As potências do Ministério Dilma

Ontem revelei o que se comenta abertamente no Itamarati: a indicação do embaixador Antonio Patriota (excelente escolha, pelo menos por causa do sobrenome) para chanceler. Só o fato de acabar o domínio de Amorim, e garantir que ele já era, satisfação.

Paulo Bernardo e Meirelles, esses têm 101 por cento de possibilidades de serem nomeados. Meirelles, (indicação do FMI, e que não deixou o cargo na hora obrigatória), é tido por Lula, pelo PT e até por Dona Dilma, como i-n-s-u-b-s-t-i-t-u-í-v-e-l.

Paulo Bernardo, nenhum gênio, mas com uma característica e constatação surpreendente, principalmente no governo Lula: NÃO SE BENEFICIA DE NADA, não pratica irregularidades. E se a mulher se eleger senadora (o que parece certo pela irritação de Requião), mais poderoso ficará o marido.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *