Carlos Lacerda foi convidado por Castelo Branco para embaixador na ONU e recusou

Resultado de imagem para lacerda e castelo branco

Se Lacerda tivesse aceitado, jamais seria cassado pela ditadura

Helio Fernandes

Era um sábado. Tínhamos acabado de almoçar, Rosinha saiu, eu estava sozinho. Dezembro de verão tremendo, de bermuda, sentado no chão do enorme salão, lia a biografia de Charles Chaplin. Maravilha.

O telefone tocou, (estávamos distante pelo menos 20 anos do celular), um empregado veio com o telefone, “o governador Lacerda quer falar com o senhor “. Já deixara o governo, ficou o hábito.

Atendi, perguntou se eu ia sair, disse não, respondeu, “estou indo para aí, preciso conversar”. Foi direto,

52 anos depois, a emoção da lembrança e da revelação. “Helio, estou vindo do Palácio, o Castelo me convidou para embaixador na ONU”. Interrompi, não deixei que dissesse mais nada, falei:” E você aceitou na hora”. Em cima do laço, respondeu, “recusei, quero ser presidente”. Fiz então uma análise, resumida:” Você fala correta e correntemente 4 ou 5 idiomas, é um dos maiores tribunos que conheço, vai dominar a ONU. E os generais estão mandando um recado, não querem romper com você”.

Conhecia muito minha casa onde moro desde 1962, elogiou meus quadros, citando um-a-um, parou em frente a um retrato de Rosinha, pintado pelo famoso Bianco, meu grande amigo. Disse simplesmente: “Rosinha é muito bonita”

Conversamos mais umas 3 ou 4 horas, antes de sair, pediu: “Helio, usa a tua famosa memória, reconstitui a conversa, não diz que foi comigo, nem fala no convite para ser embaixador na ONU”. Disse a ele, você sabe que os vespertinos não circulam aos domingos, e os matutinos, às segundas, vou tentar para segunda.

Deu facilmente a página 3 inteira. Ele tinha assinatura, recebia o jornal assim que começava a circular;

Recebeu, leu, telefonou, falou: “Maravilha. Agora quero pedir o contrário. “Na tua memória deve ter sobrado muita coisa, diz que a conversa foi comigo, e pode revelar que fui convidado para embaixador na ONU”.

###
P.S.
No dia seguinte outra página 3 inteira, novo telefonema: “Meus telefones não param”. Satisfeitíssimo, só que 1 ano depois foi cassado. O que não teria acontecido se tivesse aceitado ser embaixador. E o país seria outro. (H.F.)

(artigo enviado por José Carlos Werneck, primo de Carlos Lacerda)

31 thoughts on “Carlos Lacerda foi convidado por Castelo Branco para embaixador na ONU e recusou

  1. Culto,brilhante, língua ferina,o congresso parava para ouvi-lo.

    Como Governador,Lacerda e depois Brizola,sem dúvida foi os melhores gestores que RJ teve.

    Por ironia do destino,ambos não chegaram ou não deixaram ser Presidente…

    Fico a imaginar, Lacerda num debate com esses micuins.

    Lacerda teve a oportunidade como bem diz o Hélio Fernandes,de ser embaixador,como embaixador teria chance de ser Presidente.

    Goste,ou não,Lacerda é um vulto da nossa história.

  2. “P.S. – No dia seguinte outra página 3 inteira, novo telefonema: “Meus telefones não param”. Satisfeitíssimo, só que 1 ano depois foi cassado. O que não teria acontecido se tivesse aceitado ser embaixador. E o país seria outro. (H.F.)” Na visão do meu finado e saudoso pai, paulistano da Lapa, Sampa,Lacerda era um cara genial, além do seu tempo. Mas, cá entre nós, o Brasil seria coisa igual ou parecida a isso que aí está mesmo, enquanto tendência da república 171, filha do golpismo ditatorial, do partidarismo eleitoral, e dos seus tentáculos, velhaco$, que se consideram os sócios-proprietários da dita-cuja, os quais, que se revezam no poder há 130 anos, enquanto primeira e segunda vias da mesma, jamais abrirão mão para uma Terceira Via de Verdade comandá-la, na boa e na moral, pacificamente, exceto por intervenção direta de Deus, como propõe a RPL-PNBC-DD-ME, o Projeto Novo e Alternativo de Política e de Nação, o novo caminho para o novo Brasil de verdade, porque evoluir é preciso. Lacerda, caso tivesse aceito o convite, que poderia ter salvo a sua vida, teria sido absorvido pelo argumento da força dessa coisa sinistra e peçonhenta que ainda continua por ai, infeliz e desgraçadamente, tipo velharia política que já morreu, mas que continua impedindo o Brasil e o povo brasileiro de se encontrarem com o Novo de Verdade, que é a Democracia Direta com Meritocracia, como propõe a RPL-PNBC-DD-ME, porque libertar-se para evoluir é preciso.

  3. O Jornalista Sr. HÉLIO FERNANDES (99), ainda na Ativa, é um extraordinário Analista Político. O Gov. CARLOS LACERDA UDN-DF principal Líder Civil da revolução Civil-Militar 64, já tinha ganho a Candidatura à Presidência da Republica na Convenção Nacional da UDN em Curitiba-PR e depois da Revolução 64, a nova Convenção Nacional da UDN no Rio de Janeiro-DF, para a Eleição Presidencial Out/1965.

    O Alto Comando da Revolução já manobrando para continuar no Poder, convidou o Gov. CARLOS LACERDA para Embaixador na ONU a fim de que ele afastado do Brasil facilitasse a a futura prorrogação do Mandato do Presid. CASTELLO BRANCO e transferência da Eleição Presidencial para Out/1966, que no fim com a crise do AI-5 também acabou não acontecendo mais.

    O Sr. HÉLIO FERNANDES enxergou claro o panorama Político e aconselhou o Gov. CARLOS LACERDA a ir para a ONU. Conselho não aceito.

    Também na crise do AI-5 (13 Dez 1968) o Gov. CARLOS LACERDA consultou seu amigo Sr. HÉLIO FERNANDES do que ele achava?
    Respondeu o Sr. HÉLIO FERNANDES, o senhor será Cassado e Preso. No dia seguinte estavam Cassado o Gov. CARLOS LACERDA, e presos o Sr. CARLOS LACERDA, HÉLIO FERNANDES, o Ator MÁRIO LAGO ainda em trajes de veludo onde atuava numa Peça Teatral, etc, e logo depois como conta o próprio CARLOS LACERDA foi uma Convenção Nacional de Presos, da UDN, PSD, principalmente PTB e PCB, Sindicalistas, Estudantes, etc.

    LACERDA tinha dito, dessa vez HÉLIO FERNANDES Tu estás errado: Não serei Cassado nem Preso.
    HÉLIO FERNANDES estava certíssimo novamente.

    A verdade é que CARLOS LACERDA era NACIONAL-DESENVOLVIMENTISTA PRIVATISTA com tolerância a Empresas ESTATAL estratégicas, em suma um PATRIOTA BRASILEIRO, e nunca teve a aprovação do SISTEMA.

  4. Como diz o grande Hélio Viola Fernandes: perguntinha ingênua, inócua, capciosa. Será que o Marechal Castelo Branco fez esta oferta antes ou depois de o “corvo” tê-lo alcunhado de o “anjo da Rua Conde de Lage”? E também como faz o Hélio – ha!ha!ha!ha!

  5. Era tão bom Governador que o Elói Dutra (PTB-GB) ganhou a eleição para Vice Governador da Guanabara em 62, o Negrão de Lima (PSD/PTB) deu uma surra no Flexa Ribeiro em 65 e Brizola derrotou facilmente a Mestra Cavalcanti em 82. Teve dinheiro a rodo do governo americano para fazer as obras que fez, golpista sórdido, cínico, capaz da encenação da Frente Ampla que Brizola recusou veementemente.

    • Carlos Alverga,senhor que é um dos fundadores do blog, seus pitacos estão certos..

      Politicamente todos conhecem o coveiro de Getúlio e Jango..

      Por,isso,seus seguidores levaram surras nas urnas,faltou humildade em reconhecer os erros que cometeram.

      Lacerda,abandonado pelos militares e Cia,fez sua última cartada em criar a frente ampla..

      Lacerda morreu no ostracismo da história.

  6. BRIZOLA, CIEPS, EDUCAÇÃO EM TEMPO INTEGRAL…
    Brizola é considerado uma Divindade por muitos.
    Imagino que se o mesmo fosse presidente e o Lula nunca tivesse sido, o Deus seria o Lula, pois Brizola como presidente seria um desastre e assim nos levaria a crer que o bom mesmo seria o Lula.
    Os dois são socialistas e populistas. Sim, o Brizola assim como Lula são populistas. Os dois se merecem.
    Peron, Getúlio Vargas, Brizola e Lula, são todos populistas. O Peron nos anos 40/50, ao governar com forte apoio do Sindicalismo desgraçou a Argentina, que tinha índices sociais comparáveis a países da Europa. O Lula também, se não cortassem suas assas de rapina também tornaria o Brasil em uma Republica sindicalista.

    Sobre Brizola o Presidente Figueiredo falou:
    “É o maior líder do país. O povão gosta de ouvir a palavra do Brizola. Mas ele não faz aquilo que diz. No dia em que chegar à Presidência será o maior ditador que o país já viu, porque ele é um caudilho mesmo. Esteve na minha casa duas vezes. Perguntei-lhe:
    – O senhor é socialista?
    – Sou.
    – O senhor vem a minha casa e acaba de me confessar que acaba de vender sua estância em São Borja e comprar outra no Uruguai. O senhor não pode ser socialista no Uruguai. Tem de ser no Brasil. Por isso o senhor vendeu a sua estância no Brasil, para poder defender a bandeira da reforma agrária. Eu quero ver, se houver um socialismo no Uruguai, o que o senhor vai fazer.”

    Ah, assim como Lula usou a Petrobras para suas ambições o Brizola usou a CSN, ainda estatal, (claro, não tão quanto o Lula) como cabide de empregos para políticos do seu partido. Foi o que li por aí.
    Lembro que uma das coisas que o Brizola prometeu em campanha para presidente seria fazer uma auditoria na Globo. Que se fizesse, mas seria algo de pouca relevância em se tratando de outras prioridades maiores.
    Alguém que quer ser presidente pode até questionar o poder da Mídia, mas num todo e não especificamente em uma só empresa.
    Temos problemas mais sérios a resolver. É demagogia em plena campanha questionar e perseguir um canal de TV.
    Na sua entrevista o Figueiredo diz também que o discurso do Brizola nunca muda, é a mesma coisa.

    Os brizolistas citam os CIEPs como trunfo do seu candidato que poderia ter sido o “Consertador do Brasil”.
    Já se foi provado que Educação só presta se for em tempo integral, com alunos “presos entre quatro paredes”?
    Existe algum estudo feito a respeito e que tenha provado com Fatos e Dados que só assim uma educação para crianças daria certo?
    Ah, mas na Finlândia e não sei onde mais deve ser assim e assado…
    Sim, mas os governantes da Finlândia educam sua população ensinando-lhes como pensar e não o que pensar.
    Creio que a intenção do governo deles é formarem cidadãos dotados de Livre arbítrio e não ativistas do pensamento único ou militantes da Esquerda.
    Alguém aqui no Brasil já leu ou ouviu citações tipo “Massa de Manobra” ao se referir à população finlandesa ou de outras nações prósperas e democráticas?

    Sou contra uma criança entrar em um ambiente fechado e lá permanecer por 10 a 12 horas. Principalmente em um governo populista onde se predomina a Doutrinação e o Assistencialismo.
    Creio que a maneira mais eficiente para se doutrinar pessoas através de seitas marxistas é quando iniciada na sua infância e adolescência.
    E tenham certeza de que crianças e adolescentes dentro de um recinto iluminado pelo espírito de Darcy Ribeiro, Anísio Teixeira e Paulo Freire aprenderiam que Marx é Deus e Adam Smith é Satanás.
    Aprenderiam que do Capitalismo nasce o Oprimido e do Socialismo nasce o Igualitário.
    Prezados, gostaria de morar em um país que não precisasse do meu filho depender de alimentação estatal.
    Poderia já sair pela manhã alimentado e com R$ 6 para poder merendar no horário de recreio.
    Almoço em casa e depois fazer o chamado “dever de casa” na própria casa. E que seja na própria escola, mas que ele tenha a Liberdade de entrar e sair do recinto (para frequentar a Biblioteca e fazer o dever passado pelo professor) quando quiser e não ser trancado no tal CIEP por todo o dia.

    E para que serviria a parte da tarde nestes CIEPs? Para alunos ficariam trancados entre quatro paredes tendo aula de artesanato para aprender fazer chinelo de couro,
    aprender fazer fitinhas do Senhor do Bomfim,
    apreender bater tambor e jogar capoeira?
    Enquanto isso, as coisas funcionam bem melhores para os filhos da elite socialista.
    Por eles serem bem remunerados pelo Estado que lhes paga ótimos salários oriundos dos impostos pagos pelos contribuintes, jamais colocariam seus filhos em oficinas formadoras de inutilidades exóticas.
    No mesmo horário em que o Estado forma futuros militantes marxistas em galpões, os filhos das elites socialistas estarão recebendo em recintos particulares e caros aulas de piano, balé clássico, inglês, natação, artes marciais etc.
    E muitos filhos da elite esquerdista vão estudar ou fazer especialização em alguma profissão em países capitalistas do 1º Mundo. Lembrando que os socialistas pregam que, o Capitalismo é opressor, aumenta a desigualdade e do Capitalismo nasce o oprimido.
    É mais fácil um cágado correr mais rápido que uma Ferrari do que filho de socialista rico graduar-se em alguma coisa lá em Cuba, na Venezuela de Chávez/Maduro ou na Coreia do Norte.
    MAS, que bonito! Socialismo para o filho do pobre oriundo da Direita ou da Esquerda e Capitalismo para o filho do Socialista oriundo da casta mandante.
    Se isso não é contrariar a LÓGICA, nada mais seria.

    Se alguém fizer uma pesquisa aqui mesmo na Internet sobre o início e a causa dessa atual e brutal violência do Rio de Janeiro vai se defrontar com essa frase: “Brizola não deixou a polícia subir o morro”, e a história continua…

    E fico eu pensando: O Socialismo só deu prejuízo onde foi aplicado, causou miséria, fome e morte de milhões de seres humanos.
    Os países do Leste Europeu (sob o domínio da URSS) querem distância do comunismo, pois eles sofreram na pele a amargura desse regime criminoso.
    A Esquerda é atraso de vida, vamos dizer assim. Tivemos dezenas de exemplos. Foram umas 50 nações que viveram sob o jugo da Esquerda. Nenhuma delas se desenvolveu economicamente e culturalmente. Se nos dias de hoje algumas delas tiveram melhorzinha, (Vietnã, China, Chile ou algum país da África) tenham certeza, foi por ter provado do Capitalismo, aderiu ao Livre Mercado, abriu o Mercado para o Mundo, para o Capitalismo. Mais ou menos por aí.
    Ou seja, a Esquerda não funcionou. PONTO.
    E aqui nesse país de 3º Mundo estamos com saudades de um líder da Esquerda.
    Ô povo que gosta de sofrer!

    • João da Bahia, contérrrraneo, sou de Caravelas, bem no sul.
      Gostei imenso de sua postagem girou a metranca na cabeça dos que tem o cérebro terceirizado.
      Posso copiar sua postagem e postá-la no Face, lógico que garantindo a autoria.
      No Face meu nome é James Pimenta e a foto é a do Faca na Caveira.
      Hehehehe

  7. Prezado Prof. Dr. CARLOS ALVERGA,

    A grandeza do Gov. LEONEL BRIZOLA, ( PTB-RS) ( PDT-RJ), principalmente depois do exílio de 64, porque antes o Gov. BRIZOLA era um “Incendiário”, não diminui a do Gov. CARLOS LACERDA (UDN-DF).
    Ambos foram grandes Políticos Patriotas, de OPOSIÇÂO, só que LACERDA com muitas Cadeias, Exílios, Fugas, desde 1930, vida muito mais DIFÍCI, muito mais amadurecido, mas para mim, pelos Livros que CARLOS LACERDA escreveu, pelas ideias que ele tinha para o Desenvolvimento Nacional, (NACIONAL-DESENVOLVIMENTISMO PRIVATISTA com tolerância a Empresas Estatais estratégicas), ele tinha a visão mais certa.

    Quanto a Frente Ampla, LACERDA que não tinha medo de ninguém, nem de LUIZ CARLOS PRESTES ( PCB), nem dos MILITARES, etc, quando depois do acerto com o Presid. JOÃO GOULART ( PTB-RS) depois da Assinatura deste no Acordo da Frente Ampla, no Ap. do Presid. JOAO GOULART em Montevidéo-UR, LACERDA se despedindo disse: Bem Presid. JOAO GOULART, vou agora a Atlântida negociar e tentar pegar a assinatura do Gov. BRIZOLA para a Frente Ampla…..Cortou o Presid. JOÃO GOULART, um momento, se o senhor incluir o Gov. BRIZOLA na Frente Ampla, eu estou fora.
    Isso é uma questão particular minha.

    E assim o Gov. BRIZOLA não entrou na FRENTE AMPLA.

  8. A prova cabal que os militares não eram conservadores ou da direita é que cassaram Juscelino, Ademar de Barros e Carlos Lacerda.

    Desses três, Carlos Lacerda foi que o mais lutou para a derrubada do bêbado, que, por sempre estar bêbado, queria jogar o Brasil no socialismo radical, com a tal reforma agrária que resumia em tomar terras de seus proprietários e pagar com que dinheiro não se sabe, pois o governo não o tinha para o fazer.

    Como na ditadura de Getúlio, em que ele transformou o estado brasileiro em socialista-fascista, copiando a Itália de Mussolini, a ditadura dos militares também deu certo na economia no capítulo I. Depois, com Geisel, ela foi pro brejo, pelo mesmo motivo de Getúlio: o socialismo (430 estatais entre outros absurdos)

  9. A lamentar, que um tema tão importante como a História do Brasil, seus acontecimentos e fatos registrados, deixem de ser debatidos para prevalecerem as opiniões pessoais.

    Então não leio comentários que abordem a verdade da época, as suas nuances, circunstâncias, o jogo político, a aversão contra o PTB porque representava a classe trabalhadora, mas apenas e tão somente críticas a Vargas, Jango e Brizola, e elogios a Lacerda, comunista no início da sua vida profissional, defensor e divulgador da Coluna Prestes, golpista por excelência, que sempre teve como meta derrubar Getúlio – Lacerda conseguiu que Vargas tirasse a sua própria vida -, depois tramando contra JK assumir o poder como vencedor das eleições de 55 e ter como seu vice, Jango, representante poderoso de Getúlio, que causava calafrios em Lacerda, até a sua participação efetiva no golpe militar de 64 e, finalmente, a expulsão do PTB do cenário político nacional.

    Como recompensa pela sua luta determinada contra Jango, obteve a cassação do seu mandato em 1.968, após ter sido um dos fundadores da Frente Ampla em 1.966, cuja intenção seria um movimento de resistência ao Regime Militar de 64.

    Ah, antes que eu esqueça:
    Após a eleição de Juscelino, Carlos Luz, presidente interino à época, aliado aos militares e a Carlos Lacerda, tramaram uma nova intervenção.
    A bordo do Cruzador Tamandaré, fizeram a resistência, no entanto, o navio fora alvejado a tiros pela artilharia do exército a mando do General Teixeira Lott, que tinha pretensões de se candidatar à presidência.
    Foi o último tiro de guerra disparado na Baía da Guanabara no Rio de Janeiro.
    Durante anos, o episódio ficou conhecido como o golpe de Lott, um dos únicos golpes LEGALISTA de nossa história.

    Agora, leem para onde Lacerda se refugiou vencido após a sua tentativa de golpe:
    Lacerda partiu para um exílio breve em Cuba, que ainda estava sob o regime do caudilho Fulgêncio Batista, antes de Fidel chegar ao poder através da Revolução Cubana.

    Voltou em seguida para reassumir sua cadeira de deputado e continuar a oposição a Juscelino Kubitschek, atacando, entre outras coisas, a construção de Brasília.

    Em outras palavras:
    Lacerda viveu à procura de possíveis golpes para ter o poder central em suas mãos.
    Traiu o país, o povo, a frágil democracia brasileira à época, deixou de lado amigos para se aproximar de inimigos para obter êxito em suas escaramuças políticas.

    Certamente o lema de Lacerda deveria ser:
    Se tem governo sou contra e, se não tem, também!

  10. Para entender Lacerda tem de perceber sua inteligência, sua capacidade cognitiva de ver a realidade brasileira, sua percepção apurada do brasileiro que a maioria inculta jamais vai conseguir.

    Por isso Lacerda estava sempre em conflito na política com os demagogos que se aproveitavam da ingenuidade do povo para se elegerem.

  11. Bendl, perfeitíssimo seu comentário, historicamente totalmente veraz. Acrescento somente a falsa Carta Brandi divulgada por Lacerda denunciando uma falsa conspiração entre Perón e Jango visando implantar uma imaginária República Sindicalista no Brasil, a desleal CPI da última hora alegando que Samuel Wainer não era brasileiro e que não poderia ser proprietário de jornal, entre tantas outras coisas. Parabéns pela exatidão do seu comentário.

  12. Lacerda, através da Tribuna da Imprensa, liderava uma campanha de arrecadação de recursos para o Nordeste.
    O Governo de Getúlio também ( Dona Darcy, esposa de Getúlio, comandava esta campanha)
    Perguntaram se Lacerda aceitaria juntar as campanhas.
    ‘ Se Dona Darcy concordar, eu concordo”
    Marcaram encontro no Catete, num dia que Getúlio estava ausente.
    Lacerda e Dona Darcy tiveram uma conversa amistosa. No final da reunião, Dona Darcy falou;
    ” Sr Lacerda, o senhor é um homem muito inteligente. Por que não coloca esta inteligência a favor do Brasil?”

    ” Dona Darcy, a senhora deveria fazer exatamente esta pergunta para o seu marido”

Deixe uma resposta para Luiz Felipe Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *