Contas no exterior, quem atenderá o BC? E os 200 ou 300 BILHÕES DE DÓLARES que vários governos tentaram REPATRIAR? Não conseguem, falta confiança total.

Pela resolução 3854, o Banco Central fez a confirmação. 1 – Brasileiros ou estrangeiros que moram no Brasil, mas têm contas no exterior, devem declarar os valores à Receita Federal.

2 – A obrigação é para quem tem a partir de 100 mil dólares. (Não fala nada sobre quem possui 99 mil, por aí). 3 – Vejamos quem vai cumprir e quais as punições, para quem “se esquecer”.

4 – Por exemplo, Lutfalla Maluf, que tem mais de 400 milhões de dólares nas Ilhas Caymã. Ele nega, e “faz a doação”. 5 – Conforme foi publicado na época, (sem que acontecesse coisa alguma) esse dinheiro foi depositado por empreiteiras.

6– Depositantes: OAS (“Obrigado Amigo Sogro”), Mendes Júnior, Camargo Correa e outras, que construíram o que se chamou de MARGINAL. 7 – Os filhos de Maluf confirmam, incluindo um que foi preso com ele.

***

PS – Isso acontece todo ano. E existe um fato mais grave, que vários governos pretenderam resolver (?) sem conseguir. São os depósitos ILEGÍTIMOS no exterior, maiores do que esses 100 mil dólares, e que atingem profundamente o país.

PS2 – Tão importantes, chegam a 200 OU 300 BILHÕES DE DÓLARES. Já ofereceram vantagens para quem REPATRIAR ESSE DINHEIRO. (Como se fossem jogadores de futebol ou de vôlei).

PS3 – Esse dinheiro, na ALTURA em que é citado aqui, tem diversas origens, mas não a da remessa do Brasil para o exterior. Os dólares FICAM LÁ FORAM MESMO, consequência do SUB e SUPER faturamento.

PS4 – Os exportadores têm 210 dias para recolherem o que RECEBEM do comprador. Muitas vezes (ou quase sempre) garantem que “não receberam”, conseguem prorrogação.

PS5 – Tanto na exportação quanto na importação, o governo garante: “Não podemos controlar as negociações e os preços”. Ha!Ha!Ha!

PS6 – Assim mesmo, com todas as VANTAGENS oferecidas, os DONOS DO DINHEIRO, por que não trazem para cá? Elementar, não existe a menor confiança entre os que têm esse dinheiro, e os governos que pretendem acobertá-los.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *