Artistas e intelectuais brasileiros lanam manifesto contra o impeachment

Resultado de imagem para wagner moura

Wagner Moura encabea o manifesto para denunciar o golpe

Deu na Folha

Neste domingo (28), artistas e intelectuais brasileiros lanaram uma carta contra o impeachment de Dilma Rousseff (PT). Pontuada por citao do ator Wagner Moura, a manifestao descreve “um dos momentos mais dramticos” da histria do Brasil e cita carta de artistas e intelectuais estrangeiros tambm contra o afastamento da petista, publicada na semana passada.

“Os polticos corruptos que lideram a articulao para depor Dilma tm de saber que h um holofote internacional iluminando suas aes”, afirma Moura. “Se eles derem continuidade ao seu plano”, acrescenta o ator, “sero lembrados pela histria como os responsveis pelo mais sinistro ataque democracia desde o Golpe de 1964”.

Em portugus e em ingls, o texto subscrito por nomes como os cantores Caetano Veloso e Chico Buarque, as atrizes Camila Pitanga, Dira Paes e Marieta Severo, a poeta Alice Rui e os professores Jurandir Freire Costa e Marco Luchesi.

LEIA A NTEGRA Artistas e Intelectuais brasileiros pedem que senadores respeitem o resultado das eleies de 2014.

O Brasil vive um dos momentos mais dramticos de sua histria, com a proximidade da votao final sobre o impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

O mundo assiste com preocupao a essa ameaa democracia, como no caso de nossos colegas do Reino Unido, Estados Unidos, Canada e ndia, que publicaram uma declarao alertando que o impeachment representaria “um ataque as instituies democrticas”, que levaria ao retrocesso econmico e social.

Os senadores que defendem o impeachment ficaro marcados na histria por protagonizar o ataque mais cruel nossa democracia desde o golpe militar de 1964. A histria cobrar explicaes, j que no existe base legal para justificar o impeachment.

De acordo com o Ministrio Pblico Federal, a presidenta Dilma Rousseff no cometeu crime. Por isso, seu afastamento claramente uma manobra poltica para tomada de poder sem a aprovao das urnas.

Esse ataque aos processos democrticos representa uma ameaa aos direitos humanos e levar o Brasil a uma situao de maior instabilidade poltica e desigualdade social e econmica.

O ator Wagner Moura afirmou: “Estamos profundamente agradecidos por essas importantes palavras de apoio de nossos colegas na Gr-Bretanha, Estados Unidos, Canada e ndia. Os polticos corruptos que lideram a articulao para depor Dilma tm de saber que h um holofote internacional iluminando suas aes. Se eles derem continuidade ao seu plano, sero lembrados pela histria como os responsveis pelo mais sinistro ataque democracia desde o Golpe de 1964”.

ADESES – A manifestao de Wagner Moura contra o impedimento de Dilma recebeu as seguintes adeses, entre outras:

Adair Rocha, professor; Aderbal Freire Filho, diretor teatral; Alice Ruiz, poeta; Andr Lzaro, professor; Augusto Sampaio, professor; Bete Mendes, atriz; Biel Rocha, militante de direitos humanos; Caetano Veloso, compositor e cantor; Camila Pitanga, atriz; Carla Marins, atriz; Ceclia Boal, psicanalista; Cesar Kuzma, telogo e professor; Clia Costa, historiadora e documentarista; Charles Fricks, ator; Chico Buarque, compositor e cantor; Clarisse Sette Troisgros, produtora; Cristina Pereira, atriz; Dira Paes, atriz; Dulce Pandolfi, cientista poltica; Eleny Guimares Teixeira, mdica; Generosa de Oliveira Silva, sociloga; Gilberto Miranda, ator; Gaudncio Frigotto, escritor e professor; Isaac Bernat, ator; Jos Srgio Leite Lopes, antroplogo; Julia Barreto, produtora; Jurandir Freire Costa, psicanalista e professor; Leonardo Vieira, ator; Leticia Sabatella, atriz; Luis Carlos Barreto, cineasta e produtor; Luiz Fernando Lobo, diretor artstico; Marco Luchesi, poeta e professor; Maria Luisa Mendona, atriz; Marieta Severo, atriz; Paulo Betti, ator; Ricardo Rezende Figueira, padre e professor; Roberto Amaral, escritor; Slvia Buarque, atriz; Tuca Moraes, atriz e produtora; Virginia Dirami Berriel, jornalista; e Xico Teixeira, jornalista.

41 thoughts on “Artistas e intelectuais brasileiros lanam manifesto contra o impeachment

  1. A lista dos boais que defendem Dilma est a! Onde est a lista de intelectuais de verdade? Kkkkkkkkkkkk!! Temer golpista, t tirando a minha boquinha pra dar pra outro! !!!!! Golpista aaaaaaaaa! Gugu da d! !!!!! Aquelas licitacoezinhas fraudulentas que engordavam meu salrio o golpista vai dar pra outrooo! !!! Buaaaaaaa!!!!!!

    • EST RUINDO A PONTE PARA O FUTURO…..

      So Paulo.

      Apoio do presidente interino Michel Temer:
      – Levaria a escolher esse candidato com certeza 7%
      – Talvez faa votar nesse candidato 23%
      – No votaria de jeito nenhum nesse candidato 65%
      – Outras respostas 2%
      – No sabe – 3%
      —–
      Rio.

      Apoio de Michel Temer:
      – levaria voc a escolher esse candidato com certeza: 5%
      – talvez faa voc votar nesse candidato: 22%
      – voc no votaria de jeito nenhum em um candidato apoiado: 68%
      – Outras respostas: 2%
      – No sabe: 3%

      —-
      Recife.
      No votaria de jeito nenhum no candidato com:
      – Apoio de Lula: 52%
      – Apoio de Michel Temer: 73%
      – Apoio de Paulo Cmara: 50%

      • Orientou mais de 100 teses e dissertaes e participou em mais de 250 bancas de teses, dissertaes e de concursos pblicos. Publicou sessenta e um artigos completos em peridicos nacionais e internacionais, autor ou coautor de mais de 20 livros e publicou 70 captulos de livros. Scio fundador da Associao Nacional de Pesquisa e Ps graduao em Educao (ANPED). Foi membro representante do Brasil no Conselho Latino Americano de Cincias Sociais (CLACSO), com sede em Buenos Aires e fundador e coordenador do G T Trabalho e Excluso Social do mesmo Conselho. Atualmente membro do Comit Acadmico do Instituto de Pensamiento y Cultura de America Latina (IPECAL) com sede na cidade do Mxico. Membro do Comit Cientfico de duas revistas internacionais e oito nacionais. Foi eleito como personalidade educacional no Estado do Rio de Janeiro no ano de 2011, uma iniciativa da Associao Brasileira de Imprensa (ABI), Jornal Folha Dirigida e Associao Brasileira de Educao (ABE). Agraciado com o Prmio CORA CORALINA pela Associao Nacional de Pesquisa e Ps-Graduao em Educao na 36 Reunio Anual conferido em 01.10.2013 pela contribuio dada incluso educacional. Agraciado com o prmio “Luta pela Terra – 30 anos do MST , ” pelo Movimento dos Trabalhadores Sem terra em 25.01.2015. O leitor que queira ter uma viso sobe a vida, trajetria e nfases na produo acadmica ver o Livro organizado por Maria Ciavatta ? Gaudencio Frigotto ? um intelectual crtico nos pequenos e nos grandes embates. Belo Horizonte, Editora Autntica, 2012

      • Rpida pesquisa na internet, e achei esse texto: http://www.mst.org.br/2015/09/15/a-educacao-tem-se-tornado-um-dos-servicos-mercantis-mais-lucrativos-afirma-professor-da-uerj.html

        Honestamente, se ele orientou muitos alunos com esse modelo retardado de educao descrito por ele mesmo, mais demrito do que mrito.

        Qual sistema de educao “pautado na luta de classes” deu certo? Resposta: nenhum, comunismo s da certo em aula de sociologia caa nquel da universidade brasileira.

  2. kkkkkkk e Wagner Moura vai concorrer, com apoio de Roberto Freire, Prefeitura de Cubato pelo
    PMDB, sendo seu vice do PPS, Roberto Freire me respondeu que no sabe que ele – Wagner Moura – petralha.
    Num guento!

  3. Faltou o intelectuartista Boz que nao teve tempo de ir assinar o manifesto.
    Tinha que comparecer ao senado hoje para se defender…
    Vestiu uma peruca amarelo suave e utilizou o codinome artstico Dilma, a blgara…

    Segunda feira ainda….
    A jato, Lava Jato !!!!!!
    chegada a hora da re-educao…
    Foi-se o tempo em que o establishment da TV ( e seus marionetes artisti-comerciais) comandava o zeitgeist brasileiro.

  4. A Dilma confessou que no tem condies de tirar o Brasil do buraco, que ela colocou, quando em resposta a um senador, que perguntou se ela voltasse ao poder como resolveria a crise. Ela respondeu:: vou convocar um plebiscito para que haja eleies, isto , largar a bomba de efeito retardado que ela deixou, nas mos de outro..

      • E foi o ‘notrio comunista ‘ Olavo de Carvalho ? kkkkkaaass
        No pago mais nem os R$ 260,00 que o desconto do Carta Reilnalde Platinum me d…kkkkaaas
        Agora ele vai vender pastel para o Dria…kkkaaas

          • O Yakissoba de R$ 290,00 no deu certo ! kkaaas

            Momento Antagonista: movimentos querem entrar na poltica
            Brasil 29.08.16 19:46
            Claudio Dantas entrevista Kim Kataguiri e Fernando Holiday, lderes do MBL que resolveram trocar as ruas pela poltica partidria aps o impeachment. Holiday um dos 40 candidatos que o grupo lana nas eleies de outubro.

            Eles garantem a O Antagonista que no tero o mesmo destino de Lindbergh Farias.

            o que esperamos.

    • Virgilio , no fala assim do nobre corrupto, ops, nobre Senador da Repblica, agora ele tambm faz parte dos Guardies da tica da Moral e dos Bons Costumes, tudo na legalidade……
      Pelo menos no atacou Trens Pagadores e Bancos com metralhadoras na mos…….
      eh!eh!eh

      • A pororoca de mais uma reserva moral…kkkaaas

        ” O senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) j chegou ao Senado, dia 11 de janeiro ltimo, com a imagem comprometida. Dias antes, no decorrer da chamada Operao Pororoca, ele foi preso pela Polcia Federal com mais 29 polticos, empresrios e servidores pblicos, acusados de integrar uma quadrilha envolvida em fraudes em licitaes pblicas.

  5. S queria entender de uma vez o que leva os PTistas a julgarem que quem a favor do impeachment aliado de Temer, Acio e afins.

    Se fao uma crtica ao governo do PT, o que me faz aliado do PMDB, PSDB? qual a lgica disso?

    Quero todos os corruptos punidos, seja de que partido for. Ficar indicando Senadores de oposio favorveis ao impeachment com ficha suja no significa nada. Tem o mesmo efeito que mostrar que Senadores aliados a Dilma tambm respondem por crimes. simples demais pra ter que explicar, talvez precise desenhar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.