Com a proposta de Dória e apoio de Kassab, a terceira via enfim está ganhando força  

Sem nome e projeto, 'terceira via' tem dificuldades para se consolidar | A Gazeta

Aos poucos, os eleitores estão começando a se conscientizar

Carlos Newton

Parece um sonho, muita gente ainda não acredita, mas a terceira via está ganhando cada vez mais força. Nesse sentido, é fundamental a proposta do govenador paulista João Doria, para que todos os pré-candidatos da terceira via assumam o compromisso de renunciar em favor do pretendente que estiver com mais chances de vitória.

Era o que faltava para possibilitar a união de todas as tendências que não aceitam a polarização entre Lula da Silva e Jair Bolsonaro na eleição de 2022.

KASSAB DIZ NÃO – A terceira via se fortalece também com a decisão do presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, que já comunicou a Lula que seu partido deve lançar o senador Rodrigo Pacheco como candidatura própria à Presidência e não pretende formar aliança para caminhar com o PT rumo ao Palácio do Planalto.

Foi uma decepção para Lula, que contava com o PSD para iniciar uma coalizão com outros partidos do Centrão e agora terá de mudar seus planos, porque Kassab é conhecido por somente apostar em candidato vencedor.

Assim, como Kassab resiste ao assédio da candidatura favorita e demonstra acreditar na viabilidade da terceira via, é provável que outros partidos do Centrão acompanhem essa tendência.

GOVERNO DE UNIÃO – Essa evolução do quadro político é muito importante. A aliança entre os partidos da terceira via permitirá que se forme um governo de união nacional, tal como aconteceu em 1992 com Itamar Franco, que ameaçou renunciar caso não fosse apoiado pela maioria do Congresso.

Conforme temos enfatizado aqui na Tribuna da Internet, não interessa qual será o candidato da terceira via, porque qualquer um dos possíveis concorrentes (Ciro Gomes, Sérgio Moro, Alessandro Vieira, Rodrigo Pacheco, Henrique Mandetta, Simone Tebet e José Luiz Datena) tem melhores condições de governar do que Lula ou Bolsonaro, que parecem protagonistas de filmes tipo “O Passado me Condena”.

Imagine-se um desses candidatos da terceira via, apoiado pelos demais e com um deles na chapa de vice-presidente, todos caminhando juntos na campanha. Realmente, pode ser formada uma coligação muito competitiva e em condições de vitória.

###
P.S.
Sei que muitos ainda não acreditam nessa possibilidade de união que Itamar Franco mostrou ser viável. Mas é preferível apoiar a terceira via do que votar em Lula, Bolsonaro, branco ou nulo. Como dizia Helio Fernandes, está na hora de o cidadão-contribuinte-eleitor dar um basta nesses governantes de fancaria que se sucedem no Planalto. Ninguém deve se omitir. (C.N.)

14 thoughts on “Com a proposta de Dória e apoio de Kassab, a terceira via enfim está ganhando força  

  1. Enfim um lampejo de esperança !
    E que o Coiso e o Cachaceiro Analfabeto peguem penas máximas, já que neste País arrasado, não existe pena de Morte.
    Uma pena !!!
    Credo !

  2. BASTA. Chega dos me$mo$. Fora todo$. Que venha agora, a grande, nova e boa ideia cujo tempo chegou, a RPL-PNBC-DD-ME versus continuísmo da mesmice do sistema apodrecido dos me$mo$ (Lula, Bolsonaro, Ciro, Dória, Moro…, puxadinhos dos me$mo$ e afin$ com os seus blá-blá-blá, gogó, trololó e, no frigir dos ovos, nada de borogodó). E é nisso que eu acredito, no borogodó, digo, no megaprojeto novo e alternativo de política e de nação, a Terceira Via de Verdade, antissistema, a nova política de verdade, o novo caminho para novo Brasil de verdade, porque evoluir é preciso, a Mega-Solução transformadora do Brasil para os os próximos 500 anos, enquanto instrumento propulsor da redenção da política, do Brasil e do povo brasileiro. E sei muito bem o que isso representa e o que eu represento para o Brasil, o mundo e, sobretudo, para a humanidade, e ninguém me fará beber cicuta, como fizeram para Sócrates, muito menos beber o veneno representado por Lula, Bolsonaro, Ciro, Dória, Moro, puxadinhos dos me$mo$ e afin$. Quanto ao Caetano Veloso, o compositor e cantor de “Leãozinho”, penso que ele tem idade suficiente para escolher o que ele quiser para a sua vida e dos seus, consciente de que a vida é feita de escolhas, atitudes e consequências, em cada cabeça uma sentença e o que é de gosto regalo da vida. Pelo menos numa coisa me parece que ele tem razão: “Lula é uma figura da história…”, a exemplo de Maluf sua extrema esquerda como disse o próprio Maluf, seu aliado no governo, com a sua patota no comando da Petrobras, que fariam um grande favor ao Brasil se permanecessem lá, na história. Eu prefiro seguir em frente, nem que seja sozinho, pugnando pelo descortino de novos horizontes para o Brasil, o povo brasileiro, a América do Sul, o mundo e, sobretudo, para a humanidade, apostando as minhas últimas fichas na grande, nova e boa ideia cujo tempo chegou, a RPL-PNBC-DD-ME, em linha direta com o povo, independente de partidos e seus veículos de enganação, mercenários, venais, contra o continuísmo da mesmice do sistema apodrecido dos me$mo$, que, no Brasil, ai está há 131 anos, com o prazo de validade vencido há muito tempo, transpirando decadência terminal por todos os poros, sem mais nada de bom e alvissareiro a oferecer ao povo, certo de que chegou a hora de checarmos o que o povo brasileiro realmente quer da vida: mais dos me$mo$, ou a Revolução Pacífica do Leão, a Evolução, a grande, nova e boa ideia cujo tempo chegou, ou seja, o megaprojeto novo e alternativo de política e de nação, o novo caminho para o novo Brasil de verdade, porque evoluir é preciso, via urnas, com adesão de pelo menos um partido realmente comprometido com o povo, ou direto das ruas para os palácios, pelas mãos do povo, até porque sem o povo no poder não existe democracia de verdade. https://www.brasil247.com/cultura/caetano-veloso-declara-voto-em-lula-em-2022-e-uma-figura-na-nossa-historia-que-nao-da-para-desprezar?fbclid=IwAR2V2DdkMRjKI7qmLt0yiXpo8mxIxiNSQdfLexbNLnfjEf5OB-arIaG57mM

  3. O apelido de Bolsonaro no quartel não era “Cavalão”?

    Assim, talvez fosse mais adequado e contagiante em vez da frase “Nem Lula, nem Bolsonaro” a frase “Nem Lula. nem Mula”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *