Conversa com leitores-comentaristas, sobre a angústia da formação do ministério

Adolfo:”Alguém poderia adiantar nomes do ministério da presidente eleita? Ou teremos que esperar até 1º de janeiro de 2011? O país aguentará tanto tempo?”

Comentário de Helio Fernandes:
Sempre é assim, a angústia da transição, da mudança, dos que pretendem

continuar e dos que esperam continuar. Só que agora há um fato sem precedentes. Lula presidente, escolheu a candidata, elegeu-a, vai entregar a faixa a ela. Só a faixa? É o que todos perguntam, mas não é só você, Adolfo.

Não existe a menor dúvida: sem Lula, Dona Dilma não seria candidata e muito menos presidente. Admitindo, apenas por hipótese, que Lula se retire mesmo, e resolva não influir em nada, resta a opção dela.

È lógico que tem que começar (já começou) a fazer consultas a partidos e a pessoas. Também não pode ir REVELANDO os cargos já preenchidos, deixando pouco para o final. Tem que manter em sigilo os nomes já decididos.

Só que SIGILO é palavra sem trânsito entre jornalistas e políticos. Os que precisam publicar e as fontes, são movidos pelo mesmo espírito, e a mesma pergunta: como posso guardar uma notícia dessas?

Há muitos anos escrevi a frase: “Notícia não se arranja em casa, notícia não se guarda em casa”. Só que foi antes da internet e do celular

***

Andrea Queiroz: “O sr. não concorda que esses cargos e ministérios deveriam ser ocupados por pessoas concursadas, com notório saber comprovado. E não esse leilão oba oba que envergonha e revolta todo brasileiro que é ordeiro, correto que com sacrifício paga seus impostos e  que estes evaporam sem se ver a aplicação dos mesmos em obras, projetos que realmente servirão ao país? Como brasileira sinto-me abusada por estupradores no sentido bem forte da palavra”.

Comentário de Helio Fernandes:
Rigorosamente verdadeiro. E você usou as palavras certas, não importa que sejam ou não sejam fortes. È preciso saber, Andrea, e mais do que tudo, caráter, convicção, dignidade. E um passado longe da C-O-R-R-U-P-Ç-Ã-O, para ser ministro.

***

Marcos Coimbra Valério: “Quando você afirma que todas as suas informações são reais, me parece que estou lendo um texto cujo autor é: DEUS”.

Comentário de Helio Fernandes:
Não entendi nada, Valerio, não faz mal. Você não tem a menor idéia dos textos que não publico por falta de confirmação. Mas pode acreditar, o DEUS de tudo que sai aqui, tem uma fonte e uma conclusão: TRABALHO.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *