Bolsonaro vai visitar a Rssia em momento de forte tenso internacional

Bolsonaro visitar Putin enquanto se teme invaso Ucrnia

Pedro do Coutto

Eliane Oliveira e Jussara Soares, numa excelente reportagem publicada na edio de ontem de O Globo, anunciam e analisam a viagem que o presidente Jair Bolsonaro realizar, no ms de fevereiro, Rssia e Hungria. A matria acentua uma dose de procura de reflexo nas urnas de outubro. o que pode pretender Bolsonaro, embora tal viagem, principalmente o provvel encontro com o presidente Putin, contrarie as bases mais radicais de seus eleitores.

Pessoalmente no creio que possa influir favoravelmente junto s esquerdas, uma vez que o carter ideolgico do presidente da Repblica encontra-se bem marcado como de oposio s ideias reformistas, quanto mais, portanto, ideias que se caracterizam na poltica por ditatoriais. No usei o termo comunista para o governo Putin porque ele real ao que se refere liberdade do povo, mas no se aplica a empreendimentos absolutamente capitalistas. Tanto assim, que milionrios russos, da mesma forma que chineses, adquirem obras de arte por preos estratosfricos.

CRISE – Mas no s essa questo. preciso considerar tambm a crise da Ucrnia e a ameaa de invaso russa ao pas que atravs da histria sempre esteve no foco de divergncia com o poder central, desde os tempos de Stalin. Sofreu, inclusive, um cerco que culminou com a morte pela fome de milhares de ucranianos.

No momento atual a cartada de Bolsonaro de alto risco sobre o reflexo que poder atingir sua campanha, sobretudo porque no faz sentido imaginar-se que em Moscou Bolsonaro possa se pronunciar contra a ditadura de Putin ou mesmo contra a economia russa. A meu ver, a viagem de Bolsonaro irrita a direita, principalmente a extrema, e no significa que v obter consequncias de qualquer posio de esquerda nas urnas de outubro.

O presidente Bolsonaro tem se colocado em posio contrria ao resultado das eleies em vrios pases, inclusive nos Estados Unidos que contrariaram os grupos mais conservadores desses pases. A viagem de Bolsonaro deve causar manifestao, por exemplo, do escritor Olavo de Carvalho. Em matria de eleies, um ponto sequer pode ser extremamente importante.

FUNDOS DE PENSO - A reportagem de Lucas Bombana, Folha de S. Paulo de segunda-feira, destacando que os fundos de penso nas empresas estatais, como o caso da Petrobras, Banco do Brasil, Caixa Econmica Federal, Furnas e Eletrobras, com o reajuste da Selic para 9,25% ao ano, passaram a adquirir ttulos pblicos corrigidos por essa taxa.,

Digo sempre e agora reafirmo a luz dos fatos que os bancos, fundos de investimentos e fundos de penso so credores e no devedores dos ttulos pblicos. Portanto, quando o governo divulga e tcnicos endossam que a Selic mais alta para combater a inflao, peo sempre que os leitores rejeitem o absurdo ou pelo menos analisem a desculpa.

Enquanto a poupana gira por ano a uma velocidade de 3%, a inflao de 2021 alcanou 10% em nmeros redondos. Esse processo mostra que a Selic subir ainda mais porque se ela ficar abaixo da inflao oficial vai desestimular a aquisio dos ttulos pblicos.

MAPA DA FOME – Em entrevista Suzana Petropouleas, Walter Belik, que foi um dos coordenadores do Fome Zero e um dos principais especialistas em Segurana Alimentar, criticou a poltica do ministro Paulo Guedes adotada pelo presidente Jair Bolsonaro voltada para desmontar, disse ele, as iniciativas contra a fome no pas.

Belik lembrou que o projeto de Fome Zero foi criado em carter pluripartidrio. Proporcionou resultados positivos, mas a partir de 2017 representou um retrocesso, consequncia, digo, do desemprego, do subemprego, do no emprego e dos reajustes de salrio inferiores s taxas oficiais de inflao do IBGE. Tal processo conduziu o pas a retornar ao Mapa da Fome.

A fome vem se agravando no pas, o que est refletido no consumo de alimentos. No Brasil, acrescentou Belik, 55% da populao vive algum tipo de restrio alimentar.

SEM PLANEJAMENTO – Manuel Ventura, em uma importante reportagem publicada no O Globo de ontem, destacou o fato de hidreltricas de porte, como o caso das usinas de Belo Monte e Tucuru, no Par e a de Sobradinho, na Bahia, estarem jogando gua fora por no terem como escoar toda a produo da energia que poderia transmitir para reas necessitadas que acionam termeltricas para atender a demanda.

O preo das tarifas das termeltricas muito mais cara do que a produzida pelas hidreltricas. Alm disso, operam base de leo, gs, carvo e insumos poluidores. Belo Monte e Tucuru foram construdas no governo Lula e, principalmente, a de Belo Monte gerou uma polmica entre a ento ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff, e a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva.

Esse embate terminou com a demisso de Marina Silva. De qualquer forma, porm, a falha maior foi a ausncia de planejamento com o projeto de grande porte como Belo Monte voltado para a produo de energia, mas no levando em conta a indispensvel rede de transmisso.

7 thoughts on “Bolsonaro vai visitar a Rssia em momento de forte tenso internacional

  1. Ser que a manuteno das termeltricas em operao no favorece ao cartel que domina a Petrobrs e consequentemente com mais leo sendo queimado se importa mais e o governo federal arrecada mais impostos com um dlar que s tem esse valor no Brasil e em naes de quinto mundo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.