Ciro a caminho do ostracismo

Duas vezes candidato a presidente, numa delas chegou a ficar em primeiro nas pesquisas, agora tenta a terceira, mas não tem nem legenda. Fez a jogada extravagante de dizer que ia mudar o domicílio para São Paulo.

Quando muitos suspeitaram que ia ser candidato a governador, expliquei: “Quer ser presidente por São Paulo, como dois motivos. 1) São Paulo é um eleitorado vasto e sedutor. 2) Quer fugir da companhia de Jereissati (sócio de anos e anos), processado pela falência do Banco do Ceará, em 2001, quando era governador.

Jereissati está senador por “um fio” pode não se reeleger. A ex-mulher, Patrícia Saboya, não tem uma possibilidade em um milhão em 2010.

Para ela, certo, e talvez para Jereissati, será o verdadeiro “Adeus às Armas”.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *