As provas do caso Abin são desmoralizantes e só resta a Bolsonaro atacar a imprensa

Bolsonaro usando a imprensa

Charge do Duke (dukechargista.com,br

Vicente Limongi Netto

Paladinos de barro do Palácio do Planalto usam da intimidação, arma dos fracos e sem argumentos, na torpe tentativa de desqualificar a matéria da revista “Época”, que revelou, com fatos abundantes, que a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) forneceu relatórios aos advogados do senador Flávio Bolsonaro, para ajudá-lo no inquérito das “rachadinhas”.

Aos desesperados alquimistas palacianos só resta uma melancólica saída, diante da verdade mostrada na reportagem de Guilherme Amado: exibir ao público e ao Supremo um rosário de falsa e hipócrita indignação, porque os fatos falam por si.

CULPA DA IMPRENSA – Sem poder responder à Época, o destemperado Bolsonaro voltou a atacar a imprensa. Em solenidade na Policia Militar do Rio de Janeiro, recomendou aos policiais que não acreditem no que a imprensa publica. Patética, deplorável e absurda sandice, mais uma, de um chefe da nação que deslustra o cargo.

Escrevi, a propósito, sobre o assunto, em artigo também na Tribuna da Internet do dia 26 de agosto. Ponderei, entre outras coisas, que Bolsonaro deveria respeitar os outros. Se quiser ser respeitado. Aprender a conviver com o contraditório. Adquirir bons modos. Evitar ser grosseiro e mal educado. Cansamos de suas diatribes. Não trate jornalistas como se fossem seus vassalos. Pare de pisar nos outros. Troque de remédios. Tudo indica que os que usa estão vencidos.

E o “mito” aloprado reiterou que não vai tomar vacina. Posso reforçar,  então, o que escrevi, aqui na Tribuna da Internet, dia 2 de dezembro.  Problema dele. Sobrarão vacinas para brasileiros que respeitam as normas sanitárias.

CAFAJESTE ENGRAVATADO – As imagens são claras, repugnantes e irrefutáveis. Local:  plenário da AssemblEia Legislativa de São Paulo.  O cafajeste engravatado, deputado  Fernando Cury (Cidadania).  aproxima-se da deputada Isa Penna( PSOL).

Sorrateiro, pelas costas, esfrega-se no corpo da parlamentar e coloca a mão boba no seio dela. Constrangida, ela repele a torpeza do cretino.

E o trêfego Cury ainda  teve o descaramento de declarar que não fez nada de errado. É a pandemia, gerando ordinários e patifes.

BAGAÇO DE LARANJA – Pense com carinho, sem pressa, esfrie a cabeça. Tem horas que a saúde e o conforto da família são mais importantes. No trabalho, você se dedica, se esfola e, geralmente, no fim, é tratado como laranja. O patrão chupa e joga os bagaços na nossa cara. Jamais passei por tais constrangimentos, embora tivesse gênio explosivo e pouca paciência com serviçais de donos de empresas. Muito menos com poderosos calhordas, encrustados nos ministérios, no executivo e no legislativo, que pretendiam monitorar ou conduzir a informação a gosto deles.

Jamais dobrei a espinha para calhordas, pulhas e falsos democratas. Como chefe, sempre apoiei repórteres. Porque nunca deixei de ser um deles. São eles que colhem notícias. São eles que fazem  o jornal, a revista, o rádio e a televisão. Tive o prazer de conviver e trabalhar com mestres. Aprendi muito com eles. 

Belo dia, por ordem da matriz,  fui sacado da chefia de reportagem porque fiquei do lado do repórter contra exigência torpe e canalha de um estúpido  burocrata do Ministério das Comunicações.

AMADURECIMENTO – Nunca me arrependi da minha atitude.  Com o tempo, com esposa, filhas e netos, vamos amadurecendo.  Respiramos mais, antes de possíveis desatinos. Permaneço, até quando Deus permitir, nos calcanhares dos venais, hipócritas, canalhas, oportunistas e patrulheiros em geral. Estão em todos os lugares.

Ocupam cargos altos. Cretinos, incompetentes e covardes. Inimigos da liberdade de informação. Detestam o contraditório. Ameaçam empresas. Se julgam donos da verdade, éticos e santos. Morro de rir.

A bruxa do mal e da subserviência morde, espanta, ronda e assassina chefes de famílias. Cuidem-se. Tenham saúde, luz e nervos de aço.

13 thoughts on “As provas do caso Abin são desmoralizantes e só resta a Bolsonaro atacar a imprensa

    • Te apoiamos, Vicente!
      Estamos na çuta ppr um Brasil imdependente, com democracia verdadeira, educação para amar o país, bravura para defende-lo das garras de luizes inacios, bolsonaros e outros aem vergonhas, tecnologia abundante para sermos livre economicamente, retidão cristã para nos salvarmos e crença em Deus Pai todo amoroso.

  1. Se fosse a acusação, vá lá que seria de fácil compreensão. Mas a advogada do “rachado”? Por que será que fez isto? A análise deve ir na direção da responsabilização da advogada. O que ele fez está na mesma linha do ex-ministro Moro: se fica e cala, consente e está junto/misturado aos casos. que faria/fará com ela sua entidade classista? Abriu a “caixa de pandora”. A coisa não para mais!
    Fallavena

  2. A carta arrasadora de um oficial da reserva do Exército conclamando aos militares a pularem fora desse governo sem vergonha.

    http://bit.ly/2WBJrOt

    Diz ainda sentir nojo de seu Jair e medo que o exército se torne a imagem e semelhança do atual comandante supremo.

    Só uma ressalva: o exército já se tornou a imagem e semelhança de seu Jair faz tempo.

  3. Os jornalistas brasileiros, em sua imensa maioria, foram deformados nas universidades aparelhadas pelos degenerados marxistas. Daí a militância diuturna da imprensa narcossocialista contra as polícias militares e civís de todo o país. É uma gente que, com raríssimas exceções, está sempre do lado do mal, contra a família e o povo brasileiro. E não adianta espernear, os exemplos abundam: globo, uol, folha de são paulo, estadão e seus puxadinhos só defendem bandido e putaria. O único grande veículo que tenta fazer um contraponto a toda essa patifaria é a Gazeta do Povo, do Paraná. Aos diretores da Gazeta, meus respeitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *