Autênticas, textuais e entre aspas

Do senador Osmar Dias, fortíssimo candidato a governador do Paraná: “Apoiei sempre o MST nas suas lutas e reivindicações pela reforma agrária. Mas essa destruição de fazendas que produzem e usam as terras positivamente, não tem o meu apoio”.

Há muito escrevo sobre a ausência de reforma agrária num país de 8 milhões e 500 mil quilômetros quadrados. Por causa disso, jamais combati o MST. Mas a destruição pela destruição, é mais do que reivindicação, apenas apropriação. O MST gastou em poucos dias o capital moral que acumulou durante anos. E por que os governos não realizam a reforma agrária que é apoiada até por muitos senhores de terra?

Do grande lutador e combatente invencível pelo Meio Ambiente, Silvestre Gorgulho, em manchete poética, da sua Folha do Meio Ambiente: “Ausência de Flores e Gastos”. Está tudo aí, muito simples e simplificado.

Editorial da revista Brasília em Dia: “É por isso que os ditadores de plantão conspiram tanto contra uma imprensa livre”. E sempre com apoio da ANJ, sigla que não tem nada a ver com imprensa livre e sim com jornalões cada vez mais ricos e embasbacados, que palavra, com a riqueza.

Primeira de O Globo: “Eduardo Paes RECUA na licitação do carnaval”. Estranhíssimo. O prefeito ia retirar a licitação do comando dos bicheiros e contraventores, mudou de idéia. Por quê? Não é tão difícil entender.

A Itália CASSA Berlusconi

O maior corrupto do país e do mundo, está caminhando para o ostracismo. E quase seguramente OSTRACISMO SEM LIBERDADE.

12 anos de impunidade

Processado por corrupção (E DAS GRANDES), manteve a ação sem ser julgada, exatamente por 12 anos. Prescreveu (qual a surpresa?), o juiz mandou arquivar e liberar Berlusconi. Agora, foi a Suprema Corte que declarou: “Berlusconi pode ser processado por corrupção, NÃO TEM IMUNIDADE”.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *