Bolsonaro prepara um golpe caso permaneça atrás nas pesquisas do Datafolha

Charge do Jota A (portalodia.com)

Pedro do Coutto

Mais uma vez, ao longo da história moderna do país, a democracia corre sério risco, o que faz com que a preocupação volte a criar uma atmosfera densa de ruptura constitucional. Essa perspectiva, inclusive, está bem levantada pelo jornalista Ruy Castro na edição de ontem da Folha de São Paulo.

A questão é simples, aliás como o próprio articulista definiu: os generais, referindo-se ao comando do Exército, deixaram a crise ir longe demais, em decorrência do caso Eduardo Pazuello. Conseguiram esticar a corda demais e não há margem de recuo possível.

SINUCA DE BICO – Portanto, como poderiam os militares pensar em agir a partir de agora? Deixaram escapar uma situação criada pelo próprio presidente da República na medida em que este se empenhou em resguardar Pazuello de qualquer punição militar.

Além disso, ainda nomeou o general como titular da Secretaria de Planejamento Estratégico. Parece até uma surpresa, não fosse Bolsonaro o personagem principal de contradições em série. Ele exalta Pazuello, mas esquece que usou a caneta para demiti-lo da pasta da Saúde.

QUEIROGA – Matéria da Folha de São Paulo, assinada por Daniel Carvalho e Natalia Cancian, ressalta a afirmação literal do próprio presidente da República sobre o seu atual ministro da Saúde. Nesta altura é possível ser ex-ministro da Saúde pelo espaço que existe entre esse artigo e o desfecho na Esplanada de Brasília.

Disse Bolsonaro: “Acabei de conversar com um tal de Queiroga, não sei se vocês sabem quem é. Ele vai ultimar um parecer para desobrigar o uso de máscara por parte daqueles que estejam vacinados ou que já foram contaminados, para tirar esse símbolo”. Não pode haver um tratamento mais radical e mais ofensivo do que esse, sobretudo vindo de um homem sem qualquer conhecimento médico ou científico, e que coloca-se acima das definições de grupos da Ciência.

CRISE – Enquanto isso, as contaminações continuam a ter uma presença marcante no incrível panorama nacional. Parece não ter saída a crise que se instalou, cujo final pode representar um recuo a dezembro de 1968 com a decretação do Ato Institucional nº 5 que ampliou o regime ditatorial e a falta de segurança individual das pessoas.

Finalmente, Jair Bolsonaro empenha-se em mudar a realidade. Tirou a máscara da face e agora a estrada a percorrer será marcada pelos obstáculos produzidos

14 thoughts on “Bolsonaro prepara um golpe caso permaneça atrás nas pesquisas do Datafolha

  1. Eleger Bolsonaro foi um equívoco do povo, tem gente que pensa com a cabeça e outros com outro lugar, o cara passou 27 anos como deputado, não vejo nenhum projeto que seja para o país, ainda tem gente que chama o cara de mito, vá plantar batata, é muita ignorância.

  2. Bolsonaro cai nas pesquisas porque só sabe fazer inimigos. As alianças que faz sao todas efêmeras.
    E a cada barraco que promove perde mais apoiadores.
    Se tentar algum golpe será o extremo do ridículo.

  3. Pedro do Couto, estimado jornalista, continua mais acordado do que nunca.
    Os cegos, aqueles que têm olhos, mas não querem ver a realidade, que bate a nossa porta, como um bumbo anunciando um novo 1964. Com uma diferença brutal: Ao invés do rodízio de generais, trocando a guarda de quatro em quatro anos, um capitão perpétuo, soberano e altaneiro, flanando e comandando a tropa de oficiais e subalternos.
    Cômico se não fosse trágico. Não haverá espaço para críticas ou divergências com o soberano imperador.
    Tudo caminha nesse sentido. Quando ele começa a chamar o auxiliar, seja ministro ou secretário, de “tal”, aquele sujeito, tá se achando ou que começa a ser elogiado pela mídia televisiva, se for a Globo então, podem esperar a demissão próxima, com direito a fritura diária em banho Maria, além das cascas de banana, até o cara não aguentar mais e pedir para sair, caso parecido com o ministro Moro da Justiça e o Teich da Saúde.
    Não podemos esquecer do general Santos Cruz, vítima de fakenews e do ex- amigo, ministro da Casa Civil,Gustavo Bebiano.
    Caso se confirme a queda de mais um ministro, o quarto em plena Pandemia, seria um desastre de proporções trágicas. Quem será o quinto? Provavelmente, alguém, que receitaram Cloroquina para frear o avanço da Covid.
    Como o Brasil retrocedeu, desde 1918!

  4. O texto retrata a realidade.
    O grupo Frotistas está no poder,aos poucos no conta-gotas,vai preenchendo os espaços.

    Esse provinciano já tinha alertado na ocasião dos fatos do forte apache-DF.

    As FFAA, perderam o controle da situação quando o senhor Bolsonaro,insuflou os robôs e Androids,em frente ao forte apache-DF,ir contra os poderes constituídos..

    Nenhuma novidade, enquanto isso,as PMS, estão sendo aparelhadas,e a liberação da compra de armas liberadas.

    Ainda senhor Bolsonaro, não tem o domínio total. Falta-lhe,apoio dos empresários,da mídia,do Senado,STF,e outros órgãos,e da grande massa do andar de baixo..

    Por,isso,senhor faz carreata,motociata,em plena campanha 22.

    As VACINAS,isso,vai ficar por conta do tribunal de Haia.

  5. Bom dia , leitores (as):

    Senhores Pedro do Coutto , Carlos Newton , J.Béja e Marcelo Copelli ,essa crise médico / sanitária que assola o Brasil e o mundo , caiu como uma luva aos propósitos do Presidente Jair Bolsonaro de permanecer no poder á qualquer preço através da provocação de uma ” CONVULSÃO E CONFRAGAR ” o povo Brasileiro , para justificar um golpe de estado com apoio de membros do congresso nacional , ele já destruiu boa parte das instituições Brasileiras .

  6. O experiente jornalista Pedro do Coutto continua bebendo nas águas poluídas da imprensa aliada da corruptocracia. Ruy Castro (e a Folhinha) está muito preocupado com o golpe do Bolsonaro, jornalista desinformado desconhece que há meses existem um parlamentares e um jornalista presos ilegalmente por ordem do ministro Alexandre de Moraes, o mesmo que advogou para empresa do PCC. Também desconhece que manifestantes pacíficos foram presos, que pais de família saudáveis tiveram seu sagrado direito de ir e vir e de trabalhar para prover o sustento dos seus filhos suprimidos por tiranetes acobertados pelo STF, o Supremo Tribunal de Facínoras.

    Sobre o desnecessário uso de máscaras por pessoas imunizadas (vacina ou natural), a musa dos tranca-rua Dra Luana, o Dr Fauci e o Presidente Joe Bidê, o queridinho da esquerda mundial, estão fechados com o intrépido Bolsonaro.
    Sorry, coronaLovers, cada dia fica mais feio pra vocês.

    • Biden não é esquerda…
      Tem os que se enganam com o fato dele ser democrata, assim como dia vice.
      Mas ainda sim é menos pior que Trump. Pero no muito.

  7. Bom dia , leitores (as):

    Senhor acontece que o ” DIABO TAMBÉM FAZ O BEM , QUANDO CONVÊM ” , pois todos os apoios que os congressistas dão aos crimes dos ministros/juízes do STF , um dia retornam e caem em suas cabeças , pois enquanto perdurarem essa sociedade e parceria criminosa entre congresso nacional e judiciário , o Brasil e seu povo , só temos á perder .

Deixe um comentário para jose carlos cabral Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *