Bolsonaro explica por que bloqueia verbas e chama manifestantes de ‘idiotas úteis’

Bolsonaro fala com a imprensa logo após chegar a Dallas, nos Estados Unidos, nesta quarta-feira (15) — Foto: Reprodução/GloboNews

Bolsonaro diz que os estudantes estão sendo “massa de manobra”

Deu no G1

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira (15) em Dallas, no estado norte-americano do Texas, que não gostaria de contingenciar verbas, em especial da educação, mas que o bloqueio é necessário e que os manifestantes que protestam contra isso no Brasil “uns idiotas úteis, uns imbecis”.

“É natural, é natural. Agora… a maioria ali é militante. É militante. Não tem nada na cabeça. Se perguntar 7 x 8 não sabe. Se perguntar a fórmula da água, não sabe. Não sabe nada. São uns idiotas úteis, uns imbecis que estão sendo utilizados como massa de manobra de uma minoria espertalhona que compõe o núcleo de muitas universidades federais do Brasil”, afirmou Bolsonaro.

EM DALLAS – O presidente chegou na manhã desta quarta a Dallas, onde estão previstos um evento em que Bolsonaro receberá uma homenagem e um encontro com o ex-presidente dos Estados Unidos George W. Bush.

Assim que chegou, Bolsonaro se dirigiu ao hotel. Na porta, ele foi questionado por jornalistas sobre os protestos contra bloqueios na educação que ocorrem em quase todo o Brasil nesta quarta.

Veja o que Bolsonaro falou sobre os bloqueios: “Não existem cortes. Nós temos um problema que… Eu peguei um Brasil destruído economicamente também. Então as arrecadações não eram aquelas previstas de quem fez o orçamento no corrente ano e se não houver contingenciamento, eu simplesmente entro de encontro, né, à lei de responsabilidade fiscal? Então, este mês não tem dinheiro. É o que qualquer um faz. Não tem, tem que contingenciar. Agora gostaria que nada fosse contingenciado. Gostaria, em especial, educação.”

DEIXA A DESEJAR – Veja agora o que o presidente falou sobre o desempenho dos estudantes brasileiros: “A educação também está deixando muito a desejar no Brasil. Você pega as provas do Pisa, que eu peguei agora, de três em três anos, de 2000 pra cá, cada vez mais ladeira abaixo.”

“A garotada com 15 anos de idade, da nona série, 70% não sabe a regra de três simples. Qual o futuro dessas pessoas? Qual é o futuro dessas pessoas? Falam porque tão desempregados 14 milhões, sim, mas parte deles não tem qualquer qualificação porque esse cuidado não teve nas administrações do PT ao longo de 13 anos.”

VIAGEM AOS EUA – A viagem a Dallas substitui a que seria feita a Nova York, também nos Estados Unidos, onde o presidente receberia a homenagem de personalidade do ano. Bolsonaro mudou a viagem após o local escolhido em Nova York desistir de receber o evento e empresas também desistirem de patrocinar a homenagem.

Esta é a segunda viagem de Bolsonaro aos Estados Unidos desde a posse, em janeiro. A primeira visita foi em março, a Washington, onde Bolsonaro foi recebido na Casa Branca pelo presidente Donald Trump.

A programação revela que o presidente terá outros compromissos na quinta-feira (16), com chegada a Brasília na sexta-feira (17). O vice-presidente Hamilton Mourão fica na Presidência até a tarde de quinta, quando viajará para o exterior. Mourão embarcará para uma viagem ao Líbano, à China e à Itália.

17 thoughts on “Bolsonaro explica por que bloqueia verbas e chama manifestantes de ‘idiotas úteis’

  1. “a maioria ali é militante. É militante. Não tem nada na cabeça. Se perguntar 7 x 8 não sabe. Se perguntar a fórmula da água, não sabe. Não sabe nada. São uns idiotas úteis, uns imbecis que estão sendo utilizados como massa de manobra de uma minoria espertalhona que compõe o núcleo de muitas universidades federais do Brasil”, afirmou Bolsonaro.”

    NÃO PRECISA FALAR MAIS NADA!!!!!!!! Bolsonaro está corretíssimo!!!!!!!!!!!!!!

  2. Idiota é quem não pensa, aceita tudo calado, querem cidadãos robô, doutrinados, um pais de ignorantes e idiotas, é isto que acho, não sou partidário de nenhuma sigla, então estou isento de criticas de adeptos destes projetos da destruição do ensino.

  3. Infelizmente, nos últimos anos, os nossos dirigentes se preocuparam com quantidade, esquecendo que o diferencial está na qualidade.
    Aí vem a tona aquela velha discussão, nem todos tem a mesma oportunidade, só que não há estratégia para a colocação desses formandos.

    O que fazer,????

  4. Ficar sem discurso é de lascar, a cabeça fica vazia e o qualquer coice de porco serve. Ah… A palavra da moda deles agora se chama ‘narrativa’, esquerdista agora não discursa mais, aplica sua narrativa aos fatos, mas fato concreto era com Lula e fato abstrato era com Dilma. E nessa hora aparecem os tardios Olavos Bilacs com suas ultima ratio e fuzilam, cadê Queiróz?
    Essa ‘narrativa’ é a que alimenta o desejo de jogar um rato morto dentro da sopa dos outros.
    Já que o capitão desgraçou a educação para se redimir deveria pagar a militância bolsa de estudo em Rávarde com o merecido diproma.
    Hehhehehhehe, é batendo na carroça que o burro anda.

  5. Isto é grosseiro e vexatório, o país pagando um mico atrás do outro: https://jornalggn.com.br/politica/ele-se-convidou-diz-americano-sobre-a-viagem-de-bolsonaro-a-dallas

    “O Conselho de Assuntos Mundiais não fez um convite”, disse Baldor. “Eu pessoalmente não fiz um convite. Eu não o quero aqui”.

    (…) A equipe de Bolsonaro não só se convidou como espalhou mentira ao dizer que ele “participará de um almoço privado com particulares” e que iria receber um prêmio.

    “Ele não está recebendo um prêmio”, disse Baldor, contrariando a versão de que Bolsonaro foi a Dallas receber “um prêmio da Câmara Americana de Comércio depois que os locais em Nova York se recusaram a sediar a cerimônia de premiação e o Prefeito de Nova York, Bill de Blasio, se recusou a participar de qualquer evento com Bolsonaro”.

    Segundo o Dallas Voice, o prefeito democrata Mike Rawlings não compareceu ao almoço ou a qualquer outro evento envolvendo Bolsonaro.

Deixe uma resposta para melhorjairseacostumando Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *