Biden vence nas urnas e os americanos comemoram nas ruas a grande derrota da direita

Joe Biden é eleito presidente dos EUA; FOTOS | Eleições nos EUA 2020 | G1

Multidões nas cidades para festejar a vitória democrata

Pedro do Coutto

O povo americano comemorou com emoção a vitória de Joe Biden para a presidência dos EUA, acentuando seu repúdio às reações de Donald Trump, que ameaça recorrer a Justiça contra os votos que decidiram sua própria sucessão. Os posicionamentos de Trump envolviam contradições, como a de atribuir aos democratas roubo na contagem dos votos, o que inevitavelmente se estenderia também à omissão ou a conivência dos próprios republicanos. Claro.

A fiscalização da contagem dos votos, não é possível que fosse diferente, reúne a presença de fiscais de ambas as legendas. Assim, os encarregados da fiscalização por parte dos Republicanos não poderiam estar ausentes da tarefa obrigatória. Portanto, as ações de Trump refletiriam contra os próprios integrantes de seu partido.

RECURSO NEGADO – Além do mais, Trump tentou também suspender a apuração na Pensilvânia, objetivo negado pela Corte do estado. O presidente americano, às vésperas de se mudar da Casa Branca, partia do princípio de que houve fraudes apenas nos estados decisivos para a vitória dos democratas. Era o  caso da Georgia, Michigan, Nevada e também da Pensilvânia.

Trump, os jornais de sábado  noticiaram, teve o impulso de recorrer a Suprema Corte do país. Mentira ou não, faltou tempo porque no início da tarde deste sábado o próprio governo da Pensilvânia anunciou o resultado e o povo entusiasmado tomou as ruas dos EUA.

MEIO AMBIENTE – Os reflexos vão se fazer sentir em grande número de países que de uma forma ou de outra vinculam-se aos projetos de Washington inclusive no que se refere à sensível questão do meio ambiente, cuja devastação vincula-se ao aquecimento global. Se por outro motivo não fosse, também pelo fato de os parques industriais dos EUA e da China serem os mais poluidores do planeta. Isso porque, embora pareça incrível, grande parte de sua geração de energia elétrica tem como fonte o carvão altamente poluidor.

No caso brasileiro a vitória de Biden foi uma derrota para o governo Bolsonaro, já que o presidente de nosso país, ao se encontrar com Trump na Casa Branca, afirmou na ocasião que pretendia ir à posse em sua reeleição.

CENÁRIO INTERNACIONAL – A vitória de Biden acarretará também um sólido avanço nas posições políticas do centro implantando dessa forma um novo equilíbrio no cenário internacional.

No caso do Brasil Joe Biden anunciou um fundo de 20 bilhões de dólares para combater o desmatamento e incêndio na Amazônia. Nos EUA há sempre uma ligação entre o candidato e o presidente da República, no cumprimento dos compromissos de campanha.

11 thoughts on “Biden vence nas urnas e os americanos comemoram nas ruas a grande derrota da direita

    • Certíssimo,Ricardo Sales!

      A consolidação da insana e satânica Nova Ordem Mundial,precisa do rebaixamento dos EUA a nível de 3° mundo,para que o projeto ditatorial e totalitário seja entregue à China.

      PS-É mau sinal os que euforicamente aceitaram (população votante na dupla socialista) a fraude da eleição presidencial, e a redução a pó da Constituição Federal americana,elegendo
      a dupla Pedojoe/Canalha Harris,sem qualquer lastro jurídico.
      Desde quando a grande mérdia tem poderes para isso?

  1. Não foi uma “grande vitória”, a vantagem de Biden foi muito pequena, e se deveu a uns poucos milhares de votos a mais em alguns estados.

    Mas é que claro que os democratas e a maioria da mídia vão fingir uma unanimidade que inexiste. Isso não prenuncia nada de bom.

    • Pedro Meira!

      Você inteligente como é,sabe que a dupla PedoJoe/Canalha Harris,não ganhou a eleição.TRUMP é o verdadeiro eleito.

      PS-A maior FRAUDE ELEITORAL da história política mundial,está registrada nesta eleição dos EUA.

  2. Quando um arrivista como este vigarista e demagogo midiático se mete a líder o resultado é quase o mesmo. Mas me refiro à países democráticos como os EUA, pois me outros países estes arrivistas conseguem se manter no trono por longos períodos, não me refiro à Venezuela mas à Bolívia. Agora a Direita vai sofrer por causa do fracasso deste líder fake, este demagogo midiático imitado pelo nosso querido boçal, outro que faz a Direita perigar no Brasil porque o cara enveredou pelo mesmo caminho fácil da demagogia barata.

  3. Quem roubou as eleições foi o próprio Trump espalhando mentiras pelo Whatsapp.

    Quase levou impeachment porque foi acusado de ter influência externa nas eleições.

    É um crápula , inescrupuloso ,m foi falar que as eleições eram mentiras, na TV aberta , e a TV cortou a falar dele para defender a o sistema eleitoral do país.

    O lixo presidencial daqui segue a mesma linha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *