As milícias no Poder, em tempo de cabralzinho

Helio Fernandes

Sempre foram protegidas, não sofreram qualquer repressão ou restrição. E mais: criminosamente, antes do Panamericano,  cabralzinho disse publicamente que “as milícias podem garantir ou ajudar na segurança dos Jogos”. Ajudaram.

Quando houve a “tomada” da maior favela do Rio (pelas Forças Armadas, sem elas não teria existido nada), revelei: “As milícias estão em silêncio, acreditam que podem ‘herdar bens’ e territórios dos traficantes”.

Ontem, O Globo denunciou: “As milícias já controlam o ‘Minha Casa, Minha Vida”. Tudo comandado por personagem que está num presídio de “SEGURANÇA MÁXIMA” em Mato Grosso.

Vergonhoso, escandaloso, perigoso: controlam 11 desses conjuntos habitacionais. Segundo o jornal, cobram 10 mil reais de cada conjunto. Não dizem quanto tempo dura a proteção e a validade desses 10 mil reais.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *