Bolsonaro cogita o uso da Força Nacional nas manifestações contra o governo em Brasília no domingo

Bolsonaro classificou os manifestantes de “terroristas e marginais”

Ingrid Soares
Correio Braziliense

O presidente Jair Bolsonaro quer o uso da Força Nacional de Segurança nas manifestações contra o governo previstas para este domingo, dia 7.  A intenção é evitar o depredamento de patrimônio público. O Correio apurou que a adoção da medida será decidida nesta sexta-feira em reuniões que ocorrerão na Secretaria de Segurança do Distrito Federal.

A pasta avalia um esquema de segurança para as manifestações deste fim de semana. Duas reuniões estão marcadas pela manhã e à tarde, a fim de definir a estratégia. “Isso ainda está sendo alinhado aqui. Haverá duas reuniões amanhã. Aí sim, deve ser fechado um plano para o fim de semana”, afirmou ao Correio uma fonte da secretaria.

PROTESTOS – Bolsonaro já demonstrou temer que as cenas vistas em manifestações como as de São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba voltem a acontecer em Brasília. A recente onda de protestos antifascismo tem recebido fortes críticas do Palácio do Planalto. Além do chefe do Executivo, que classificou os manifestantes de “terroristas e marginais”, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, taxou os integrantes dos movimentos de “delinquentes e baderneiros”.

No meio da tarde, o chefe do Executivo visitou o secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Anderson Torres, também forte candidato a comandar o Ministério de Segurança Pública que o governo pretende recriar. A visita não estava prevista na agenda oficial do presidente. Um dos assuntos tratados no encontro com Torres foi justamente a respeito da segurança local para a manifestação.
 
INDÍGENAS – Em março, Moro já havia convocado a Força Nacional diante de um protesto de 120 lideranças indígenas na sede da Fundação Nacional do Índio (Funai). A portaria visou garantir o apoio da Força Nacional “nas ações de preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, na defesa dos bens e dos próprios da União”.

17 thoughts on “Bolsonaro cogita o uso da Força Nacional nas manifestações contra o governo em Brasília no domingo

  1. A TERCEIRA VIA (RPL-PNBC-DD-ME) adverte. “A pressa é inimiga da perfeição.” A política já foi a arte de engolir sapos, mas, no Brasil, tornou-se a arte de engolir sapos e dinossauros. Não entremos nas ondas do militarismo e do partidarismo, politiqueiro$, e seus tentáculos, velhaco$, que não resistem ao oportunismo golpista e eleitoral. Bolsonaro tem apenas duas saídas para as loucuras nas quais se meteu por poder, dinheiro, vantagens e privilégios, sem limite$, e todos sabemos quais são: a pacífica e a golpista. Se optar pela saída pacífica, melhor para todos, ótimo para o Brasil e o povo brasileiro. Porém, se optar pela saída golpista, a loucura das loucuras, então terá chegado a hora da reação à altura das suas loucuras. Por ora,” o ideal é continuara suportando o ocaso e deixar que o Bolsonaro Mil Caras se enforque com a sua própria corda, até porque pegar a corda dele para se enforcar e enforcar inocentes úteis no lugar dele me parece atitude de extrema burrice. Deixem os Bolsonaro com os seus lunáticos nas ruas, fazendo merda inconstitucional, que se enforquem com a própria corda, e quando chegar a hora da reação justa, merecida, necessária e eficaz, que seja de uma só vez e espontânea, à moda reação popular contra o golpe na Rússia, que causou a dissolução da união soviética, e a formação de um nova comunidade solidária de estados independentes, que poderá acontecer com a reedição de Junho de 2013, desta feita para liquidar a fatura que continua aberta há 7 anos, aliás uma data sugestiva para o Bicho de 7 Cabeças. ” http://www.tribunadainternet.com.br/bolsonaro-chama-grupos-pro-democracia-e-antifascistas-de-bando-de-marginais/?fbclid=IwAR0mZdZQjQEAsiTLYkPzgRHjZnAR8_LHnUtdYzU9gbzWbfOnbTzs_raV48A

  2. Ma pera aí, orra meu, vê se eu capito!
    O governo federal manda Força Nacional para um estado sem ser solicitada? É isso mesmo? Isso não é intervenção federal? O destrambelhado vai chegar a esse disparate só porque pararam de gritar Mito, Mito, Mito? Está me parecendo que a serpente começou a quebrar a casca do ovo.

  3. Desculpem, não tinha reparado que se tratava por enquanto, somente de Brasília, mesmo que para esses fins o Distrito Federal seja considerado um estado.

  4. Se for pacifica não há necessidade da força,mas, se usarem de badernas e de violência sou a favor da força militar usar balas verdadeiras ou pau no lombo dos baderneiros.

    • Seu assassino!

      Repare os bens jurídicos envolvidos (!)
      Janelas e lixeiras valem uma vida(?)

      Uso desproporcional da força (!)

      A força policial deve utilizar os meios proporcionais disponíveis para contenção de distúrbios. E não assassinatos!
      Ali não tem nenhum homicida ou pessoa armada estes estão no acampamento dos “300 de Brasília “

      Mas vocês fascistas querem

  5. Já é o local protegido pela Polícia do DF
    Pra que Força Nacional?

    Segundo o site do MJ, a Força Nacional foi criada foi instituída para atuação nos estados (…) através de acordos de cooperação, sob a coordenação do MJ, ou seja, são os estados que auxiliam o estado solicitante.
    Por seu caráter federativo, e não “federal”, atua somente com pedido da unidade federada.

  6. O MARGINAL TODO O DIA DESCUMPRE AS LEIS SANITARIAS E O GOVERNOS ESTADUAIS E MUNICIPAIS NAO LHES APLICAM NENHUMA PUNIÇÃO.O ASSASSINO ESTE SIM FOI EXPULSO DO EXERCITO POR ATOS TERRORISTA RECEBENDO SALARIO DE 10.700,OO COMO CAPITÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *