Circulação de jornais aumenta, mas a Internet cresce ainda mais

Pedro do Coutto

A Folha de São Paulo publicou reportagem, na quinta-feira 24, sobre o crescimento, em 2012, da circulação de jornais no país, cujo avanço foi de 1,8% sobre o resultado de 2011. Significativo, pois superou o crescimento da população, na escala anual de 1,2%. Os dados são do Instituto Verificador de Circulação, que realiza permanente acompanhamento. A própria Folha de São Paulo assumiu a liderança com uma circulação diária média de 297,6 mil exemplares. A circulação total dos diários atingiu 4,5 milhões de exemplares.

Agora na circulação apontada a FSP incluiu os exemplares digitais acessados. Por isso, seu crescimento nos últimos doze meses foi de 4,5 pontos. Deduz-se assim que o crescimento dos exemplares digitais superou o aumento da circulação tradicional nas bancas. A Internet, avança firme, não só no Brasil, mas em todo o mundo. A própria Folha, na mesma página, noticia que a rede social asiática de mensagens instantâneas avança mais rápido do que o Facebook e, de 2011 a 1012, registrou um total de 100 milhões de usuários. Porém o Facebook, que começou em 2004, comandada por Mark Zuckenberg, já registra mais de um bilhão de acessos.

TEMPO REAL

É a modernização, rapidez maior das comunicações, tempo real, e principalmente o fato de cada pessoa, através de computador, tornar-se um emissor livre de mensagens. Antes, os que hoje podem se transformar em emissores eram apenas receptores. A diferença está aí nesse ponto. Tudo, atualmente, se resolve por meio digital. Mas são necessárias cautelas, principalmente, é claro, no meio financeiro e bancário. Os direitos autorais igualmente.

Embora em casos como, por exemplo, o de Michel Teló, a abertura do conteúdo de uma produção sua, simples e irônica, o levou a obter êxito, não só nacional, como internacional. A transmissão livre de produtos e produções proporciona uma abertura que antes não existia. Um sentido de uma nova fronteira de liberdade criativa. Um horizonte e, como todo horizonte, não possui limites. A cada dia surgirão sem cessar iniciativas marcadas pela criatividade e oportunidade. A unificação das redes de computadores apressou a descoberta de caminhos. E essa descoberta continua sem cessar.

Os próprios jornais, revistas, emissoras de televisão, como se vê todos os dias, divulgam matéria e, em seguida, acrescentam que mais detalhes sobre ela estão em seus sites. Divulgam portanto o que acham suficiente e fornecem o caminho para um acesso ainda maior à informação. O mercado assim se amplia.

O crescimento da circulação diária dos jornais é apenas um exemplo. A cada dia, o número de usuários da Internet avança ainda mais rapidamente. Afinal, quem não deseja possuir um computador? Com ele, além dos servições que realiza, inclusive à longa distância, transformam-se no emissor de mensagens a que me referi. O acesso da Internet é ilimitado. As telas mágicas cortam os espaços do mundo, revelando descobertas e situações às vezes inesperadas. Reduzem as distâncias, como há mais de 500 anos as caravelas cruzavam os oceanos. A Internet realiza a viagem informativa com a velocidade da luz. É fantástico.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *