Cabral já está de volta a Bangu 8, onde tinha conseguido privilégios

Habeas corpus saiu pela metade e Cabral segue preso

Deu na Agência Brasil

O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, foi transferido neste sábado (17) da carceragem da Polícia Federal, em Curitiba, para o presídio de Bangu 8, no Complexo Penitenciário de Gericinó, no Rio de Janeiro. A transferência de Cabral para Curitiba ocorrera há uma semana, devido a suspeitas não confirmadas de que ele estaria gozando de privilégios no presídio carioca. Cabral saiu hoje de Curitiba por volta das 12h, segundo a Polícia Federal. Após cerca de 1h30 de voo, desembarcou no Aeroporto Internacional do Galeão.

O ex-governador está preso há um mês, após virar réu em ação na Justiça Federal do Rio de Janeiro, acusado dos crimes de lavagem de dinheiro, associação criminosa e corrupção passiva, apontados nas investigações da Operação Calicute.

De acordo com a Polícia Federal, Cabral liderava um esquema de corrupção que envolvia pagamento de propinas e lavagem de dinheiro, com o apoio da esposa, Adriana Ancelmo, e outras quatro pessoas.

HABEAS CORPUS – O desembargador federal Abel Gomes, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, determinou sexta-feira (16) que Cabral retornasse ao presídio do Rio de Janeiro, acatando pedido de habeas corpus apresentado pela defesa.

Na decisão, o desembargador esclareceu que a Lei de Execução Penal, ao tratar de cadeia pública, onde devem permanecer os presos provisórios, estabelece que os custodiados sejam mantidos em local próximo da família.

Ainda nesta sexta-feira, Cabral e outras seis pessoas se tornaram réus no âmbito da Operação Lava Jato, incluindo a ex-primeira-dama. Cabral é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, por ter recebido, segundo a denúncia, R$ 2,7 milhões em propina desviada de um contrato da Petrobras com a empreiteira Andrade Gutierrez para realização de serviços de terraplanagem nas obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj).

Após aditivos, o contrato, que no início foi de R$ 819,8 milhões, ultrapassou R$ 1,17 bilhão, destacaram os procuradores autores da denúncia aceita pelo juiz Sérgio Moro.

22 thoughts on “Cabral já está de volta a Bangu 8, onde tinha conseguido privilégios

  1. Já já estará em Mangaratiba, gozando as delicias de um “dolce far niente”.
    Toda esta gritaria logo passara e o cabralzinho voltará a usar os guardanapos, la na cidade luz.
    Brasil é brasil.

  2. Desembargador Abel, estás mais para Caim, se fosse um 3Ps = preto, pobre ou puta, , sem dinheiro, para as chicanas, estaria e continuaria em penitenciária, por ter roubado a galinha do vizinho para matar a fome da familia, a isto , chamam justiça. Cabral, destruiu o Estado, colocou milhares de famílias de funcionários na rua da amargura.
    Os Tribunais superiores, não merecem a confiança da Cidadania, seus agentes com pomposos nomes, estupram, e vilipendiam a justiça.
    Que Deus nos ajude, para termos um Brasil decente e Justo.
    Mais uma vez lembro: Há uma Justiça, que faz Justiça, cuja Lei é: A cada um segundo suas Obras e Pagarás até o último ceitil, no Além túmulo, destino final de todos nós, e a sentença é “Ranger de dentes”.

  3. Cabral é festa!
    Brasil 17.12.16 18:45
    A Veja.com registra que Sérgio Cabral foi recebido com festa no retorno a Bangu: “Grupo de bombeiros militares, usando toucas de Papai Noel, estourou fogos e brindou com espumante o retorno do ex-governador”.

  4. Um manda para Curitiba , o outro manda voltar para o Rio, sou leigo, mas desta justiça é uma bagunça, este país não tem jeito, este juiz atropelou o outro juiz, afinal quem tem mais autoridade,.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *