Bolsonaro diz que escolha para Procuradoria-Geral da República “está difícil”

“Eu tenho tempo ainda”, afirmou Bolsonaro sobre a decisão

João Pedro Pitombo
Folha de São Paulo

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou nesta quarta-feira, dia 14, em Parnaíba (PI) que está tendo dificuldades em definir o nome do novo procurador-geral da República. “Tenho tempo ainda. Está difícil a escolha, tem muitos bons nomes. Tenho certeza que o escolhido, além de ser aprovado pelo Senado, todos se orgulharão dele”, afirmou o presidente.

O presidente evitou comentar sobre possíveis candidatos ao cargo, como o subprocurador Augusto Aras. Mas destacou o perfil que espera do novo PGR. “Eu quero uma pessoa que esteja alinhada a e afinada com o futuro do Brasil. Que não seja xiita na questão ambiental, na questão de minorias, na questão indígena, dentre outros. Queremos um PGR que esteja preocupado em destravar a economia”, disse o presidente.

AGENDA – Nos últimos dias, sob pressão tanto do mundo político como do jurídico, o presidente reservou parte de sua agenda oficial para receber postulantes à sucessão de Raquel Dodge, cujo mandato termina em setembro e não deve ser reconduzida ao cargo. Nesta quarta-feira, Bolsonaro desembarcou no aeroporto de Paranaíba às 10h, de onde saiu para um sobrevoo pela região do perímetro irrigado Tabuleiros Litorâneos.  

 No retorno, discursou de uma sacada do aeroporto para um público de centenas apoiadores.  Em discurso, o presidente voltou a acusar os governadores do Nordeste de querer dividir o Brasil e fazer  piada referência ao tamanho da cabeça dos nordestinos.: “Eu não tenho cabeça grande, não, mas sou um cabra da peste”, afirmou. O presidente também prometeu “varrer a turma de vermelho” do Brasil nas próximas eleições e voltou a falar em fezes. “Vamos acabar com o cocô no Brasil. O cocô é essa raça de corrupto e comunista”, afirmou o presidente.

HOMENAGEADO – Na sequência, o presidente seguiu para o centro da cidade para inaugurar uma escola do Serviço Social do Comércio (SESC) que se chamará Escola Presidente Jair Messias Bolsonaro.  Para garantir a homenagem, contudo, a Câmara Municipal de Parnaíba fez uma manobra e, em uma sessão relâmpago na manhã desta quarta-feira, aprovou a cessão do prédio da escola para a Fecomércio, entidade que comanda o SESC.

A escolha do nome foi em uma ação popular que alegou que, mesmo estando sob usufruto do SESC, o prédio da escola pertence ao município — a legislação impede que prédios públicos sejam batizados com o nome de pessoas vivas.  Com o imbróglio junto à Justiça, o presidente do conselho regional do SESC no Piauí, Valdeci Cavalcante, ordenou a retirada do letreiro da escola com o nome do Bolsonaro. O nome retornará quando a questão judicial for resolvida.

DISCIPLINAS – Com ensino militarizado, escola terá em seu currículo a disciplina “educação, moral e cívica”, instaurada nas escolas durante a ditadura militar para ensinar sobre civismo e patriotismo. Além das disciplinas tradicionais, a escola também terá ensino de música, esportes, além da oferta de sete idiomas, incluindo alemão e mandarim.   

Segundo Valdeci Cavalcante, do presidente do Conselho Regional do SESC, a escola terá como público alvo os filhos dos comerciários da região e terá como missão formar novos empresários.  Nos dois atos, o presidente foi acompanhado por um antigo aliado; o ex-governador do Piauí (1994-2001) e atual prefeito de Parnaíba Francisco de Moraes Souza (SD), o Mão Santa. Conhecido pelo estilo folclórico e por bordões como “atentai bem”, Mão Santa foi governador do Piauí entre 1995 e novembro de 2001, quando foi cassado por abuso de poder econômico durante as eleições. 

###

COMO COSTUMA ACONTECER A ELEIÇÃO DA PGR

Votação  –  A ANPR (Associação Nacional dos Procuradores da República) faz a cada dois anos uma eleição para definir quem os membros da categoria mais querem no cargo de procurador-geral da República. Estão aptos a votar cerca de 1.300 procuradores

Candidatos -  Tradicionalmente pode se candidatar qualquer procurador do Ministério Público Federal. Cada eleitor pode votar em mais de um nome

Lista -  Os três candidatos mais votados compõem uma lista tríplice que é enviada ao presidente da República. Por lei, o presidente não precisa aderir à lista, mas essa tem sido a tradição desde 2003

Sabatina  –  O escolhido precisa ser aprovado em sabatina do Senado. O mandato é de dois anos

Quem está na disputa

Mário Bonsaglia 
1º colocado na lista tríplice

Luiza Frischeisen 
2º colocada na lista tríplice

Blal Dalloul 
3º colocado na lista tríplice

Raquel Dodge 
Atual procuradora-geral, tenta a recondução

Augusto Aras 
Atual subprocurador-geral 

O que faz o PGR ?

É o chefe do Ministério Público da União (que inclui Ministério Público Federal, Ministério Público Militar, Ministério Público do Trabalho e Ministério Público do Distrito Federal e Territórios). Representa o MPF junto ao STF e ao STJ e tem atribuições administrativas ligadas às outras esferas do MPU

15 thoughts on “Bolsonaro diz que escolha para Procuradoria-Geral da República “está difícil”

  1. Tá difícil?? Lacto-Purga !!

    Olha, não sei se é porque eu estou longe e não sei de nada do Brasil, ou na verdade ninguém viu!

    Talvez todo mundo só ouviu falar, e não viu quando a Daimares conversou com Jesus no pé de goiaba….

    Porque, se viu, não têm como!!!!Não têm como manter o governo brasileiro nas mãos desse deturpado mental e os parlapatões escolhidos por ele!!!!

    Olha o que a Damares disse pro Jesúis na goiabeira:

    https://youtu.be/wENVypYrTqE

    Temos que nos livrar desse bando de LOUCOS traumatizados e estereotipados !!
    Atraso, TREMENDO Atraso ….

    • AndreBR, meu caro … eleito – tá eleito, sô!!!

      Creio que a dificuldade seja porque o PGR é o chefe do MP – que é o defensor da ordem jurídica, do regime democrático e dos direitos constantes na CIDADÃ!!!

      No Brasil o MP e o PGR são totalmente independente dos 3 Poderes Constitucionais – sendo que esses também são independentes e HARMÔNICOS … … … porém, o MP não é harmônico kkk KKK kkk

      Um aperto de mão.

      PS – como é aí no Reino Unido … na França e nos EUA, os PGRs não são tão independentes como em Pindorama!!!

      Sds.

      • Não sei, não vejo nada da política daqui, só daí…
        É que não existe esse narcisismo, muito raramente ha políticos aparecendo, quando aparecem é todo mundo junto, no parlamento, falando ‘hey’ ou ‘ney’ nas costas do primeiro ministro ou do cara da oposição….
        A ultima coisa que me interessaria na vida é a política daqui…

        Mas sei que se aparecer um líder por aqui que se coloque acima dos códigos, acima da civilização, metido a Deus, ai o bicho (o povo) pega, e os “porquinhos cor de rosa” viram “cães de guerra”, fecham as ruas e detonam geral….

        Um Bozolado aqui traria para as ruas uma eclosão social violentíssima, coisa de estripar e fazer churrasco do cara, mesmo!

        Aqui ninguém fala alto, não se sobe o tom de voz em publico. Não se espera que o discurso de um representante seja falar de cocô….
        Não cabe nesta sociedade esse tipo de escândalo no contexto social….

      • Lideres narcisistas cercam-se de milicianos leais a eles.

        “É quando um líder começa a fazer mal às pessoas que todos perdem a coragem de dizer alguma coisa.

        Ai você reza e pensa e decide fazer algo a respeito.

        Nessa hora você passa a ser uma ameaça contra o narcisista e contra o sistema montado em torno dele.
        Porque os que rodeiam o narcisista temem a possibilidade de cair junto com ele.

        Desafiar um narcisista é uma tarefa sinistra.

        Geralmente um líder assim e confrontado apenas por indivíduos ou por grupos pequenos.

        E assim porque lideres que se comportam dessa maneira tendem a ter ovelhas condescendentes em torno de si.

        E são tão condescendentes que não conseguem ver o que o líder faz. Muito menos confrontá-lo.”

        “Bolsonaro, o líder narcisista, uma ameaça civilizatória, tende a não ser contestado, que fala mal do outro para justificar sua própria barbárie.
        As ovelhas bolsonimicas o chamam de mito, dão vazão aos seus recalques narcísicos atacando a diferença dos grupos que elegem como rivais”.

    • Qual é o absurdo em a dona Damares ver Jesus subir num pé de goiaba? Deus é Deus, uai. Então o senhor não leu a Bíblia. Ela afirma entre outras coisas que Jesus ressuscitou Lázaro e curou cegos! Quer mais?
      Vá se acostumando, o Brasil está se convertendo ao Senhor e o nosso presidente já anda até de mão no peito e olhos para a nuvens!
      Veja isso: até uma formulação filosófica inquestionável “Ex nihilo nihil fit”, ou seja: from nothing comes nothing, foi estrupada com a afirmação de que Jesus multiplicou pães e peixes. Mas os crentes crêem! Mesmo em disparada para o abismo eles acham que enxergam! E não adianta racionalizar.
      Deus esteja convosco.

      • O problema é que você, como muitos, não viu nem ouviu tudo que ela falou.
        Ela que teve uma pêia ao avesso pentecostal, que iluminou-se ao nivel de Deus e instruiu Jesus a nao subir no pé da goiabeira dela porque ele nao sabia de nada.
        Uma Deusa instruindo Jesus…
        Veja o nivel da doideira ….
        Postei o link da deusa ensinando jesuis, iscrevênu o evangelho da biruta….

  2. Os critérios que desqualificam o candidato a PGR para Jair.

    O dossiê do candidato não pode afrontar os valores da família tradicional, ou seja:

    Homessexual não pode.

    Em sociedade tudo se sabe.

  3. Eu se fosse o Bolsonaro, colocaria o Deltan na PGR. Seria uma excelente cortina de fumaça. Toda a esquerda ficaria irritada, o $TL revoltado, o MPF batendo cabeça, e oas pautas do governo iriam avançando.

  4. O Prédio onde funcionará a escola sempre pertenceu à Associação Comercial, apenas era cedido ao governo.

    Só quem não gosta da disciplina Moral e Cívica são aqueles que não têm moral nem civismo.

    Continue mentindo, Sr. Pitombo. Quando seu jornal falir você vai trabalhar no semáforo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *