Comparações e preconceitos

Tostão (O Tempo)

Rogério Ceni é um grande goleiro e um excepcional profissional. É também autossuficiente, o que, às vezes, fica próximo da soberba. Por ser Ney Franco um treinador simples e tranquilo, o goleiro, mesmo se não tivesse sido sua intenção, tentou passar por cima do treinador. Rogério Ceni e os outros jogadores devem ter aprendido que Ney Franco é educado, pacato, mas é muito mais contundente e firme do que outros treinadores falastrões e exibicionistas que eles conheceram.

###
OS GOLS DE MESSI

Ouço, com frequência, de técnicos, jogadores e comentaristas, que Messi faz tantos gols porque os times espanhóis, fora o Real Madrid, são muito fracos e ainda marcam muito menos que os outros da Europa. Isso tornou-se um lugar-comum.

Messi joga muito e faz muitos gols em todos os campeonatos e contra as melhores equipes do mundo. Os times médios e pequenos da Espanha estão também, no mínimo, no mesmo nível dos médios e pequenos dos outros países. O Barcelona e o Real Madrid é que são muito bons. As equipes médias da Espanha quase sempre vão bem na Liga Europa. O Atlético de Madri é o atual campeão.

Quase todos os times, grandes ou pequenos, da Espanha e de toda a Europa, que enfrentam o Barcelona, jogam na retranca. Isso dificulta para Messi fazer gols.

###
MESSI E ZICO

Continuo com as comparações. Apesar de diferentes, Messi e Zico, outro grande craque da história, se parecem, pela concisão e objetividade. A principal diferença entre eles é que o argentino dribla e conduz a bola, colada aos pés, com mais velocidade. Como já disse o técnico do Arsenal, Arsène Wenger, Messi parece um jogador de Playstation.

Recentemente, Zico e Maradona jogaram juntos uma pelada no Rio de Janeiro. Um leitor, apaixonado pelo Flamengo, após ver o show de malabarismo de Maradona, me disse que, pela primeira vez, concordou e entendeu porque a maioria acha Maradona melhor que Zico.

###
CRUYFF, GERSON E XAVI

Cruyff, Gerson e Xavi não são os melhores, mas são os com mais talento coletivo que vi atuar. Jogam e, ao mesmo tempo, veem a partida como se fossem espectadores. Gerson é um brilhante comentarista. Xavi será o futuro técnico do Barcelona. Cruyff, além de ter sido ótimo técnico, é o ex-jogador que melhor fala de futebol em todo o mundo, embora muitos comentaristas brasileiros gostem de ironizá-lo quando o holandês é contundente e sai da mesmice.

Assim como há ex-jogadores que têm preconceito contra comentaristas que não foram atletas profissionais, como se somente quem jogou fosse capaz de analisar bem os detalhes técnicos e táticos, existem jornalistas preconceituosos com ex-jogadores-comentaristas, como se somente quem cursou a faculdade fosse capaz e tivesse o direito de falar e escrever sobre o futebol.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *