Bolsonaro diz que eleição ainda não está ganha e pede empenho à militância

Resultado de imagem para bolsonaro

A constituição é minha maior defesa, diz Bolsonaro

Deu no Estadão

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) disse na noite deste sábado (27), em transmissão ao vivo no Facebook, que é “grato” à Constituição. Cumpri-la dará ao mandato governabilidade, afirmou, sem ceder ao toma-lá-dá-cá de cargos. “Qualquer presidente que, porventura, distribua ministérios, estatais ou diretoria de banco para conseguir apoio no Parlamento está infringido o artigo 85 inciso 2 da Constituição”, afirmou. “A Constituição é a maior defesa que eu posso ter para o meu mandato.”

Bolsonaro disse ainda que “jamais” vai querer uma nova Constituinte e aproveitou para criticar o partido de seu adversário, Fernando Haddad (PT), que voltou atrás na proposta de uma nova Assembleia Constituinte. “Para tentar ganhar, o PT muda todo dia seu plano de governo, chamo de plano camaleão”, afirmou.

MENTIRAS – De acordo com Bolsonaro, o PT mente ao dizer que ele quer demitir “todos os professores e merendeiros do Brasil”. Ele declarou que sua proposta de ensino à distância se destina “somente e exatamente” a crianças do campo.

Sobre o caso recente em universidades de todo o País, onde ocorreram buscas e apreensões por causa de faixas e cartazes de protesto, Bolsonaro afirmou que seus defensores não teriam sequer espaço para expor suas ideias. Segundo o candidato do PSL, se alguém tentasse colocar faixas nas universidades com ideias como “Fora (Nicolás) Maduro”, “seria escorraçado, agredido violentamente”.

MAIS VOTOS – Na avaliação do presidenciável, a eleição não está ganha. Ele pediu que seus eleitores se esforcem para “fazer valer sua vontade”. “Não vamos dar oportunidades a eles”, exclamou.

Bolsonaro conclamou seus eleitores a buscarem mais votos por meio do WhatsApp e mídias sociais. “O que está em jogo não é a democracia, não. O que está em jogo é a perpetuação dessa máquina podre que temos aí, que vive da corrupção”, acrescentou.

15 thoughts on “Bolsonaro diz que eleição ainda não está ganha e pede empenho à militância

      • Boa tarde, prezado Werneck.

        Quando saí para votar, no final da manhã, o clima reinante nas zonas eleitorais por onde passei era de pesar semelhante àquele silêncio sepulcral que se faz quando se chega a um velório, antes de cumprimentar os enlutados: Você olha para um canto, olha para o outro lado, em busca de alguém conhecido e para saber onde é que se encontra acomodado o “de cujus”, e cumpre a sua obrigação moral em voz baixa.

        Nas eleições anteriores, sempre houve um clima de festa, de empolgação e de alegria semelhantes aos existentes nas nações democráticas e civilizadas durante os pleitos eleitorais.
        Já nesta eleição, quase nenhuma camisa amarela e nem uma sequer vermelha (guardadas, provavelmente, por vergonha de representarem um bandido presidiário) eram visíveis entre os eleitores que entravam em saíam das seções.
        -Bandeiras?
        -Vi algumas do Brasil tremulando em alguns veículos. Raríssimas, entretanto.

        Creio que os brasileiros eleitores do Bolsonaro estejam apreensivos com a POSSIBILIDADE DE FRAUDE NAS URNAS, por isso apenas votam, mas sem o menor entusiasmo, pois sabem que o resultado de todo o esforço e de um clima de festa antecipado poderão ser, simplesmente, frustrados por qualquer burocrata esquerdista que tenha o acesso às urnas.

        Não dá para festejar nem mesmo a primeira posição assinalada nas pesquisas dos corruptos Ibope, Datafolha e Vox Populi, em conluio com o Rede Globo e com outros parasitas dos recursos públicos, sabendo que os responsáveis pela segurança das urnas são os mesmos canalhas que são simpatizantes dessas instituições e que a Presidente do TSE é uma “petista de carteirinha”. Portanto, uma alegria antecipada poderia acarretar uma maior frustração.

        -Ninguém confia nas urnas eletrônicas e, muito menos, na atuação imparcial do TSE e esse descrédito com a “máquina” e com a Instituição deixou isso bem evidente entre os eleitores na forma de um desânimo generalizado.
        O mesmo ânimo dos torcedores que assistem o time jogar uma partida somente para cumprir tabela…

        Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *