“Com os EUA, o céu é o limite”, afirma o futuro chanceler Ernesto Araújo

Resultado de imagem para ernesto araújo

Futuro chanceler criticou a estrutura do Itamaraty

José Carlos Werneck

A estrutura do Itamaraty precisa mudar para facilitar as relações bilaterais que pautarão a política externa do governo de Jair Bolsonaro. A afirmação foi feita pelo futuro chanceler, Ernesto Araújo, em reunião do Conselho Empresarial Brasil – Estados Unidos. Ele enfatizou que “o céu é o limite” no futuro da relação entre os dois países e que seria “fundamental” obter apoio dos norte-americanos para o ingresso do Brasil na Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).

O governo norte-americano estava representado por Landon Loomis, assessor especial do gabinete do vice-presidente.

LIBERTAÇÃO – O futuro chanceler reafirmou que vai ‘libertar o Itamaraty, e a reunião foi realizada em clima de grande otimismo e muito entusiasmo dos empresários dos dois países, que esperam ver removidas barreiras aos negócios. A avaliação geral é que o comércio bilateral, da ordem de US$ 50 bilhões ao ano, não está à altura do potencial da parceria e pode ser fortemente expandido.

O futuro ministro Ernesto Araújo afirmou que o momento apresenta uma oportunidade em uma geração de levar o relacionamento a patamares impensáveis. Lamentou que a relação do Brasil com os Estados Unidos tinha um “teto”, por isso só foi possível até hoje concretizar 10% do desejado.

EMPECILHOS – Araújo acredita que a máquina negociadora brasileira é atrasada e o Itamaraty divide os temas em áreas temáticas desconectadas uma das outras, o que dificulta o desenvolvimento das relações bilaterais, nas quais, para ele, está o dinamismo do mundo atual.

O novo chanceler prometeu mudanças e foi taxativo ao afirmar que, nas relações bilaterais, o foco estará no setor privado.

21 thoughts on ““Com os EUA, o céu é o limite”, afirma o futuro chanceler Ernesto Araújo

    • A Câmara liberou a farra com gastos de pessoal para os municípios…

      O povinho bundão vai mandar cabo e soldado pra fechar a câmara????

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk xD

  1. É um beócio idiota e sociopata.Não se tem um só parceiro em negocios.Não somos socios.Os EUA não mantém compromissos com ninguém.O Brasil tem de ter como no comércio freguesia.Nossa mercadoria é de necessidade primária.Todos necessitam.Fazer acordos com todos sem vies ideológico fou a promessa de Jair Bolsonaro..És tá tese do chancelar e de que o céu é o limite está correta.Mas fez acordo com diabo.vamos direto para o inferno e o caus das trevas econômicas .Um incompetente impertigado e burro.Como será que fou aprovado como diplomata! Só ele está com o passo certo,os outros tidos estão errados.

    • Quem será o mais demente nessa história, tão surreal, ele, quem o nomeou, ou o país que, à vista do “dinamismo do mundo atual”, admite criaturas tão retrógradas, tão sem noção, em posições tão estratégicas e relevantes, com discursos tão primários, tão idiotas e tão nocivos ao próprio país e seu povo ? Nunca foi tão atual a definição que que se cobrir é circo, se cercar é hospício e se murar alto é penitenciária. Com essa gente no comando fica tudo mais fácil para os espertíssimos norte-americanos dar o famoso drible da vaca no Brasil, e ficar com a China inteira para ele$. Sinceramente falando, firmei a convicção de que esse tipo de gente delirante, lunática, ante o “dinamismo do mundo atual”, não pode assumir o poder central do Brasil, sob pena de desta vez dar PTV (Perda Total de Verdade ). E quem avisa amigo é. A grande ideia cujo tempo chegou ante o “dinamismo do mundo atual” é reinventar o Brasil para que este assuma o seu lugar no protagonismo mundial, e não se consolidar como o grande vira-lata dos EUA na América do Sul, o grande nada.

      • Temos, isto sim, que fechar Brasília para balanço enquanto operadores da federação falida, e mandar todos para casa, e fazermos de Brasília apenas a sede do possível novo governo confederativo com apenas um representante de cada região, dizendo ao resto o seguinte: voltem para as suas respectivas regiões, e quem lhes pariu que os embale, como propõe a RPL-PNBC-DD-ME, o novo caminho para o novo Brasil de verdade, porque libertação e evolução hj são imposições da realidade .

    • Caso para a psiquiatria. Estão ainda no tempo da guerra fria.
      Nem no Vietnan que esteve em guerra com os EUA se encontra estes tipos de débeis -mentais.
      Depois de tudo que o partido deles fez no governo, mentindo, roubando e até matando, eles ainda se acham com razão.
      Pode? ,

  2. ExTe kAra é um HidioTa cumpleto. Isplicão praele.

    ” Um país nao tem amigos, tem interesses” Foster Dulles. Secretário de Estado dos EEUU

    • Verdade.
      Aliás, o céu é o limite para qualquer um que tenha competência.

      Quanto, nas relações Brasil-EUA, não tenho conhecimento de nenhum fato em que fomos prejudicados . Muito pelo contrário.
      Se alguém puder citar apenas um, eu ficaria agradecido.
      Não vale narrativas da contra-revolução de 64, impedindo o país de virar um satélite da URSS , seguindo Cuba.

      • Acorda, Mário Jr…. No governo Reagan, para beneficiar os fabricantes locais, foi instituída sobretaxa à importação de etanol brasileiro. A sobretaxa vigora até hoje.

        CN

        • Sobre-taxas, subsídios, etc, tudo isso e mais algumas , são práticas de todos os países do mundo. É o tal protecionismo

          O Geisel, que nunca foi na onda americana e até foi o primeiro a reconhecer o governo ditatorial de Angola, isolou o país do resto do mundo, criou 400 estatais confiando no mercado interno. Quebrou o país e a ferrovia do Aço ficou pela metade e abandonada até há umas décadas. O acordo de 8 usinas nucleares foi pro brejo,etc,etc,etc

          Deu certo ?

          Que tal respeitarmos o novo governo, como democratas, para depois dele concluído , ou mesmo no meio de sua prática, tecermos críticas quanto aos caminhos que optou ?

          Chega de preconceitos.

          Viva a democracia, viva a alternância de poder, viva novas políticas, novos caminhos….

  3. Os Chanceleres e Politicos brasileiro deve entender que:

    “Entre nações não existe amizade e sim interesses”.
    John Foster Dulles, Secretário de Estado Americano
    (1888-1959)

  4. Este cara realmente é insano .UM COLONIZADO A SERVIÇO DOS USA . Mais um Braziliano . Complexo de Vira – Lata .
    Bosonaro bateu continência para um civil americano, o que este irá fazer ?

  5. “Com os EUA o céu é o limite ” é apenas uma expressão para demonstrar que é com esse país que as coisas funcionam positivamente e reciprocamente.

    Essa narrativa contra os EUA, que não existe nem no Vietnan que teve uma guerra com eles, só tem aqui no Brasil com esses analfabetos e fanáticos do esquerdismo.

  6. AMIGO , SOU EU O ANALFABETO ? TIRE SEU ARREAMENTO , INCLUSIVE SEU ANTOLHOS ;

    QUEM ÉS TU POBRE VIVENTE ?
    QUEM FOSTES TU POBRE VIVENTE ?
    CERTAMENTE , PELO QUE SE PERCEBE , NÃO ÉS E NUNCA FOSTES NADA, ALEM DE UM LIMPA BOTAS OU LIMPA B…..

    SOU ESQUERDA SIM , POREM , BEM SUCEDIDO E REALIZADO EM TODOS SENTIDOS : AMO E SOU AMADO , DESEJO E SOU DESEJADO. FELIZ E FORTE , VIVO EM PAZ E TENHO MUITA BOA SORTE . VIVO EM ARMÔNIA COMIGO MESMO E COM TODOS QUE ME CERCAM , COM ISSO , TENHO TUDO QUERO E PRECISO .

    obs : SEM BOQUINHA !!!

  7. Não sei se os nossos diplomatas estão à altura de tamanho desafio, tirar as suas bundas das cadeiras, ou poltronas, não sei ao certo, e sair vendendo o que o Brasil pelo mundo à fora. a gritaria deve estar enorme no Itamaraty, “eu vendendo soja, banana ou café, Deus me livre, não passei no concurso para virar mascate”, muita gente deve estar pensando assim.

  8. Vai vender o Brasil ao custo de uma bandeira yannkee hasteada na base de Alcântara . O governo de Bolsonaro tem como objetivo central de sua política ( que nada mais é do cumprimento dos princípios do consenso de Washington ) atender a todas exigências históricas dos USA feitas ao Brasil não somente em termos de política econômica interna ( abertura comercial , liberdade para investimentos especulativos e produtivos e capitais , desregulamentação , fim das empresas estatais em especial da Petrobrás etc.) como em termos de políticas externas . A política externa cabe a cooperação deste programa nefasto deste governo . Nesta política geral a utilização da base de Alcântara configura o caso mais flagrante de cessão de soberania da história do Brasil .

    Pior , tem Vira – lata que apóia , alias , vários .

  9. Bolsonaro tem que por as conversas em dia ,com o índio da Bolívia,que , junto com o Chaves, armou a rapina de duas refinarias colocando o bandido lula de quatro que as cedeu, além de aumentar demais o preço do gas para nós brasileiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *