Coordenador do cartel confirma envolvimento de Lobão

Empreiteiro declara que Lobão faz jus ao nome

Deu em O Tempo

O presidente da UTC, Ricardo Pessoa, citou o nome do senador e ex-ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, aos investigadores da Operação Lava Jato. Lobão, que já havia sido mencionado por outras pessoas que acertaram a delação premiada. O senador é alvo de inquérito do Supremo Tribunal Federal por, supostamente, ter solicitado dinheiro para a campanha de Roseana Sarney a governadora do Maranhão.

A ida de Pessoa a Brasília, para ser ouvido na sede da Procuradoria Geral da República, foi autorizada pelo juiz Sérgio Moto, que está responsável pela Lava Jato na 1ª instância judicial, em Curitiba (PR). Ricardo Pessoa deve firmar acordo de delação premiada.

Lobão e Roseana Sarney deverão prestar esclarecimentos, na próxima semana, em Brasília, aos investigadores por uma possível participação em esquemas de corrupção envolvendo a Petrobras.

COM MEDO DO PT

Em depoimento anterior, no sábado, Pessoa narrou à força tarefa da Lava Jato em Curitiba, ter doado R$ 7,5 milhões para a campanha eleitoral de Dilma Rousseff à reeleição à Presidência, em 2014, porque temia retaliações do PT nos contratos que sua empresa, a UTC, mantinha com a Petrobras.

De acordo com o empreiteiro, a doação foi acertada com Edinho Silva, na época tesoureiro da campanha de Dilma e hoje ministro da Secretaria de Comunicação Social. Tanto ele quanto o PT afirmaram, em resposta à revelação, que todas as doações ao partido seguiram a lei eleitoral.

Pessoa também narrou ter pago propina para obter um contrato na obra da usina nuclear de Angra 3, no Rio de Janeiro.

13 thoughts on “Coordenador do cartel confirma envolvimento de Lobão

  1. Não vejo nenhuma novidade do envolvido desse picareta.

    Não esqueçamos que ele é filhote político do picareta mor, chamado jOSE SARNEY

    VADE RETRO…

  2. Se a Polícia Federal investigar o BOICOTE feito pelo Lobão, enquanto Ministro das Minas e Energia, ao Novo Marco Regulatório da Mineração e às mineradoras nacionais, que lesionou – e continua a lesionar – o país em BILHÕES DE DÓLRES, ela encontrará muito mais dinheiro!

  3. Volta e meia penso na minha morte.
    Aos 65 anos, devo me acostumar à idéia desta possibilidade cada vez mais perto de se tornar realidade.
    Mas, e como será o meu passamento?
    Coração, acredito na aposta mais convincente; AVC, não tanto; acidente de automóvel, muito fraca esta chance.
    Ao tentar fazer uma resenha da minha vida com seus altos e baixos, perdas de todos os meus ascendentes, portanto, saudades imensuráveis de mãe, pai, avós, tios e alguns primos, o coração passou por combates acirrados, sendo testado em ocasiões as mais difíceis, razão pela qual imagino que será o responsável que me levará desta para melhor. Tomara!
    Por outro lado, na última década, percebo um novo sintoma que me perturba diariamente a minha vida cotidiana, e que se agrava a cada dia que passa. Aumenta a gravidade deste mal que me deixa desconfortável não haver remédio, precisando que eu mesmo descubra ou a sua cura ou uma forma de amenizar a intensidade desta doença, obrigando-me a tentar diariamente encontrar ou a solução ou um paliativo.
    Não adiantam os meus esforços, lamentavelmente.
    Percebo estar piorando.
    No entanto, descobri, pelo menos, a causa desta enfermidade:
    As notícias do dia!
    Não aguento mais tanta patifaria com o meu País;
    Não suporto mais ler o envolvimento de gente do governo e de parlamentares envolvidos em corrupção e desonestidade permanentes;
    Não tolero mais tanta impunidade com relação a ex-presidentes ou qualquer outro ex-governante ou político porque mesmo diante de provas de seus comportamentos deletérios, seguem soltos e livres dos crimes que praticaram, permitiram e incentivaram que se realizassem!
    Então, adoeço cada vez mais, pois sozinho não posso combater esta chaga que se instalou no poder público, que vem ocasionando a morte deste País continental em, em consequência, de seu povo.
    As mortes em estradas esburacadas e sem fiscalização;
    O estado de abandono dos hospitais brasileiros, com imagens do Ceará mostrando o drama dos pacientes;
    A violência indiscriminada, que nos coloca em perigo tanto dentro quanto fora de nossas casas;
    A péssima Educação oferecida pelo governo aos Ensinos Fundamental e Médio;
    O roubo indiscriminado cometido contra o erário público pelas autoridades encarregadas de protegê-lo, e não bastando esta orgia com o dinheiro do povo, os assaltos às estatais;
    A imperiosa comprovação de candidatos a ministros no STF como declaradamente petistas;
    A impunidade dos parlamentares envolvidos em crimes;
    A constante alegação de falta de verbas à solução de impasses que há tempos clamam por atenção, mas, em contrapartida, os gastos irresponsáveis e criminosos praticados pelos poderes Legislativo e Executivo;
    A nossa mais alta corte de Justiça identificada intimamente com o poder central, e se transformando em apêndice da presidência da República;
    Enfim, a cada vez que leio um jornal ou assisto as notícias pela TV, a revolta e indignação que sinto agravam o meu estado de saúde!
    Curiosamente, constato que não morrerei dessa doença também conhecida superficialmente como decepção, mas sofrerei um enfarte fulminante no dia que NÃO LER notícias a respeito dos desmandos e descalabros de nossos governantes, haja vista a surpresa ser tão grande e a emoção irresistível, que o meu coração se renderá a este momento sublime e deixará de funcionar!
    Não é sem motivo que as estórias envolvendo seres humanos que se transformam em lobisomens, o Lobo Mau, O Lobo e os Três Porquinhos e, agora, com um Lobão brasileiro acusado de envolvimento nas falcatruas da Petrobrás, jamais terminam bem.
    Mesmo com a quase extinção do nosso lobo Guará, descendentes transgênicos deste belo animal seguem alimentando lendas e fatos verdadeiros.

    • Caro Bendl, compartilhamos de um mesmo sentimento, desta mesma doença. Sinto diariamente esta mesma angústia, de não ver um futuro claro e promissor para nosso país, mas principalmente para mim e minha família. Tenho pouco mais da metade da tua idade, e posso me considerar economicamente acima da média da população, mas fico pensando se é necessário sofrer tanto, viver em insegurança, ter a vida regulada, cerceada, impedida e manipulada por um governo, se mantenho a esperança de um país realmente melhor (e não esse que se contenta com índices do tipo “investimos mais que o governo anterior”), se devo ir em busca de um país, sociedade, que realmente dê valor e prioridade aos que dela participam ou se quando chegar na tua idade vou olhar para o lado e ver que nada mudou, nada se concretizou, as esperanças foram vãs e que a situação até piorou. Ainda estou nessa dúvida e por isso que, dentro das minhas limitações, busco discutir e influir no que for possível para construir uma comunidade melhor para se conviver, uma empresa melhor para trabalhar, um Estado menor e mais eficiente para governar em prol de sua população, construir um país melhor para se viver. Assim como acredito que tens feito com teus sempre ponderados, concisos e inteligentes comentários. Por fim, se acreditas que morrerás, de infarto e no dia que não ler sobre os descalabros de governo brasileiro creio que já podemos te considerar imortal. Muitos e muitos anos de saúde, lucidez e perspicácia para ti amigo Bendl.

      • Meu caro Efrom,
        Nós, comentaristas deste blog, independente da idade de cada um, identificamo-nos pela luta que enfrentamos diariamente para viver, e proporcionar aos nossos amados familiares educação, segurança e saúde.
        Se estas são as tarefas básicas e primordiais de um chefe de família ou mesmo que dividida esta responsabilidade com a esposa, pois existem índices altos de mulheres que trabalharam fora, deveriam ser também a obrigação dos governantes com relação ao povo.
        Não é, lamentavelmente.
        Somos considerados vassalos, meios de arrecadação, gente que sustenta a corte, seus caprichos, devaneios, orgias, corrupção, desonestidade e crimes!
        A decepção que sentimos aciona com intensidade a revolta e a indignação, e nos faz pensar em soluções radicais, tipo Estado islâmico.
        Considerando que a minha morte não se dará tão cedo porque apesar de a minha doença apresentar sintomas piores a cada dia, somente irei expirar e de colapso fulminante quando folhar e e refolhar jornais em busca de notícias sobre desmandos e descalabros de nossos governantes e não mais encontrá-los, a tradução desta relativa imortalidade, Efrom, quer dizer que continuarei a sofrer muito com este mal que se alojou no Brasil e que se torna cada vez mais difícil extraí-lo.
        Também tem o aspecto da resistência, assim como antibióticos em doses insuficientes geram bactérias que o remédio não faz efeito, que acredito ser o que acontece conosco:
        Um pessoal “cascudo”, forte, decidido, que consegue suplantar tantas invasões em suas vidas por estranhos, exploradores e desonestos, que cria escudos de defesa, e segue adiante com seus objetivos.
        Obrigado pelo comentário, meu caro Efrom.
        Um abraço forte e caloroso.

    • Excelente comentário, amigo Bendl.

      As notícias deste Brasil cada vez pior afetam e muito a nossa saúde, e saúde de todo aquele que tem vergonha na cara!

      Aliás este Brasil completamente errado mata! E mata muito! Todos os dias, e das mais variadas formas! Pois quanto maior a roubalheira, desenfreada e disseminada, menos vida digna o país consegue devolver aos seus cidadãos!

      Dias atrás uma família voltava para a sua casa, localizada em Petrópolis-RJ, depois de um almoço familiar ao pé da serra. O motorista pegou uma saída errada da rodovia Rio-Teresópolis e ingressou numa ruazinha de uma comunidade. O rapaz ao volante, um alpinista industrial, acabou então levando mais de 20 tiros, de armas automáticas (chamadas de fuzis), disparados por bandidos, os “donos” de tal comunidade! Morreu na hora, junto de sua esposa e primos! Somente porque entrou por engano num local aonde o Estado não se faz presente!

      Vejam a reportagem: http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2015/05/alpinista-morre-ao-errar-caminho-e-entrar-em-favela-da-baixada-rj.html

      Este é o Brasil que recebemos dos nossos governos! Pagamos impostos de primeiro mundo, mas temos retorno de país africano!

      Em 2016 teremos os jogos olímpicos no Rio de Janeiro. Uma das cidades mais belas do mundo. Porém é também uma das mais degradadas ambientalmente do mundo! Com sua Baía de Guanabara altamente poluída, onde bilhões já foram gastos num programa de despoluição que nenhum resultado já apresentou!

      Não bastasse isso, é uma cidade com comunidades pobres dominadas por bandidos portando armas automáticas de guerra! Será que os atletas olímpicos do mundo inteiro sabem do perigo que enfrentarão por aqui?

      É possível escrever linhas e linhas, parágrafos e parágrafos, livros e livros sobre as mazelas brasileiras. E não se consegue esgotar o assunto!

      Termino por aqui, mas logo abaixo escrevo mais alguma coisa interessante. Vejam.

      • Conforme prometi acima, vou complementar o meu comentário citando um samba chamado “Concurso para enfarte”, de Osvaldo dos Santos. Afinal a sua letra pode muito bem ser relacionada a este nosso país chamado “Brasil”.

        Ouçam aqui o samba, cantando com a letra logo abaixo: https://www.youtube.com/watch?t=249&v=yc-EALC2f8M

        Concurso para enfarte
        (Osvaldo dos Santos)

        Saber sofrer
        para mim é uma arte
        Mas aguentar você
        É concurso para enfarte

        {bis}

        Eu não, eu não, eu não
        Quero morrer no meu dia
        Não quero antecipação

        {bis}

        A vida é muito bonita
        Quando vivida sem perturbação
        Sofrer para mim é arte
        Morrer de enfarte, isto não

      • Mais um erro meu (outro sintoma desta doença que sou portador).
        Concluo:

        O que foi feito do Desarmamento?!
        Este governo que, irresponsável e CRIMINOSAMENTE, rouba o erário, as estatais, cobra impostos abusivos, infamantes, doa o nosso dinheiro para países que se identificam ideologicamente com o PT, permite e incentiva a corrupção e a desonestidade, como ainda tem a ousadia de afirmar que não tem dinheiro para atender as necessidades do povo?!
        Parlamentares ladrões, pertencentes ao PT, PP e PMDB, roubaram da Petrobrás mais de SEIS BILHÕES DE REAIS!
        Considerando os demais desvios de verbas em todos as áreas possíveis e imagináveis, a fábula de dinheiro que é roubada do povo e do País é incalculável.
        Não faltam verbas para Legislativo e Executivo, que seguem nas suas farras perdulárias com as arrecadações obtidas do trabalho de cidadãos brasileiros, pois como alegar que não há condições para atender um dos segmentos fundamentais e sob a total obrigação do governo, que seria a segurança?!
        Vivemos sob a maior crise de todos os tempos, jamais registradas na História de nossa República, que é a imoralidade, a falta de ética, o desaforo, o desprezo, a total ausência de escrúpulos de nossas autoridades constituídas!
        Ora, se não existe ordem, a desordem é a consequência lógica.
        Agora, Isac, simplesmente o fato de podermos escrever sem qualquer preocupação de se cometer injustiça, calúnia e difamação, quando afirmamos que estamos sob a égide de ladrões e criminosos travestidos de políticos e parlamentares, cujos grupelhos que os reúnem são os partidos que pertencem, tempos plena razão diante dos acontecimentos diários, cujas vítimas são invariavelmente gente do povo, pessoas de populações desassistidas, abandonadas à própria sorte ou condenadas à miséria pelo Bolsa Família.
        O Brasil desaparece aos poucos, e esta perda jamais será recuperada porque em vidas humanas, analfabetismo, exploração, corrupção e desonestidade.
        Grato pelo comentário excelente, meu amigo Isac.
        Um grande abraço.

  4. Amigo Chicão, as vezes também sou tentado a desistir, mas em nome da verdadeira democracia, da ética, da cidadania e do legado que lutamos para os que virão depois de nós, não vamos esmorecer. É jogo duro, eu sei, mas ainda confio na apuração séria e competente do juiz Sérgio Moro.

  5. Caríssimo Idacil,
    Que bom te ver neste blog incomparável.
    Nós não desistimos mais, meu amigo. Somos exemplos de perseverança, destemor, coragem, de gente que não se associou a esta política deletéria para conseguir favores e subir na vida.
    O que temos, se pouco ou não, foi obtido com o suor de nosso trabalho, de nossos esforços, de manter a família unida, onde todos remam a favor de se chegar ao destino, e compartilham nesta viagem suas alegrias, temores, tristezas, esperanças mas, sobretudo, dividem carinho, afeto e amor!
    Tenho sido um divulgador incansável do amor, do casamento, da família, de uma relação entre pai e mãe respeitosa e duradoura.
    Tem dado certo, juro.
    Nossos três filhos dotados de curso superior, que nos visitam semanalmente, que nos amam, que têm consideração e preocupação com seus pais, os netos que nos deram, verdadeiras bênçãos de Deus, são as provas incontestáveis do resultado fantástico e extraordinário quando a intenção que nos impulsiona à frente é positiva, decente, honesta.
    Desta forma, posso afirmar sem sombra de erro que, se nossos governantes fossem corretos, os resultados para esta grande Nação e seu povo seriam igualmente notáveis.
    Ora, diante de condutas corruptas e desonestas, as consequências são estas, que tanto nos prejudicam e decepcionam.
    Um forte abraço, meu caro amigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *