Chapa militarizada de Bolsonaro não é representante das Forças Armadas

Resultado de imagem para bolsonaro e mourao

Bolsonaro e Mourão fazem reviver velhos estigmas

Eliane Cantânhede
Estadão

Se alguém acha que a atual campanha para a Presidência da República é uma boa propaganda para a imagem dos militares, está redondamente enganado. Depois do capitão Jair Bolsonaro, o general Hamilton Mourão e agora o inacreditável Cabo Daciolo, que foi do PSOL e concorre a presidente pelo Patriota, bom para quem? Na fala dele, sobra Deus e falta a letra “S”.

As Forças Armadas são a instituição mais admirada pela população em todas as pesquisas e os oficiais fazem sofisticados cursos na carreira, passam por escolas superiores de excelência, estudam geopolítica e estratégia. Demoraram anos para se livrar das marcas da ditadura, apesar de ainda não confortáveis com a abertura dos arquivos, e concluir esse ciclo da história.

VELHOS ESTIGMAS – Lamentável que a campanha resgate velhos estigmas e preconceitos, como o de que militares são toscos, turrões, alheios ao mundo fora da caserna – uns “brucutus”. Eles não são nada disso, mas o que dizer de Bolsonaro? Militar, largou a carreira como capitão por indisciplina e para ser vereador. Deputado desde 1991, no sétimo mandato, nunca se destacou no plenário, nas comissões, nem por projetos: dois em 27 anos. Candidato, demonstra evidente despreparo para governar um País complexo e mergulhado em crise como o Brasil.

Tem-se, pois, que o líder nas pesquisas, quando o nome do ex-presidente Lula não entra, é um militar que não é militar há quase 30 anos e um deputado que critica os colegas, mas é do “baixo clero”, usa imóvel funcional indevidamente e é acusado de desviar funcionários pagos pela Câmara para cuidar de sua casa no Rio. Ele, o filho mais velho, o segundo e o terceiro são políticos e até a ex-mulher tentou ser. Se a política é tão abjeta, o que a família inteira faz dentro dela? Um mistério.

VICE MOURÃO – Bolsonaro procurou seu vice entre astronauta, príncipe, pastor, general, socialite, advogada polêmica… O risco seria um príncipe presidindo nossa República ou o Brasil indo para o espaço com o astronauta. Prevaleceu o general Mourão, que já defendeu intervenção militar e já estreou como vice decretando a “indolência” dos índios e a “malandragem” dos negros. E o Exército é justamente reduto e símbolo dessa rica miscigenação brasileira.

Para piorar, os eleitores acabam de descobrir o Cabo Daciolo, que nem chegou a sargento, mas já se imagina presidente. Bombeiro, foi expulso da corporação depois de tentar invadir um quartel. Do PSOL, foi expulso por querer incluir Deus na Constituição. Uma piada, mas uma piada de mau gosto.

NADA A VER – Antes mesmo de Daciolo aboletar-se no debate de presidenciáveis na Rede Bandeirantes, o ministro da Defesa, general Joaquim Silva e Luna, já tinha dado o primeiro alerta de que as Forças Armadas não têm nada a ver com essas maluquices. Disse que vê “com naturalidade” Mourão na vice de Bolsonaro, mas frisando que não se trata de “uma chapa de militares”. Leia-se: “Não temos nada a ver com isso”.

Quem conhece de dentro as Forças Armadas e os generais Luna e Silva, Eduardo Villas Bôas, comandante do Exército, e Sérgio Etchegoyen, do Gabinete de Segurança Institucional, aplaudiu a fala: “Eles têm de se distanciar rapidamente dessa aventura do Bolsonaro, porque, depois que cola, não descola mais”.

SEGUIDORES – Bolsonaro atraiu legiões de seguidores nas redes sociais com a condenação à corrupção e um discurso conservador e caro à expressiva parcela da população, senão à maioria, na área de costumes: família tradicional, papel das mulheres, drogas, aborto.

Ok, é um direito de quem prega e de quem segue. Só não se pode transformar essa embalagem de comportamento social numa candidatura militar e menos ainda numa promessa de governo militar. Além da ameaça para o Brasil, é um enorme risco para as próprias Forças Armadas.

44 thoughts on “Chapa militarizada de Bolsonaro não é representante das Forças Armadas

  1. No JB

    Moro desmontou agricultura familiar

    Prisões decretadas pelo juiz Sérgio Moro afetaram programa que distribuía orgânicos a necessitados

    Em 2012, 120 famílias associadas entregaram cerca de 120 toneladas de alimentos. Após a prisão de três de seus presidentes, em 2013, e mesmo com eles inocentados, o grupo foi reduzido a cinco famílias associadas.

    No Paraná, o PAA foi destruído.

    Acusados foram todos inocentados.

    Seis anos após Moro autorizar a prisão de agricultores sem eles jamais terem sido chamados a se explicar, as oito ações penais abertas pelo MPF não resultaram em nenhuma condenação. Na visão do Judiciário, não houve crime. 

    https://goo.gl/6sSDva

    A destruição dos setores econômicos do Brasil e das pessoas pela lava jato não tem limites

  2. Não discordo de nada do que a PENA diz, mas vou votar nele.
    Até o momento não enxergo nenhum a altura do cargo, todos os que estão tentado tem seus poréns o pior dos poréns é que todos estão metidos no meio de toda essa merda em que nos encontramos
    O ÚNICO QUE NÃO TÁ LAMEADO DE MERDA É BOLSONARO , que a todo custo as Penas alugadas atacam de forma patética e mentirosa.
    PARA ESSA TURMA BOM MESMO É A DILMA E LULA.

    • Bolsonaro é a própria merda. Ciro o mais preparado dos presidenciáveis. O resto é conversa de direitistas ridículos que acreditam na URSAL e esquerdistas igualmente ridículos que ficaram no século retrasado. Ciro é o único com ideias e projetos. Sei que bolsominios gostam de videos curtinhos e trivialidades, mas vejam a sabatina de Ciro Gomes por cientistas https://www.youtube.com/watch?v=Nz8i2n1esXg.

      • Franco, vou ser franco com vc,
        o Bolsonaro é sim despreparado, mas não anda de mãos dada com lula, só isso, ciro é muito preparado sim mas vive debaixo do pé do lula.
        Não tem como querer mudar uma coisa se fazemos sempre do mesmo modo.

        • O sujeito é deputado a 28 anos. Desprezivel e desprezado. Não sei como isto não é fazer do mesmo jeito (por sinal do jeito mais mediocre possível). Só para lembrar que no auge do governo Lula, Bolsonaro votou com Lula e depois com Dilma. Nada contra. O papel de um deputado é votar no que ele acha que é o melhor para o pais seja quem for o proponente (embora muitos não façam isso). Agora, por motivos eleitoreiros, está se valendo de uma raivinha de uns bobinhos que ficaram no século passado com um discurso direita versus esquerda para se colocar como anti-Lula. E uns bobos caem nessa. Só para lembrar, durnate 28 anos não fez questão de aprender nada. Entrou burro, continuou burro e sairá burro. É o famoso burro de propósito. Mas o voto é seu e único. Tens o direito de siperdiçá-lo, e respeito isso.

          Abs.

          • O que nós pobres eleitores ainda não aprendemos, não colocamos este ou aquele no poder, somos levados a coloca-lo, como todos aqui já sabem, o governo tem 3 poderes, a iniciativa privada tem inúmeros, vejamos os exemplos da imprensa, dos jornalistas, penas alugada, que vemos a toda hora, o ultimo foi o da band o PANUZIO e é a iniciativa que mandou nos ultimos anos, e como não posso mudar isso, posso pelo ao menos mandar um recado BOLSONARO,
            Ademais não é desmerecendo a opção dos demais que ira agregar qualidade nos outros, como já disse e repito todos são incompetentes para o cargo, por um motivo ou por outro, mas todos vão em direção contraria a meu gosto.

  3. Essa jornalista global, globalista e elitista, devia descarregar logo sua frustração e xingar o Jair Bolsonaro. Essa conversinha de militares, nhem-nhem-nhem mal disfarça o ódio que sente pelo candidato do povo.

  4. Bolsonaro nunca disse que representa as forças armadas. Ele não é tão burro assim.

    O que se nota nos discursosde Bolsonaro, toscos ou não, é que ele verdadeiramente representa o povo.

    Povo que está cansado de ser desrespeitado pela esquerda que tomou conta deste país e o destruiu, com apoio do maior fabricante de fake-news do mundo que é a nossa mídia e que Bolsonaro vem combatendo sozinho desde que começou na vida pública há mais de 20 anos.

  5. A dança a beira do abismo faz o PT, PSB e PCdoB para atrapalhar Ciro.

    Com essa dança a direita (Alckmin ou será Bolsonaro?) e a direita da direita (Bolsonaro ou será Alckmin?) – indiferente de quem vencer a entrega do nosso patrimônio para os não nacionais irá acontecer.
    Como será o seu voto no segundo turno se ficar a direita com a direita da direita? Isso que pode acontecer com a culpa do prisioneiro em Curitiba – isso não vê quem não quer!

  6. Pois então as forças armadas que trate de explicar esse distanciamento, porque Bolsonaro e CIA não fazem outra coisa senão se passar por herdeiros da ditadura da qual não se cansam de defender e fazer apologia, ludibriando assim as viúvas da dita-cuja, discursando inclusive que os seus ministros serão todos militares, restando claro que trata-se de um impostor temporal, oportunista, tentando aplicar mais 171 eleitoral, que precisa ser desmascarado. A única ligação que ele tem com o povo é a do Bolsa Família, a diferença é que o Bolsa Família dele implica em ter todos os seus filhos, ex-mulher e atual mulher com a bocas nas botijas gordas do erário (deputados, vereador, etc. e tal ), ao passo que o Bolsa Família do coitado do povo encontra-se reduzido a uma bagatela de R$ 32,00, por filho, mais ou menos. Pedala, forças armadas ante que o Bolsonaro te coloque outra vez no local do crime, para que todos paguem por todos os seus pecados históricos, ainda não punidos, que não são poucos, hein, perto dos quais as cagadas do Lula, FHC, Temer, Sarney…, são apenas pinto. O povo consciente, mentalmente são, está cansado de ser vítima do excesso de estelionatos praticados pelo golpismo ditatorial, do partidarismo eleitoral e dos seus tentáculos, velhaco$. E agora a tendência é ir tudo pro saco, via Projeto Novo e Alternativo de Política e de Nação, ou via votos brancos, nulos e abstenções.

  7. Confesso que fiquei aguardando que o Newton postasse notícias com referência à onda de violência no Rio, com dois jovens tendo sido brutalmente assassinados porque portavam cada um o seu celular.

    Além de terem sido roubados, perderam a vida!
    Um casal de jovens em tenra idade.

    E houve aquele caso do criminoso, que obteve licença para visitar o pai, roubou um celular, atacou um veiculo com a arma, e em alta velocidade atinge uma Kombi, jogando-a longe e matando três pessoas!

    Acho que chega de panos quentes.

    A intervenção federal no Rio é um fiasco, uma total desmoralização para o ladrão do Temer e desprestígio das FFAA.

    A esquerda, que faz passeatas e shows de tristeza com o assassinato da vereadora do PSOL, Marielle, ainda não resolvido, sequer a mulherada que protesta por resposta da polícia sobre a parlamentar não compareceu ao enterro desses dois adolescentes, e dos inocentes tombados por culpa de um indivíduo SEM RECUPERAÇÃO que, solto, horas depois comete esse crime abominável.

    Desta forma, afirmo aos meus amigos que se debulham em favor de Ciro e demais candidatos, se quisermos ainda um país onde volte a lei, o temor dos bandidos da polícia, e criminoso tem que ser tratado como tal, meu voto é de Bolsonaro!

    Ou entorta de vez ou endireita.

    Assim não dá mais e em qualquer canto deste Brasil, que classifica a Síria e a sua guerra como um SPA, local de turistas que querem descansar!!!

    Se o Estado é negligente e irresponsável em nos dar proteção, que permita, pelo menos, que possamos ter uma arma para nos defender.

    Agora, ficar à espera do tiro para cair morto e de graça, JAMAIS!

    O Brasil está pior do que o México ao tempo de El Chapo, muito pior.

    Mais um pouco, e teremos traficantes derrubando aviões, imitando Pablo Escobar, na Colômbia, o maior narcoterrorista da história!

    E não estamos em guerra?!

    O bandido deve ser tratado com … “humanidade”!?

    Veneno de cobra se cura com veneno de cobra, logo, as FFAA ou cumprem com a sua tarefa legal de entrar nessa guerra para vencer ou saia do Rio e vá para dentro dos quartéis.

    Porém basta de assistirmos e vendo e ouvindo esta barbárie, que tomou conta desta nação!

  8. Bolsonaro BRUCUTU
    Alvaro BRACCIOLA
    Alckmin CHUCHU
    Meirelles DEMÔNIO
    Ciro CORONÉ
    Marina GANDHIA
    Boulos GABIRULA
    Cabo Daciolo DaBRIBA

    Todos com uma melancia pendurada no pescoço.
    Quem é o melhor?

    Eis o cenário do show das eleições 2018.

  9. Engraçado como é o jornalismo. Eles condenam ao mesmo tempo o presidencialismo de coalizão e agora condena a política de Bolsonaro de colocar militares em setores estratégicos. Ainda bem que está surgindo comunicadores independentes e que se posicionam politicamente. Afinal, ficar acompanhando jornalista que só sabem apontar falhar sistematicamente é de deixar o país as avessas mesmo. Viva o Youtube.

  10. Em 2014 aconteceu algo semelhante à situação atual. Com a morte de Eduardo Campos, de repente a Marina se via alçada á condição de cabeça de chapa e por um tempo até passou a liderar as pesquisas.
    Apesar da experiencia da candidatura de 2010 se mostrou despreparada para a nova situação. Foi massacrada pela Dilma e o discurso nojento do marqueteiro que depois chegou a ser preso na Lava Jato, de que a vitória da Marina ia significar a falta de comida no prato dos “trabaiadô” . Levando-se em consideração a ignorancia da maior parcela da população esse discurso colou e a candidatura da Marina se derreteu a tal ponto que ficou em 3º nem foi para o 2º turno, aonde teria pelo menos mais tempo para se defender das calúnias da adversária.
    Quero dizer com isso, que a semelhança com a atual situação é que o candidato Alckmin tem uma vantagem enorme no tempo de TV e levando-se em conta que a situação atual não é tão diferente assim de 2014, as midias sociais na minha opinião ainda não serão tão decisivas quanto o tempo de TV e de rádios.
    Acho que o se marqueteiro de Alckmin tiver o minimo de competencia saberá explorar os corações e “mentes” dos mais de 50% de indecisos e de eleitores dispostos a anular seus votos. Digo mais, se o Alckmin não souber aproveitar essa oportunidade é melhor desistir de vez da politica. O Bolsonaro não terá sequer uns 5% do tempo do Alckmin. E o mesmo vale para o Ciro, ainda que com um pouco mais de tempo. Quanto a Marina se não conseguiu nada em 2014, agora é que não vai conseguir nada mesmo. E quanto ao Haddad ainda que chegue a um 2º turno tem que considerar a realidade que atualmente o “partido ANTI-PT” é muito maior do que o próprio PT. Mesmo a inviável candidatura do Lulla enfrentaria essa realidade.
    Portanto se o Alckmin não for capaz de chegar ao 2º turno, com todo o apoio do “establishment’ e do tempo de TV será o caso de passar a régua ,fechar a conta e desistir da politica. Mas vai aqui “desinteressadamente” uma dica ao candidato Alckmin:
    – Explore sua condição de governador eleito e reeleito, nas 2 vezes com mais de 50% dos votos dos paulistas. A situação de SP não é nenhuma BRASTEMP, mas comparado com outros estados grandes como RJ, MG e RS sua administração dá de goleada, haja visto que os salários e aposentadorias dos servidores públicos de SP ficaram rigorosamente em dia apesar de todo o desastre da maior recessão de nossa história. Pode ter certeza que isso não é pouca coisa, só será preciso passar bem essa idéia e essa realidade para os telespectadores.

    • Infelizmente chuchu é xuxu, ademais corre o risco do rodoanel lhe passar o rodo, tem muito tempo de campanha ainda, o Bolsonaro vai continuar liderando, como adade e danavila não conseguem nem convencer os ptistas, quem dirá o eleitor, sendo assim lula fara um trato com alkimim e dará apoio disfarçado na reta final, ciro que é bobo mais já calejado vai perceber e pular no barco do Bolsonaro,
      inviabilizando um segundo turno, e Bolsonaro vence no primeiro.
      Resumindo é mais ou menos isso, e conforme um amigo eleitor de ciro, esse é o quadro que se apresenta para o futuro próximo.

  11. Perguntar não ofende : O General Mourão já processou o Coronel Rubens Pierrotti Júnior que o acusou de ter levado uns pixulecos da Tecnobit , mesmo ela tendo tido 8 pareceres contrários do Corpo Técnico do Exército ????

  12. A questão é…
    Depois do militares vieram:
    – JOSÉ SARNEI – fez os planos Cruzado, Bresser e Verão – todos sem êxito;
    – COLLOR – confiscou a poupança – fez lambança e foi deposto;
    – ITAMAR – quebrou o galho;
    – FHC – melhorou um pouquinho – o presidente do “apagão”;
    – LULA – início da generalização da corrupção – presidente do “mensalão”;
    – DILMA – corrupção desenfreada – Lava-Jato, economia afundando;
    – TEMER – pouco fez para o Brasil sair do fundo do poço e mar de lama continuou.

    Ou seja, todos fizeram lambança e foram incompetentes, pouco combateram a corrupção.

    Vão querer essas porcarias ainda?

    Para acabar com esses lixos, somente AMOEDO, ALVARO DIAS ou BOLSONARO. Como os 2 primeiros tem poucas chances, vamos de BOLSONARO.
    Pior que os da lista acima não é.

  13. Ia me esquecendo, durante todo esse ano, todos da grande midia fizeram de tudo pra pregar Bolsonaro na mesma cruz da ditadura, depois de tanto pregar que Bolsonaro é militar e que temos de ter medo do Bosonaro, agora querem aparta-lo da pecha de militar, tão tentando desmilitarizar o Bolsonaro, agora até os militares não gostam dele?
    Bolsonaro é um ex-militar que ta tentando a presidência e ve nos militares pessoas com capacidade administrativa para postos no governo, qual o problema, ou melhor seria a dilma no misterio do pranejamento?

    • Berravam “Bolsonaro apoiava o DOPS”, ontem, dia dos pais, uma estagiária do globo gritou “Pai de Bolsonaro fichado pelo DOPS”. Izquierda a borde de un ataque de nervios.

  14. Cantanhede sobre Bolsonaro diz: “Além da ameaça para o Brasil, é um enorme risco para as próprias Forças Armadas”.
    Eu digo: risco é termos jornalistas como a Cantanhede que por ofício deveriam saber do que falam. Já vi comentários sobre fatos diversos em que essa senhora se mostrou completamente ignorante sobre o que dizia.
    Fala-se que necessitamos de presidente honesto, quando um candidato não pede dinheiro para companha, tentam mostrar que honestidade não é virtude.
    Agora, como o “al” disse acima, depois de tentarem colar Bolsonaro a militares e essa técnica não surtir efeito partem para dizer que ele não representa os militares.
    Bolsonaro representa o Brasil e seu povo.
    Bolsonaro representa a tentativa de virarmos um jogo onde estamos perdendo há vários presidentes.

  15. Portal de notícias de um estado do nordeste fez enquete para saber em quem vão votar para presidente.
    De cerca de 3.500 votos (não era possível votar mais de uma vez), 71% foram para Bolsonaro.
    Era só uma enquete, não vale como pesquisa, mas é curioso o resultado.

  16. Cresce adesão de empresários que apoiam Bolsonaro.

    O último a aderir publicamente foi Sebastião Bomfim, dono da cadeia de lojas de artigos esportivos Centauro. Ele se une a Flávio Rocha (Riachuelo), Salim Mattar (Localiza), Meyer Nigri (Tecnisa) e ao ruralista Luiz Antonio Nabhan Garcia, presidente da UDR, entre outros.

    Os empresários perderam o medo de manifestar suas preferências eleitorais.

    O lulopetismo de corte fascista não quer saber de empresários na política e já deixaram claro que nem querem saber de empresários, já que defendem a implantação da ditadura comunista e consequentemente a economia centralizada, a mesma que destruiu a URSS e destrói Cuba.

    http://polibiobraga.blogspot.com/2018/08/mais-empresarios-abrem-apoio-ao.html?m=1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *