Arthur Lira responsabiliza Senado e governo Bolsonaro por crise com novo Bolsa Família

Jornal fala de processo contra Lira, mas deputado já foi absolvido |  Poder360

Criativo, Lira culpa também “as pressões dos bancos”

Deu na Folha
Coluna Painel

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), tem dito a aliados que o principal culpado pela crise que se instalou nos últimos dias no país é o Senado, e que o governo errou na condução do tema.

Ele responsabiliza o Senado por não ter votado o projeto de lei que altera o IR (Imposto de Renda), que era o plano inicial de Paulo Guedes (Economia) para dar respaldo ao Auxílio Brasil.

OMISSÃO DO GOVERNO – Lira disse a colegas do Congresso que o governo deveria ter enfrentado o debate. Que deveria ter falado publicamente que o Senado estava travando a opção dentro do teto de gastos e que, diante disso, para não abandonar 20 milhões de pessoas, teria que buscar uma alternativa extra-teto.

Como mostrou o Painel, a reforma do IR é considerada morta por senadores. Segundo relatos, até o ministro da Economia, Paulo Guedes, já havia jogado a toalha.

TETO DE GASTOS – Com o projeto do IR parado, o governo passou a buscar outra forma para garantir o Auxílio Brasil. O anúncio do programa veio, então, com uma manobra que dribla a regra do teto de gastos, o que provocou alvoroço no mercado, com queda da Bolsa de Valores e aumento da cotação do dólar.

O presidente da Câmara ainda afirmou que o Senado, presidido  por Rodrigo Pacheco (DEM-MG), está se curvando às pressões dos bancos.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Essa versão do deputado Arthur Lira é muito criativa, ao culpar as pressões dos bancos, porque na verdade eles nada tem a ver com o assunto. Os banqueiros precisam e devem ser criticados implacavelmente, porque são os maiores parasitas do regime capitalista e não têm o menor objetivo social. Mas nesse assunto eles são inocentes. (C.N.)

4 thoughts on “Arthur Lira responsabiliza Senado e governo Bolsonaro por crise com novo Bolsa Família

  1. Com a ascensão do PSL Partido Só de Laranja nada mais natural do que a absoluta falta de coordenação política. Todos, a começar por Bolsonaro querem se reeleger. Este é o único objetivo.
    As trapalhadas tanto no executivo qto no legislativos são resultados normais.
    Aguardemos 2022 para ver se o erro não se repete.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *