Conservadores e liberais precisam clamar: “Liberdade, liberdade, abre as asas sobre nós”.

TRIBUNA DA INTERNET | Toffoli, Gilmar e Lewandowski, com ajuda de ...

Charge do Mariano (Charge Online)

Percival Puggina

Para dar título a este artigo peço emprestado o nome e o belo estribilho do samba-enredo da Imperatriz Leopoldinense no carnaval de 1989. A música e a frase poética, buscada no Hino da Proclamação da República, compuseram-se com uma beleza irretocável e estão em perfeita sintonia com meu sentimento em relação ao que vejo acontecer em nosso país. É preciso dar asas e vida ao que se ganhou nas urnas de 2018.

Não voltarei a apontar a responsabilidade que atribuo à quase toda a grande imprensa do país em relação à atual instabilidade política. Nossa mídia tradicional fez-se militante de uma causa – a desestabilização do governo – assumindo-a como seu dever perante a nação, permitindo que fluam acriticamente, como se fossem frutos naturais da democracia e do estado de Direito, as mais desviantes condutas do Congresso Nacional e do STF.

SEM REPROVAÇÃO – Enquanto o Congresso chantageava o presidente, o Supremo cruzava uma linha amarela e fazia leis, cruzava outra, e pilotava o governo. As notícias a respeito eram redigidas sem expressar o mais tênue sinal de contrariedade ou reprovação. Os fatos correspondentes eram levados a débito do Poder Executivo e da pessoa do presidente.

No último dia 27, contudo, algo de imensa gravidade aconteceu. No berçário de um mal nascido inquérito sobre fake news e desfeitas ao STF, 29 cidadãos brasileiros foram objeto de uma ação de busca e apreensão da Polícia Federal, a mando do ministro Alexandre de Moraes, que vem atuando como xerife do Supremo.

Mais uma vez, os noticiários optaram por tratar do impacto no território do governo, deixando de lado a agressão à liberdade de opinião e expressão, até recentemente um suposto valor de quem preze as práticas inerentes à democracia.

ESTAMOS FRITOS – O silêncio da “grande imprensa” sobre essas ocorrências deixou claro que se dependermos dela para defesa de nossas liberdades, estamos fritos. A única liberdade de opinião pela qual se empenha é a própria. E, pelo jeito, detesta reparti-la com quem quer que seja. Como se sabe, isso é próprio dos totalitarismos, onde a liberdade tem um caráter oficialista, concedida por alvará a “ciudadanos confiables” como é dito em Cuba.

Um crime imperdoável foi cometido nos três ou quatro anos anteriores ao pleito de 2018. O crescimento explosivo das redes sociais abriu um espaço para opinião que se constituiu na mais espetacular demonstração de vida inteligente fora do lado esquerdo do leque ideológico.

Conservadores pensam, descobriu-se. Liberais pensam, descobriu-se. Saídos dos subterrâneos do anonimato acadêmico, resgatadas suas obras das caixas de rejeitos das bibliotecas, dominaram o território.

EXPLOSÃO EDITORIAL – Ocorreu, então, uma explosão editorial semelhante à que conheci nos anos 60, quando a revista Civilização Brasileira e livros de autores da Escola de Frankfurt andavam embaixo do braço e mantinham grande intimidade com o sovaco de alguns colegas meus.

Na segunda década do século XXI, contar-se-á um dia, opinar sobre os fatos deixou de ser privilégio de poucos para se tornar direito de muitos. Firmou-se, assim, uma animosidade entre os livres-pensadores das redes sociais e os que, na mídia formal, exerciam com exclusividade o direito de formar a opinião alheia sobre tudo.

Por isso, nossa liberdade está sendo jogada em dois tabuleiros. O oficial, onde a longa manus do Estado, agindo através do STF e do Congresso, se junta à “grande imprensa”, e as redes sociais, onde se dá o predomínio mobilizador de conservadores e liberais em sua afanosa busca pelas asas da liberdade.

12 thoughts on “Conservadores e liberais precisam clamar: “Liberdade, liberdade, abre as asas sobre nós”.

  1. Lula para a CNN americana:
    .
    “[Bolsonaro] cometeu muitos crimes de irresponsabilidade e merece ser punido por isso”

    O impeachment é uma questão de tempo. “[Em algum momento] terá que escolher um projeto para votar.

    https://cnn.it/2BmOefn

    E Lula segue apontando os caminhos.

    Os antilulistas morrem de inveja.

  2. ESTAMOS FRITOS

    Sim Puggina, e pra ser sincero acredito que seu texto só foi postado pra dar uma limpada na barra suja da TITITI, como um simples exemplo é o copelli prendendo e arrebentando a taxista lora

  3. Enquanto ficamos nos digladiando por asneiras, a respeito da política nacional deletéria, corrupta, incompetente, sobre Lula, Bolsonaro, STF, congresso, direita, esquerda, capitalismo, comunismo … a pandemia do COVID-19 avança avassaladoramente pelo Brasil!

    Hoje, batemos o recorde de 1.272 mortes, e ultrapassamos 31 mil vítimas fatais!

    Por acaso, essa tragédia é mesmo uma gripezinha?

    A pandemia não deve ser tão superestimada como estamos fazendo?

    Os grupos amestrados que passeiam domingo, defendendo Bolsonaro ou protestando contra o presidente são mais importantes que os contaminados e mortos diariamente?

    O Centrão é mais importante para o Brasil e povo que esta doença?

    O que está acontecendo conosco, na condição de povo, mas tão absurdamente separado da população, do cidadão?!

    Adotamos em definitivo a afirmação presidencial que, morrermos todos vamos, então a preocupação com o alastramento do vírus – mais de meio milhão de brasileiros -, seria algo corriqueiro?

    Encaminhamo-nos para atingir uma quantidade de mortos em níveis norte-americanos, mais de cem mil, e a gravidade desse assunto não vale o nosso tempo para discuti-la?

    Finalmente aceitamos que o ser humano é descartável?

    O mais grave:
    O brasileiro não se dá valor algum?

    Que pena!

    A minha decepção é total com as nossas autoridades;
    O meu desapontamento com o povo é imensurável;
    A minha frustração com a falta de importância com essas mil mortes diárias que contabilizamos, jamais senti na minha vida de setenta anos.

    Minha solidariedade aos familiares dessas pessoas que morreram, o meu protesto pelo descaso das autoridades, principalmente com o presidente da República, que prefere andar a cavalo em meio às multidões, menos apoiar e solidarizar-se com as equipes de saúde que estão à frente da pandemia, e que registram quase duas centenas de óbitos de médicos, enfermeiras e atendentes!

    O governo de Bolsonaro se encaminha para ser classificado como o pior da história republicana brasileira pelo desprezo à vida dos cidadãos, e pela qual foi eleito para proteger, enaltecer e impulsioná-los para o desenvolvimento, e não para sepultamentos coletivos!

    • Caro chicao

      Não devemos esquecer a grande preocupação do presidente com o covid.

      Hoje finalmente fez uma declaração sensata (para seus seguidores )

      Quando perguntado o que tinha a dizer para as famílias dos maus 30 mil mortos, fez um a declaração que demonstra sua preocupação e envolvimento:

      ” lamento, mas é o destino de todo mundo ”

      Bestial, agora sim sabemos que temos um presidente preocupado com seus cidadãos.

      Aquela semelhança com um genocida e claramente um dedpdespropósito .

      Afinal só vão morrer de covid fracos, velhos dispensáveis e comunistas.

      Deus Acima de tudo……..

      • Prezado Duarte,

        Ouvi e vi mais essa declaração infeliz do presidente.

        Expressão que desdenha tanto os mortos pela pandemia, quanto ainda aqueles que estão vivos, porém contaminados.

        Lamentável um primeiro-mandatário desse tipo tão desprezível, alheio às necessidades do povo, avesso ao sofrimento do cidadão.
        Inacreditável que reúna ao seu lado multidões que o apoiam, enquanto deveriam protestar pela desconsideração de Bolsonaro pelo povo pobre, miserável, desempregados, e contaminados pelo COVID-19.

        Fazer o quê?
        Bolsonaro foi eleito democraticamente. Foi o escolhido pelo povo. A lamentar o nosso destino, nosso carma, a capacidade enorme que temos de decidir pelos governantes errados.

        Abração.
        Saúde e paz.
        Te cuida, meu!

        • É, meu caro Bendl, coloquei essa lamentável (mais uma) declaração de nosso presidente no FB. Talvez nem adiante muito, mas acho que fiz minha parte. Lamentável, porém era algo que deveríamos saber pelos seus antecedentes. Abraço e vida longa.

        • “””Enquanto ficamos nos digladiando por asneiras, “””

          E você é pior de todos; além das asneiras, tem também as mentiras. Acusa os outros de fazer o que você sempre faz, e fez nesses 2 comentários inteiros.
          Já desmenti você varias vezes, o Bolsonaro disse que PARA ELE vai ser só uma gripezinha (por isso ele anda sem mascara, e não faz quarentena); fora todos os outros venenos que você solta diuturnamente.

          PS: Esse site MORREU; e você vai colocar o seu nome na lapide.

  4. Eu fico mais emocionado com as manifestações nós EUA, na Franca, no Chile, em. Hong Kong… do que as realizadas no Brasil.

    Aqui com adesões quase sempre tímidas mas sempre marginalizadas (e até tentam criminalizá-las) com fortes pressões da elite racista e conservadora que detém o poder sobre os governos que manda nas polícias treinadas para exercer a violência e a repressão.

  5. O Pontual na GloboNews falou que o Prefeito de Nova York é da esquerda Democrata, mas que adotou medida contraditória, impondo toque de recolher na cidade a partir das 20h, ao contrário de 23h até então, por conta da pressão dos sindicatos dos Policiais, que são extremamente conservadores e locais de comício em favor de Trump.
    – algo bem semelhante com o que encontramos aqui no Brasil, especialmente a Polícia Militar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *