Bolsonaro já garante que vencerá Lula na sucessão de 2018

Humberto Siqueira
O Tempo

Em seu estilo polêmico, o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) participou em Belo Horizonte de um debate durante o V Seminário Internacional Brasil & Israel, realizado pela Federação Israelita de Minas, e confirmou que está de malas prontas para deixar o PP. O objetivo: uma sigla que possa abrigar seu desejo de se candidatar à Presidência em 2018.

“Eu vou sair do PP. Quero, em 2018, estar num partido em que todos os filiados decidam se vai ter candidato a presidente, governador, etc., e quem, dentre os filiados, serão os candidatos”. Bolsonaro, no entanto, não revelou se já encontrou este partido. “Nem me ‘divorciei’ (do partido) ainda, não posso falar em um novo noivado”, brincou.

Perguntado sobre uma eventual disputa com o ex-presidente Lula, caso o petista também dispute o Palácio do Planalto, Bolsonaro, que é evangélico, foi enfático. “Lula não vai vir com baixaria pra cima de mim porque vai se ‘fuder’.”

Depois de uma semana movimentada na Câmara pela votação da reforma política, Bolsonaro comentou sobre os principais pontos votados e os que ainda serão discutidos em plenário.

Uma das emendas prometidas para serem votadas na próxima semana diz respeito à cota de 30% para mulheres nas chapas proporcionais dos partidos. “O que elas querem agora? Cota pra mulher. Quando foi para votar a favor das pensões das viúvas, 80% das mulheres votaram contra as viúvas e os órfãos. Que moral tem esse bando, agora, para acharem que devem ter cotas?”, disparou.

IMPEACHMENT

O parlamentar, que nesta semana esteve com líderes do Movimento Brasil Livre favoráveis ao impeachment da presidente Dilma, não acredita que o fato seja possível. “Que existem motivos, existem. Mas não vão conseguir. Não se consegue mobilizar a Câmara. E o Supremo chegou num ponto que pode garrotear o Legislativo. Você promulga uma PEC, por exemplo, eles derrubam. Então, o que fizermos que a Dilma não gostar o Supremo julga inconstitucional”, acusa.

NÃO REELEIÇÃO

Bolsonaro disse ter votado pelo fim da reeleição pois, “entre um mandato e outro, o chefe do Executivo gasta tudo para depois virar pinóquio”. E concluiu: “Agora não vai mais agir dessa maneira”.

4 thoughts on “Bolsonaro já garante que vencerá Lula na sucessão de 2018

  1. boa tarde,leitores(as):

    Senhor,deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ),que tal incluir em seu programa de governo a criação/edição de uma “Proposta de Emenda Constitucional- PEC”,obrigando todas as RELIGIÕES sem distinção instaladas no Brasil á pagarem todos os TRIBUTOS (impostos) de que atualmente(hoje) são insentos, e que todo TODO CIDADÃO COMUM é obrigado á pagar de forma compulsória e sem retorno nenhum em serviços de boa qualidade,como é de seu conhecimento.

    Lembrete:

    O senhor sabe muito bem como os “Deputados e Senadores” ELABORAM E MODIFICAM” as leis Brasileiras,que na maioria das vezes o fazem para legitimar os mais diferentes CRIMES que praticam contra o povo Brasileiro.

  2. Olha o linguajar desse tal de Bolsonaro :
    Lula não vai vir com brincadeira pra cima de mim, porque vai se … Que nível !!!
    É … , mais os dois se equivalem. O linguajar do Lula é de igual pra pior .
    Dele , temos vários e vários exemplos que não vale a pena citar.
    Suja a coluna, suja o papel.

  3. Se se candidatar terá o meu voto. Estou cheio deste políticos que nada fazem ou ficam em cima do muro. Deputado Bolsonaro o senhor terá o meu voto caso venha a se candidatar a Presidente da República em 2018. Espero estar vivo até lá. Porque aposentado da VARIG do Fundo Aerus continua a sua via crucis por causa deste desgoverno do PT. São mais de 9 anos penando e penando. Desgoverno dilma rousseff nada faz para nos ajudar. Aliás o desgoverno anterior de lula também nada fez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *