Ciro está perdendo de novo a eleição mais fácil dos últimos tempos

Resultado de imagem para ciro gomes em campanha

Ciro continua imaturo e acaba perdendo votos

Carlos Newton

Como tudo na vida, a política é feita de detalhes e pode mudar de rumo com facilidade. Em 2002, concorrendo pelo PPS tendo como vice o sindicalista Paulinho da Força, do PTB, Ciro Gomes tinha tudo para vencer a eleição. Na fila do Museu da República, durante a noite de lançamento de um excelente livro de biografias escrito pelo advogado Manoel Vidal, que acabara de se consagrar como o melhor chefe de Polícia do Rio de Janeiro, encontramos o jornalista Tom Thimóteo, da TV Globo, principal assessor de Lula da Silva, que então tentava sua quarta candidatura presidencial. 

E aí, amigo, quem ganha essa eleição?“, perguntou Tom, nosso amigo desde a infância no Edifício Zacatecas, em Laranjeiras.

Ao que parece, o Ciro Gomes ganha. É brilhante, tem um excelente discurso, opera na centro-esquerda e exibe ao lado dele no palanque aquela mulher linda e careca, que todos nós amamos. É hoje o único candidato em viés de alta, vai ser difícil vencê-lo“, respondi, referindo-me à atriz Patricia Pillar, que fazia quimioterapia contra câncer de mama.

E o Lula?“, Tom insistiu. E quem respondeu foi a jornalista Jussara Martins, que me acompanhava na fila dos autógrafos: “Lula vai seguir perdendo, Tom, porque ele transmite ódio e sentimento de vingança. Os brasileiros não gostam disso. Ele tinha de defender as mudanças que a gente espera, mas seu discurso é raivoso, uma chatice...”.  

DEU TUDO ERRADO – Nossos prognósticos estavam errados, porque logo em seguida o sucesso subia à cabeça de Ciro Gomes, que deu aquela célebre declaração de que o papel de Patrícia Pillar na campanha era dormir com ele. Em consequência, imediatamente perdeu o apoio do eleitorado feminino e ficou emparedado.

Ao mesmo tempo, surgia na TV o “Lulinha Paz e Amor”, que foi para o segundo turno contra José Serra (PSDB), enquanto Ciro Gomes amargava no quarto lugar, através do estreante Anthony Garotinho (PSB), vejam como a política é uma coisa maluca e Lula da Silva se tornou o primeiro político do mundo a vencer uma eleição presidencial na quarta tentativa, por mudar totalmente seu discurso político e roubar votos da centro-direita.

DE NOVO, CIRO – Dezesseis anos depois, Ciro Gomes voltou a concorrer e tinha uma chance absurda de ser eleito, porque desta vez Lula estava fora do páreo e mostrava ter perdido musculatura eleitoral, porque em todas as pesquisas espontâneas (“Em quem você vai votar para presidente?”),  de todos os institutos, desde o início do ano jamais passara de 20% dos votos. 

Odiado por mulheres, negros e público gay, Bolsonaro era recordista em rejeição e Ciro poderia ter vencido facilmente. Bastava adotar as óbvias teses de combate à criminalidade, aumento das penas, permissão para vendas de armas, combate à corrupção e luta contra o petismo, e assim teria deixado Bolsonaro à deriva.  

Mal assessorado, porque a vaidade não permite que seja assessorado por ninguém, Ciro Gomes fez tudo errado e jogou fora uma campanha que certamente poderia vencer.

ERROS DEMAIS – Ao invés de combater a corrupção do PT, Ciro ficou namorando o eleitorado de Lula e atacou o Ministério Público (“Vou colocar dentro de uma caixinha”). Disse também que somente ele poderia soltar Lula, depois ofendeu Marina Silva, ao afirmar que ela não tinha testosterona para vencer, e assim perdeu novamente os votos de muitas mulheres.

Em 2002, Ciro disse ao vivo que um ouvinte era “burro”. Agora, chamou um vereador negro de “capitãozinho do mato”, depois xingou um repórter de FDP em público, duas  grandes mancadas. Além disso, tentou obter apoio dos corruptos do “Centrão” e sempre ficou em cima do muro sobre Lula e o PT,  e acabou perdendo milhões de votos com essas bobeadas.

Mesmo assim, Ciro Gomes sempre foi imbatível no segundo turno que ele jamais disputará, porque no meio do caminho deixou ser ultrapassado por dois candidatos absolutamente medíocres, comprovando-se que em eleição presidencial nem sempre ganha o melhor, porque quem recebe mais votos é sempre o mais hábil. 

28 thoughts on “Ciro está perdendo de novo a eleição mais fácil dos últimos tempos

  1. O texto esta passando panos no Ciro Gomes. A verdade que o Ciro Gomes é medíocre como pessoa e politico. sempre viveu nas trevas e ficou satisfeito sendo o eterno promessa politica.

    É o craque que nunca pisou no gramado do maracanã.

    Na verdade é apelidado de Ciro Droguina isso de fato ele representa.

  2. Me desculpe mas não entendo essa defesa a Ciro , esse cara muito antes da eleição eu já dizia aqui é um coronelzinho de meia tijela, ignorante, mentiroso, hipocrita, vagabundo. Não é formado em Harvard como dizeram-se alguns aqui, não é velho professor de direito como ele se intitula, não é economista , não é estudioso. É sim um sujeito mal educado arrogante imbecil. Espero que seja homem o bastante para cumprir o que falou e deixe a política pra sempre pelo bem do Brasil.

  3. Ciro foi mais ums vez, apenas Ciro!
    Um menininho mimado, filho de tradicional família de politicos Cearenses desde o império.
    Na verdade ele cresceu sempre se achando um futuro “coronézinho” no Ceará Nordestestino sofrido.
    Jamais aprende.
    Aliás. …isso é excelente para todos nós!
    O Brasil agradece ficar livre desse troço. Pelo menos nos proximos 4 anos.
    E conforme ele mesmo vem apregoando caso Bolsonaro ganhe ele sai definitivamente da política.
    Ô Glória!
    Bolsonaro 17 então!
    Vamos la!

  4. Al; bom dia.
    E ele até poderia ter se camuflado, pois esta guerra de tiros e facadas está uma verdadeira “brigadefoicenoescuro”.
    Mas, quem tem dúvida, precisa meditar.
    Ele não se escondeu, mostrou o que é verdadeiramente; não fez discurso de politicamente correto igual ao “lulinhapazeamor” e tão pouco “cartaaosbrasileiros”.
    Não vamos dar chance ao azar; 17 no primeiro turno; o Brasil vai mudar para melhor.
    E vamos ficar de olho em 2019 para a petralhada não tentar tumultuar o ambiente. Vamos usar a força necessária; seja mental, espiritual, intelectual ou física.
    Vamos Verde e Amarelo.
    Amamos nosso país e o povo.

  5. Ciro é mais um desses que não respeita o povo. Não sabe e nem quer saber de sua real condição.
    Por essas e outras Bolsonaro chegou onde chegou, pois foi ´único em mais de 50 anos que respondeu ao que o povo quer: segurança e progresso. Essas coisas que existem nos países civilizados e que nossa esquerdinha chama de fascismo.

  6. Em meio a este imenso tiroteio de opiniões, fico cada vez nais desanimado quanto ao futuro do Brasil. País nenhum precisa de ideólogos políticos, mas sim de homens organizados e com determinaçao e pulso forte nas tomadas de decisões. Nos meus 81 anos de vida só conhecí um líder com estes predicados: Carlos Lacerda.

  7. Ciro sem perceber, continua se fartando do próprio sentimento egocêntrico de querer ser O Príncipe desta nação.

    Do jeito que as coisas estão indo, capaz do Cabo Daciolo ficar na frente dele nesta eleição.

  8. Que ótimo, assim nos livramos de mais este traste, a partir das oito horas da manhã de hoje este é mais um que foi parar na lata do lixo da História. Ainda falta mais um monte para nos livrarmos, o picolé de chuchu é outro a fazer companhia ao canga Ciro

  9. Discordo de Carlos Newton, embora respeite sua opinião.
    Bolsoraro só está ganhando até o momento porque todos os demais candidatos são muito fracos.
    Bolsonaro nunca foi preconceituoso, foi necessário muito dinheiro em propaganda para colar nele essa pecha que não se sustenta com o tempo.
    Já Ciro é preconceituoso de verdade. Para ser derrotado basta fazê-lo falar.
    Mas, será tão grave assim um candidato que detesta os brasileiros abaixo de Minas gerais?
    Neste ponto que eu concordo com Newton. Ciro sabotou a própria candidatura ao namorar o eleitorado petista e prometendo soltar o criminoso corrupto que manda no PT.
    Acho que foi melhor. Ciro, embora não goste dos sulistas e sudestinos, não seria um mal presidente por causa disso. Seria um mal presidente porque “pensa” com o fígado.

  10. Ciro deveria ter se limitado à política cearense, se candidatando, no máximo, a senador. Não tinha condições de concorrer à presidência. Ele se deixou levar pela vaidade depois que o Itamar, inexplicavelmente, o nomeou ministro da fazenda, e perdeu o rumo desde então.

  11. Mesmo não ganhando a eleição(no caso não chegar ao 2º turno) o Ciro sairá maior do que entrou.
    A questão é se saberá tirar proveito disso daqui a 4 ou 8 anos. Tem tudo para ser o lider de oposição, principalmente se o vencedor for Jair Bolsonaro.
    Mas para isso via ter que repetir o trabalho do “Mito” que passou os últimos 3/4 anos viajando o Brasil de ponta a ponta, em cada canto/rincão desse país. Coisa que Geraldo Alckmin nunca fez e que Lulla havia feito lá pelos anos 1994 e o resultado só veio uns 8 anos depois.

  12. “Bastava adotar as óbvias teses de combate à criminalidade, aumento das penas, permissão para vendas de armas, combate à corrupção e luta contra o petismo, e assim teria deixado Bolsonaro à deriva.”
    De fato, Ciro poderia ter se apropriado da plataforma de Bolsonaro, mas aí seria massacrado pela militância de esquerda na mídia e nas redes sociais que nesse caso pouco se importariam com o fato de Ciro não ser Bolsonaro, e sem que se tivesse certeza de que eleitores bolsonaristas migrariam para ele. Ao invés, Ciro optou por tentar obter votos dos lulistas, na ilusão de que o PT se abstivesse de ter candidato próprio, coisa que nunca ocorreria, porque o PT nunca foi de apoiar outros, e muito menos de admitir erros.

  13. Ciro Gomes já teve meu voto, mas assim como Brizola e Lula, perderam e não preciso conviver com esse Karma.
    O Brasil cansou dessa esquerda caviar e está vendo que só uma guinada de 180ª pode iniciar uma mudança. Ainda vamos ter décadas para se recuperar dos estragos desses esquerdopatas.

  14. Não concordo. Ciro e José Serra nunca tiveram chance de ganhar eleição para presidente e nunca terão. Ciro é um coronezinho de meia tigela, cuja família manda no Ceará desde sempre e o Ceará continua sendo o Estado mais atrasado do Brasil.
    É um destemperado, desajustado, violento. Na realidade ele age como um facista. Se vencesse a eleição, em menos de um ano já estaria fora. Ele consegue ser tão babaca quanto à Dilma, apesar de ter três neurônios, isto é, um a mais do que a Dilma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *