

    “Enfim, o menos pior, pois mundo perfeito jamais existirá, a não ser na cabeça dos totalitários, é a democracia capitalista como nos EUA, onde o cidadão é respeitado em seus direitos, mas que também tem suas obrigações.”
    Pra não falar de incontáveis outras dos EUA, aos milhares, ficando só nas últimas que a grande mídia “livre” liberou pro povão:

    1)Seis prisioneiros, que desde 2002 estão detidos em Guantánamo pela bela democracia EUA, sem provas alguma (possivelmente, foram torturados), são agora libertado e enviados para o Uruguai;

    2)Recentemente, dois negros foram barbaramente assassinados nos EUA, por policiais brancos. Ficaram impunes. Claro.

    • Os dois exemplos são desconhecimento dos fatos: “barbaramente assassinados”??? Não estou defendendo os policiais, mas neste vídeo se vê como a questão se transmutou: http://www.youtube.com/watch?v=S29ixRN-x2g
      Mas vamos lá, o senso de desproporção é tamanho que fica difícil mesmo comparar os casos com os milhares de “bons exemplos” da China, Cuba, RPC… (lá onde a mídia é realmente “livre”). Cada uma hein?

    • Naveira não observou ou não quis, que eu escrevi que não existem mundos perfeitos, a não ser na cabeça dos totalitários. Para esses , matar milhares como em Cuba ou milhões como na URSS e na China comunista é obra de arte . O cúmulo da perfeição.
      Aí vem com essa de que dois negros foram mortos pela polícia americana para justificar o fim da democracia capitalista como a americana que produz tudo que ele consome com prazer.

  15. Tecnologia e capitalismo

    Dona Tecnologia, respeitada e admirada por todos, promete muito mais. Promete inclusive, empurrar o sistema capitalista para a sua derrocada final (por conta do gigantesco desemprego) assim que dominar algumas tecnologias, dentre elas:

    1)Baterias de menor peso e maior capacidade de armazenamento de energia, possibilitando grande autonomia em todos os tipos de veículos, principalmente, dos transportes leves como bicicletas e outros mais. Desbanca a poderosa complexa e gigantesca estrutura de produção do automóvel, de milhares de empregados;

    2)Maior nível da inteligência artificial bem como o seu amplo emprego em todos os espaços, processos, tarefas, dispositivos e máquinas. Vai jogar no olho da rua, milhares e milhares de trabalhadores, braçais e intelectuais;

    3)Tecnologia de processos neurais do celebro humano. Essa tecnologia desmontará as escolas e as grandes mentiras da democracia capitalista. Não haverá mais espaço para atuais manchetes divulgadas grande mídia “livre” sobre a corrupção, como se antes, nunca tivesse existido. Essa grande farsa, só é possível, pelo sabido desmemoriado ser humano, que não se lembra, nem do que comeu no almoço. Assim que o ser homem adquirir boa memória, semelhantes recursos bem utilizados pelas elites, não mais funcionarão;

    4)Controle do mecanismo da defesa natural existente em todos os seres vivos, abrindo possibilidade para tornar o organismo do homem e de animais, habilitados a enfrentar a totalidade das bactérias e vírus. Desmontaria a gigante e muito poderosa indústria farmacêutica e da medicina. Sideral desemprego;

    5)O fantástico processo da fotossíntese possibilitando produção em larga escala, e a preços reduzidos, de gigante quantidade de combustíveis (madeira e outros) bem como, de todo tipo de alimentos. Desmontaria as muito poderosas e gigantes indústrias do petróleo e de alimentos. Sideral desemprego;

  16. E segue…parece lobotomizado. É algum tipo de religião??? “Controle do mecanismo da defesa natural existente em todos os seres vivos”??? Talvez estejamos num episódio de Star Trek ou na Matrix… Sabe pouco, nem imagina que mais de 90% da produção agrícola (“processo da fotossíntese”?) é altamente dependente de insumos a base de petróleo. Não se dá conta que de todos os exemplos que cita vão ser gerados novos empregos, numa cadeia, sempre em evolução.

  17. O nosso prezado Welinton Naveira e Silva é um defensor do comunismo, crítico cáustico do capitalismo.
    Educado, inteligente, elegante, Welinton abrilhanta o blog, mesmo que a sua tendência política esteja ultrapassada e tenha servido como agente de genocídios por onde se tentou a sua implantação, além do cerceamento das liberdades intrínsecas do ser humano.
    Não sei se por convicção ou teimosia, Welinton prevê um final para o capitalismo e a democracia nada venturosos, ao contrário, vusualiza uma guerra nuclear, o nosso Armagedon.
    O exemplo que nos forneceu sobre a China e sua produção industrial em comparação ao mundo ocidental, me preocupou, pois ignorou que o método de trabalho chinês não prevê quaisquer garantias ao trabalhador, é um tanto escravo, e pago mediante valores muito aquém daquele que deveria sustentar o “empregado”.
    Se as previsões do Welinton se concretizar, ele esquece que a China também acaba, pois vai vender seus produtos de segunda linha para quem?
    Vai comprar comida de quem?
    De onde vai obter tecnologia para suas indústrias?
    Certamente a China e seu mercado interno não têm fôlego para adquirir o que produz atualmente, então o excedente vai jogar fora porque não tem comprador ou vai desacelerar a sua produtividade?
    Se não fosse o mal afamado capitalismo, a China continuaria medieval; se ela não abrisse as portas para o mercado externo continuaria sendo uma ilustre desconhecida internacionalmente; se ela não permitisse as instalações de grandes indústrias em seu território, produziria foguetes e bombas de São João, lâmpadas que duram dois meses e brinquedos.
    Hoje, a China tem indústria automobilística, estradas de ferro com trens excelentes, uma engenharia de ponta, dinheiro que arrecadou com base na tecnologia estrangeira, mas não com o comunismo, com o assassinato de milhões de professores, intelectuais e poetas a mando do genocida Mao, um dos piores ditadores da História da Humanidade, assim como Stálin, Pol Pot, Fidel Castro (excetuo Hitler porque foi eleito chanceler alemão, mas evidentemente é outro tirano do século passado).
    Portanto, esta velocidade que Welinton apregoa aos chineses, que vem desde 1.949, de 500 km/h, enquanto que nós estamos a 50, somente na sua imaginação, pois não mencionou a Grande Fome Chinesa, que foi o período em que a República Popular da China entre 1958 e 1961, em face de péssimas políticas econômicas, causaram fome em massa, resultando em milhões de mortes.
    Por outro lado, a China conhece o conforto nos últimos vinte anos, enquanto que a Europa e Estados Unidos já aproveitavam a tecnologia para uma vida melhor, de mais qualidade, de expansão da média de vida, mediante uma medicina avançada e preventiva.
    A China não serve de modelo para o Ocidente, à democracia, às liberdades, aos Direitos Humanos.

  18. Democracia onde os mais ricos bancam a candidatura de políticos, para que depois de eleitos, defendam os interesses dos mais ricos , não é democracia. No planeta terra, democracia é uma utopia.Os EUA não são uma democracia, são uma República Plutocrática Militarizada. E nós brasileiros hoje sabemos que os EUA bancaram o golpe de 1964,quando foi implantada uma ditadura sórdida no Brasil. Democracia para os americanos é dinheiro em caixa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *