Bolsonaro publica áudio não identificado nas redes sociais para defender a reabertura do comércio

Bolsonaro afirmou que haverá caos se o isolamento continuar

Ricardo Della Coletta
Folha

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) publicou nesta quarta-feira, dia 25, em suas redes sociais um áudio não identificado para defender a abertura do comércio em meio à crise do coronavírus. Em outra publicação, o presidente divulgou um vídeo sobre a pandemia no Japão e afirmou que haverá caos se a política de isolamento continuar no Brasil.

O áudio anônimo trata da resposta de Donald Trump à pandemia do novo coronavírus nos Estados Unidos e disse que, assim como prega o americano, o Brasil também precisa “abrir o comércio”. A declaração do presidente vai na linha de seu pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão, na terça-feira, dia 24, e de sua declaração na manhã desta quarta-feira.

CRÍTICA AOS GOVERNADORES – Nas duas ocasiões, o presidente criticou medidas de restrição de movimentação adotadas por governadores e disse que o país, para evitar o caos, precisa retornar á normalidade.

“Trinta e oito milhões de autônomos já foram atingidos. Se as empresas não produzirem não pagarão salários. Se a economia colapsar os servidores também não receberão. Devemos abrir o comércio e tudo fazer para preservar a saúde dos idosos e portadores de comorbidades”, escreveu o presidente em seu Twitter.


MUDANÇA DE PARADIGMA – Na mesma mensagem, o presidente compartilhou uma imagem dele e de Trump, além de um áudio de uma pessoa não identificada. Nele, gravado na segunda-feira, dia 23, o narrador diz que Trump adotou uma “mudança de paradigma” no combate à Covid-19.

“Tem que mudar o paradigma, não pode fechar a economia inteira. Se não o caos social vai se estabelecer a cura vai ser muito mais danosa do que o desease [doença]”, declara o narrador do áudio. “Ele [Trump] vai abrir o país, vai mandar todo mundo voltar”.

ADVERTÊNCIA – No mesmo áudio, o narrador também diz que os EUA vão passar a administrar a hidroxicloroquina para pacientes com o novo coronavírus. O medicamente apresentou resultados promissores para a enfermidade, mas ainda faltam estudos conclusivos e o próprio ministro da Saúde do Brasil, Luiz Henrique Mandetta, advertiu que ele tem sido administrada apenas para casos graves e que há efeitos colaterais.

“Todo mundo rezando para que o remédio funcione nos pacientes nos EUA, na América Latina e no mundo inteiro”, diz o narrador do áudio. Ele classifica ainda a política de confinamento massivo da população para frear a transmissão do vírus como “covarde”.

Em declaração recente, Trump afirmou que espera reabrir uma grande parte da economia americana até a Páscoa (12 de abril). Assim como Bolsonaro, o presidente dos EUA tem dito que os prejuízos econômicos com o confinamento em massa podem gerar danos inclusive maiores do que as mortes pelo Covid-19.

15 thoughts on “Bolsonaro publica áudio não identificado nas redes sociais para defender a reabertura do comércio

  1. TIREM AS MÁSCARAS!
    Paulatinamente os oportunistas estão sendo silenciados, à medida em que as evidências surgem. Destaco-as abaixo:

    1- A Presidência da República decretou estado de emergência no dia 04 de fevereiro de 2020. Portanto 2 semanas antes do Carnaval;

    2- Desde a publicação desse decreto o MS( Ministério da Saúde) do governo federal começou a se estruturar e a se preparar para uma possível epidemia, posto que já tínhamos casos em janeiro no país.

    3- O decreto foi solenemente ignorado por todos os prefeitos, governadores e pela imprensa suja,( rede esgoto) interessados em faturar alto e não estragar a festa de momo.

    4- A epidemia começou a tomar corpo a partir de SP, RJ, BA e PE, curiosamente os estados onde tivemos milhões de pessoas aglomeradas nos blocos e trios elétricos, sem falar na costumeira promiscuidade que rola nisso tudo;

    5- Os casos que estão explodindo em março coincidem com o período de incubação da doença possivelmente contraída nas festas de momo (lembre-se que o Carnaval continuou por mais 1 semana nesses estados);

    6- A partir da decretação de pandemia mundial pela OMS (Organização Mundial da Saúde), e das imagens dramáticas da Itália, governadores oportunistas e emissoras de TV, os mesmos que incentivaram o povo a se aglomerar nas ruas para se contaminarem, viram uma janela de oportunidades para levar adiante o projeto de deposição do Presidente da República, objetivo perseguido desde antes da posse do Presidente Bolsonaro;

    7- Diante de declarações do Presidente, que buscava acalmar e não disseminar pânico e histeria na população, armou-se um grande complô midiático para se desacreditar o presidente, inclusive com incentivo aos panelaços e sugestões de golpe;

    8- Incautos de todos os matizes foram convocados para uma guerra virtual de desinformação e mentiras, sob a pseudo justificativa de que o “Presidente nada estava fazendo”;

    9- Incentivaram uma guerra política fratricida, justamente na hora em que o país mais precisava de união, tirando o foco do combate à doença, para atirar no colo do Presidente a culpa pela disseminação no Brasil de um vírus que veio de fora, (vírus chines) e que atingiu todos os países do mundo.

    10- Neste momento o país caminha para um crescimento acelerado de infectados e de mortes onde se pode observar um certo desejo mórbido, de alguns parasitas, para que muitos óbitos aconteçam e se possa culpar o Presidente “racista, homofóbico, fascista e agora também “genocida”;

    Portanto parem com essa campanha estúpida de desinformação e histeria!

    Contribuam com algo positivo!

    Ajudem a melhorar a autoestima de pessoas simples que estão com muito medo e desespero!

    Procurem saber quantas pessoas estão com picos hipertensivos, depressão, angústia, paralisia e tantas outras doenças psicossomáticas que também podem levar ao óbito, não ignore os mais fracos e os desesperados, por causa dessa mídia imunda só porque você detesta o Presidente legalmente eleito.

    Pratiquem de verdade aquela empatia que vocês exigem de todo mundo, faça a diferença, seja diferente. Mas se preferem ver o pais onde vive virar uma Venezuela continue a agir da mesma maneira porque afinal vocês se acham moralmente superiores.

    O presidente Jair Messias Bolsonaro precisa do nosso apoio agora mais do que nunca, parem com esse mimimi de que: agora ele perdeu minha credibilidade.

    Veja e reveja os fatos, e parem de dar credibilidade a uma imprensa porca que sempre o perseguiu.

    Sejam parte da solução, não do problema!

  2. Em tudo ele é indeciso, atrapalhado, e falastrão. Ou seja, agora é sim, daqui a pouco pode ser não. E ligo mais ainda pode decidir pelo sim do novo!!! Qtas vezes já aconteceu? O cara brinca de presidente. Mas mesmo assim, lhe foi conferido um mandato de 4 anos. Somos Obrigados a respeitar. Nada de golpe.

    • Isso mesmo. Para os políticos e bom. Não precisam correr atrás do pão de cada dia.
      São mais de 40 milhões de autônomos. Vão passar fome??? Ou os governadores vão pagar as contas deles. Ou o Senhor Ronaldo vai pagar.
      Aponta uma solução. Fica só atirando parece um fariseu.

  3. Bolsonaro está certíssimo, vamos trabalhar.
    Fazer o isolamento vertical.
    Nosso país TROPICAL é muito diferente de todos os outros.
    Estão usando esse surto para vingar-se do Bolsonaro. E sabemos muito bem que são. OS POLÍTICOS CORRUPTOS, OS GILMAR MENDES representando o JUDICIÁRIO CORRUPTO e a GLOBO representando a IMPRENSA ESQUERDISTA CORRUPTA.
    Não vão conseguir desmoralizar o Governo, não vão. Contra tudo e contra todos o povo de bem sabe qual é a intenção desses HIPÓCRITAS.
    VAMOS TRABALHAR, vamos mostrar que somos patriotas, defendemos o correto o justo a verdade.

  4. TRUMP ESTÁ ERRADO E OS EUA SÃO HOJE O EPICENTRO DA CRISE DE CORONAVÍRUS NA AMÉRICA DO NORTE. SERÁ BOM SE BOLSONARO, DESTA VEZ, NÃO SEGUIR A ORIENTAÇÃO DE TRUMP

    O GLOBO – 25/03/2020

    PREOCUPADA COM ECONOMIA, ITÁLIA IGNOROU QUARENTENA ANTES DE SE TORNAR EPICENTRO DO CORONAVIRUS NA EUROPA

    Premier mudou estratégia quando mortos começaram a subir exponencialmente. País tem hoje mais de 1.500 mortos

    https://oglobo.globo.com/mundo/preocupada-com-economia-italia-ignorou-quarentena-antes-de-se-tornar-epicentro-do-coronavirus-na-europa-1-24327729?utm_source=notificacao-geral&utm_medium=notificacao-browser&utm_campaign=O%20Globo

  5. Calma. Eu acredito no presidente!
    Se ele já afirmou milhões de vezes que não entende nada de economia, porque não acreditar nele ?
    Toda vez que ele der qualquer palpite relacionado a economia é só não dar bola. A opinião dele, nestes casos, deve ter o mesmo peso que a minha: zero.

  6. È tão fácil fazer um planejamento, mas com esta mídia canalha e dupla de governadores golpista fica difícil. Só fazer um planejamento com as cidades que fazem o isolamento mais rígido e aquelas que fazem o isolamento menos rígido baseado no numero de casos, alem de acelerar os testes. Simples como fez a Coreia do Sul. Rio, BH, São Paulo e Bahia fazem o mais rígido e as demais cidades tem um maior afrouxamento. Agora pergunto alguém sabe um dos motivos que estas quatro cidades estão com a maior número de contaminação?

  7. Bolsonaro está preocupado ao dizer que, se as empresas não produzirem não pagarão salários, mas não estava preocupado ao editar uma MP que as empresas poderiam afastar seus empregados por 4 meses sem salários., isto é, as empresas ficariam 4 meses sem produzir e os empregados sem salários para consumir. Ainda bem que revogou a tal MP, depois da reação da maioria sensata.
    A meu ver, na situação atual, o presidente que tem a chave do cofre na mão, deve dar incentivos necessários às empresas necessitadas para continuarem funcionado e garantido o emprego.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *