Cartas embaralhadas

Resultado de imagem para SUCESSÃO DE 2018 CHARGES

Charge do Thomate (arquivo Google)

Carlos Chagas

 

Aécio Neves, Geraldo Alckmin e José Serra não penduraram as chuteiras, mas estão fora de campo. É possível que se componham, mas não mais em torno da candidatura de um deles, como se planejava. Não há tertius entre os três, mas por que não um quartus? No caso, João Dória Júnior, que já não nega com tanta ênfase a possibilidade. O PSDB tem consciência de permanecer uma força partidária expressiva, em especial porque o PMDB continua, e mais continuará, sem candidato. Quanto ao PT, se perder o Lula para o juiz Sérgio Moro, dará adeus ao sonho de voltar ao palácio do Planalto.

A operação Lava Jato embaralhou as cartas e faz emergir uma série de pretendentes sem partido, ou quase isso, tipo Ciro Gomes, Marina Silva, Jair Bolsonaro, Álvaro Dias, Joaquim Barbosa, Ronaldo Caiado e outros.

NÃO DÁ MAIS – Dentro do quadro partidário, porém, os tucanos estão no jogo. Só que com Aécio, Alckmin e Serra não dá mais. Por isso eles poderiam apoiar o atual prefeito de São Paulo.

Meirelles seria ideal para o PMDB, se sua política econômica desse certo, mas como parece cada dia mais difícil, o ministro da Fazenda fica no banco. Só entrará no gramado caso consiga conquistar o meio campo. Traduzindo: aguarda um milagre.      Em suma, assim podem ser imaginadas as preliminares da sucessão de 2018, ainda que as cartas se encontrem embaralhadas. Acresce que o curinga não apareceu. Poderá surpreender.

3 thoughts on “Cartas embaralhadas

  1. Carlos Newton, se para você que é uma pessoa bem informada e sempre atento à política, o futuro político do Brasil é bastante nebuloso e imprevisível, imagine para os brasileiros em geral. Gostaria de sua opinião sobre a decisão do STF que impediu o senador Renan Calheiros de ocupar a presidência da república, mesmo sendo presidente do senado, por seu réu um processo. Como isso se aplica a Lula que é réu em 5 processos?

  2. Meirelles é o grande feitor de Temer, que já transformou o Brasil em grande senzala, com 220 milhões de escravos, a sustentar as quadrilhas hediondas, com sede em Brasília, a friboi deve mais de 2 bilhões ao 1º “S” INSS, que como Prsidente não pagou, e agora como ministro ou sinistro, não cobra e de grandes devedores, porque???? mas com sua caneta mt[etralhadora, sangra o trabalhador, como morcego, que é. Não recolher, o descontado do trabalhador é crime de apropriação indebita, e como ministro, não Cobrar é Prevaricação.
    Resumo: Oceano de lama, para ninguém por defeito.
    Podridão nos 3 poderes, pobre Brasil, acorda, tua Soberania e Liberdade, nesse caminhar, já era!
    Que Deus nos ajude, mas façamos nossa parte, como dizia Rui Barbosa: ” Quem não luta pelos seus Direitos, Não é Digno deles”.
    Dia 28, Greve Geral, na rua, de forma pacifica, ou ficar em casa, nem para comprar pão,. de aviso a canalhada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *