Crime de lesa-pátria de Lula e Celso Amorim no caso das terras indígenas é ainda mais grave dos que se pensava

Carlos Newton

Quando pedimos aqui no Blog da Tribuna da Internet que o jurista Celso Serra esclarecesse os problemas causados ao Brasil pela Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), não tínhamos noção de que o crime de lesa-pátria praticado por Celso Amorim, como ministro do Exterior, e por Lula, como presidente da República, era muito mais grave do que se pensava.

Jamais poderíamos esperar que o então chanceler tivesse a ousadia de fraudar a tradução de um tratado internacional da OIT, mas foi exatamente isso que aconteceu, conforme Celso Serra explica nesse artigo exclusivo, em que o jurista desce a impressionantes detalhes, com uma denúncia estarrecedora e à prova de desmentidos.

###
AMORIM ALTEROU TEXTO DA CONVENÇÃO DA OIT

Celso Serra

Ab initio, peço desculpas pelo tamanho do texto. Porém, devido à gravidade da situação, não pode ser diferente.

CONVENÇÃO DA OIT nº 169

1. Do texto original da Convenção (obtido na própria OIT)

Artículo 7 –
1. 1. Los pueblos interesados deberán tener el derecho de decidir sus propias prioridades en lo que atañe al proceso de desarrollo, en la medida en que éste afecte a sus vidas, creencias, instituciones y bienestar espiritual y a las tierras que ocupan o utilizan de alguna manera, y de controlar, EN LA MEDIDA DE LO POSSIBLE , su propio desarrollo económico, social y cultural. Además, dichos pueblos deberán participar en la formulación, aplicación y evaluación de los planes y programas de desarrollo nacional y regional susceptibles de afectarles directamente.

Do texto assinado por Lula e Celso Amorim (Decreto nº 5.051, de 19 de abril de 2004):

1. Os povos interessados terão o direito de definir suas próprias prioridades no processo de desenvolvimento na medida em que afete sua vida, crenças, instituições, bem-estar espiritual e as terras que ocupam ou usam para outros fins, e de controlar, NA MAIOR MEDIDA POSSÍVEL, seu próprio desenvolvimento econômico, social e cultural. Além disso, eles participarão da formulação, implementação e avaliação de planos e programas de desenvolvimento nacional e regional que possam afetá-los diretamente.

O texto original da OIT é RESTRITIVO: “EN LA MEDIDA DE LO POSSIBLE”.

O texto ASSINADO por Lula e Celso Amorim é EXPANSIVO: “NA MAIOR MEDIDA POSSÍVEL”.

Em matéria legislativa, todo cuidado é pouco, pois jamais se presume “inocência” em alterações nos textos. Impossível que na passagem do idioma espanhol para o português seja inocente tamanha discrepância.

Quem alterou o texto para o presidente Lula (que tem fobia pela leitura e “governou” o Brasil tudo assinando e pouco lendo o que assinava) e o colocou em sua frente para ASSINAR ?

E o Celso Amorim – que não sofre de fobia pela leitura – por qual razão não alertou o presidente e TAMBÉM ASSINOU  o mencionado Decreto com o texto alterado ?

É claro que a FUNAI, que já vinha aumentando desmedidamente as áreas destinadas aos índios, em nítida atuação contra os interesses do Brasil, se sentiu com mais força para assim continuar procedendo.

Por qual razão os Estados Unidos, o Canadá, a Nova Zelândia, a Austrália e mais 160 países membros NÃO RATIFICARAM a Convenção da OIT nº 169, isto é, não admitiram subordinar suas soberanias à OIT ?

E dentre esses países que NÃO RATIFICARAM não estão apenas os de maior representatividade econômica (EUA, China, Alemanha, Japão, Reino Unido, França, Itália, Canadá, Rússia) e sim pequenos e dignos países como Albânia, Armênia, Bangladesh, Benin, Burundi, Camarões, Burundi, Congo, Cuba, El Salvador, Gabão, Haiti, Gana, Jamaica, Kenya, Lituânia, Letônia, Moçambique, Suriname, Trinidad Tobago, Uganda, Zâmbia e outros mais que não admitiram a submissão de suas soberanias.

E o Brasil, como ficou ?

Teve mutilado sua plena soberania sobre seu espaço territorial. Perdeu sua absoluta autonomia para decidir sobre seu território.

Os militares teriam aprovado e depois ratificado a Convenção da OIT nº 169? O passado é prova incontestável que não.

É essa sequência de fatos ocorridos que faz com que muitos cidadãos achem que o Brasil foi traído. Anos atrás a Maçonaria alertou as autoridades sobre essa situação e nada foi feito até agora.

O Brasil está colhendo o que foi plantado por diversos e contínuos governos. Um país que não defende seu território, merece ser mutilado.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGAproveitamos a oportunidade para lembrar ao jurista Celso Serra que a intenção de agravar o texto da Convenção 169 era tamanha que o artigo 1º do decreto de promulgação do tratado internacional da OIT está redigido nos seguintes termos:

“A Convenção no 169 da Organização Internacional do Trabalho – OIT sobre Povos Indígenas e Tribais, adotada em Genebra, em 27 de junho de 1989, apensa por cópia ao presente Decreto, será executada e cumprida tão inteiramente como nela se contém.

Por que esse reforço com a determinação “será executada e cumprida tão inteiramente como nela se contém“???

E pensar que um traidor da pátria como Celso Amorim foi alçado ao comando do Ministério da Defesa… É desanimador e estarrecedor. (C.N)

24 thoughts on “Crime de lesa-pátria de Lula e Celso Amorim no caso das terras indígenas é ainda mais grave dos que se pensava

  1. Copaíba é uma árvore da Amazônia que produz óleo medicinal. 11 ml de óleo de copaíba custa, no mundo verde, R$ 20,00. Então, 20/ 11 litro * 1000 = R$ 1.818,20/ litro. O óleo de copaíba é igual a tinta de impressora, custa uma fortuna. Quem lucra com a tinta da impressora todos nós sabemos, mas quem lucra com a Copaíba ? O índio ? Se fosse o índio a tribo estaria satisfeita porque teria recurso para cuidar de sua aldeia e de sua gente .

  2. Sr. Newton, tenho comentado seus artigos a respeito, fico estarrecido, em ver, a traição à Pátria, desses vendilhões do”Templo-Pátria”. O Povo, sem cultura de brasilidade, dorme em “berço de espinhos”, que já “lhe calejou a pele”!!.
    Os “poderes políticos” estão podres, Lula e Amorim, deveriam estar amargando cadeia, por “TRAIÇÃO” à PÁTRIA. O povo acorda, não aceitando “pão e circo” (copa gasta bilhões”, enquanto serviços essenciais gastam tostões”, esse me engana que eu gosto, essa escravidão branca de Salário mínimo, essa falta de vergonha dos politiqueiros, e do eleitor, que continua a reelegê-los, uma URNA não confiável, que ajuda mais a “patifaria”, nos leva à descrença do futuro do BRASIL PARA OS BRASILEIROS.
    Estou com 84 anos, nunca assisti tanta safadeza, o roubo do cofre público (sáude, educação, segurança, transporte, etc.), esses ladrões esquecidos que há um alerta de 2 mil anos: “a cada um segundo suas obras” e “Pagarás até o último ceitil”, quando a única fatalidade acontecer:morrer” e nada levar”, apenas as ações e seus resultados levaremos, que está gravada em nossa Consciência- Tribunal Divino, e “ELA” nos julgar, creiamos ou não, a VIDA CONTINUA, e existe uma JUSTIÇA QUE FAZ JUSTIÇA, QUE NÃO PERGUNTA O QUE FOSTES, MAIS O QUE FIZESTES DA VIDA QUE TE DEI, ESSA É A JUSTIÇA DE DEUS.
    Imprimi seu artigo, para discutir.
    Façamos nossa parte, e oremos à DEUS, PEDINDO MISERICÓRDIA.

  3. Banditismo rasteiro, executado por políticos profissionais e por outros que se intitulam como tal, por oportunismo, e pelas bene$$e$ oferecidos pelo cargo, descompromissados com a soberania da sua própria pátria.
    E ainda dizem que nos representam.
    Repito a pergunta formulada ontem no meu comentário ao segundo texto do CN: diante da fraude intelectual praticada na versão do texto original (“traduttore e tradittore”), dolosamente praticada, vale dizer, como poder-se-ia rever esse ato dantesco, a fim de torná-lo nulo, e quem poderia tomar a inciativa para tanto? O Procurador Geral da República, mediante proposição ao Pleno do STF?
    E mais: ainda há tempo hábil para isso?
    E a responsabilidade do Lulla e do Amorim, neste caso, sobre o crime praticado, pode ser de iniciativa também do STF ou do PGR?
    Parabéns jornalista Carlos Newton. Mantenha o foco nesse assunto horripilante, pois é caso de segurança nacional, sob todos os aspectos que formos analisar.
    Gaudêncio.

  4. Aluga-se, música de Raul Seixas, do disco Abre-te sésamo, de “1980”,portanto há quase 34 anos.

    A solução pro nosso povo
    Eu vou dá
    Negócio bom assim
    Ninguém nunca viu
    Tá tudo pronto aqui
    É só vim pegar
    A solução é alugar o Brasil!…

    Nós não vamo paga nada
    Nós não vamo paga nada
    É tudo free!
    Tá na hora agora é free
    Vamo embora
    Dá lugar pros gringo entrar
    Esse imóvel tá prá alugar
    Ah! Ah! Ah! Ah! Ah! Ah!…

    Os estrangeiros
    Eu sei que eles vão gostar
    Tem o Atlântico
    Tem vista pro mar
    A Amazônia
    É o jardim do quintal
    E o dólar dele
    Paga o nosso mingau…

    Nós não vamo paga nada
    Nós não vamo paga nada
    É tudo free!
    Tá na hora agora é free
    Vamo embora
    Dá lugar pros gringo entrar
    Pois esse imóvel está prá alugar
    Alugar! Ei!
    -Grande Solução!…

    Nós não vamo paga nada
    Nós não vamo paga nada
    Agora é free!
    Tá na hora é tudo free
    Vamo embora
    Dá lugar pros outro entrar
    Pois esse imóvel tá prá alugar
    Ah! Ah! Ah! Ah!
    Nós não vamo paga nada
    Nós não vamo paga nada
    Agora é free!
    Tá na hora é tudo free
    Vamo embora
    Dá lugar pros gringos entrar
    Pois esse imóvel
    Está prá alugar…

    Está Prá Alugar Meu Deus!
    Nós não vamo paga nada!
    Nós não vamo paga nada!
    É tudo free!
    Vamo embora!

  5. CN, perdi a esperança, tanto o PT como os que almejam o poder, são farinha
    do mesmo saco. Qual desses partidos e qual desses políticos, no momento, que podem mudar essa situação? Essa é a herança deixada pela ditadura.

    • Sr. Jacob: O que tem que ver a ditadura com o tema abordado? Está desmemoriado? A ditadura acabou em 1985 e quem assinou esta criminosa ação? Os milicos? Vai se tratar. Isto é assunto para psiquiatra.

    • Herança da Ditadura ? Isto é a democracia que vcs tanto queriam, na Ditadura nada disso existia, vejam como acabaram os Generais que foram presidentes, acabaram bilionários como o vagabundo do Lula ? Assuma a sua culpa meu caro, não fale mal daqueles que cometeram seus erros, mas nunca nos roubaram.

    • Meu amigo, realmente, estás viajando na maionese, da um gero na história política, veja de fato o que aconteceu, não puxe a sardinha para os partidos comunistas em geral. Sinto muito em te dizer,
      os projetos deles, são péssimos para toda Nação, seja você o que for, serás atingido tanto quanto qualquer outro que não os apoiar, isso caso eles permaneçam, pois, não creio que isso aconteça. Em nome de Jesus, o
      Brasil terá sua trajetória política transformada.

  6. Textinho mal escrito, recheado de argumentos simplórios e fantasiosos. Os únicos brasileiros que defendem nosso território são os indígenas. Os não-indígenas, por sua vez, entregam todos nossos recursos naturais e humanos ao capital estrangeiro.

  7. O Maranhão está inserida na Amazônia legal.Roseane era menina na ditadura e o pai dela parceiro dos generais golpistas. Se a ditadura fosse honesta e patriota roseane não seria a política que é. É assim porque foi criada para ser assim. Compara ela com a Hilary Clinton. Fata-nos político empreendedor. Temos um país cheio de recursos mas não temos gente com competência para administrar o país. OS EUA tem 2 litorais, petróleo, tudo , mas o que eles tem mesmo é gente de qualidade, empreendedora. O Dr. Drausio Varella colhe na Amazônia amostra de plantas para que sejam estudadas suas propriedades curativas. O interesse é a cura do câncer . Com 150 milhões de dólares a roseane poderia financiar algum tipo de pesquisa, mas não , só pensa naquilo. A riqueza é para desfrute. Quem finacia o Dr. Drausio são estrangeiros.

  8. Sr, Clovis, não vou lhe responder com ofensas gratuitas, como você fez, não é o meu feitio, quem grita e ofende não tem razão. É herança da ditadura sim: abandonou a educação, acabou com todas as lideranças nacionalistas e não permitiu que surgissem
    novas lideranças, enquanto que corruptos tinham plena liberdade e até foram nomeados a cargos importantes, deixando para o futuro do país, políticos como Maluf, Sarney, Collor, FHC, Lula e muito mais. Procure analisar, você verá, que o ranço da ditadura está presente.

  9. O entreguismo é claro, abriu brecha para as atuações de guerra não convencional por países de interesse em nosso território, agora fica fácil, somo diferentes queremos nossa independência, assim está sendo na Chechenia foi com Taiwan criar clima de separatismo para depois vir e apoiar a insurgência.

  10. Acabei de ir às fontes para verificar a informação. No sítio da OIT no Brasil a tradução disponível em português realmente utiliza, no artigo 7º, a expressão “na maior medida possível”. Isto pode ser conferido aqui:

    http://www.oitbrasil.org.br/sites/default/files/topic/gender/pub/convencao%20169%20portugues_web_292.pdf

    Por outro lado, na versão oficial do Decreto 5051/2004, o texto traz a versão “na medida do possível” em seu artigo 7º, concordando, portanto com o articulista Celso Serra e com o próprio texto oficial em espanhol da Organização (http://www.ilo.org/dyn/normlex/en/f?p=1000:12100:0::NO::P12100_INSTRUMENT_ID,P12100_LANG_CODE:312314,es:NO)

    Para quem quiser verificar o texto oficial do Decreto, basta acessar a página http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/decreto/d5051.htm

    Em resumo: há má-fé dessa turma do movimento indigenista. Eles não jogam limpo.

  11. Meus companheiros Patriotas!
    Tratados e Acordos podem ser retificados ou denunciados a qualquer momento e em casos extremos, RASGADOS. Nossa SOBERANIA só está em jogo em razao dessa Petrelhada fazendo MERDA o tempo todo.

  12. Não adianta reclamar, choramingar, se indignar se não forem tomadas medidas concretas para anular essa fraude. Dentre os que teriam poderes para agirem, poderiam ser incluídos também os partidos de oposição? E se eles podem fazer isso, por que não o fazem? Há de haver como reverter isso. A Justiça está aí pra isso! Ou deveria.

  13. Lendo e relendo os textos escritos acima, percebo que tantos os a favor como os contras o governo que aí está, têm razões de sobra para a indignação. Indignação que também tenho pela falta de patriotismo, civilidade e honestidade por parte da grande maioria de nossos políticos. Não só deles, como dos seus respectivos partidos. Partidos estes, hoje, verdadeiras quadrilhas de bandidos lesa-pátria. Todos, sem exceção, voltados para a angariação, captação de recursos para suas campanhas – cada vez mais milionárias – sugando, desavergonhadamente nossas estatais e desviando preciosos recursos destinados à saúde, educação, segurança, bem como áreas essenciais de desenvolvimento e saneamento. E não vemos ninguém fazer nada para coibir ou punir quem é pego praticando essa roubalheira. Houve um tempo, em que eu, mesmo sendo filiado a outro partido político, admirava a premissa do Partido dos Trabalhadores(PT), porque diziam que o Partido era mantido com um percentual – creio que 10,0% – dos salários de seus políticos que logravam êxito nas campanhas, isto é, eram eleitos. Hoje, lamentavelmente, vejo denúncias e mais denúncias de desvios de integrantes do Partido. Quer dizer, se igualaram aos demais! Eu acho até, que todos os desvios de grana que se toma conhecimento, quem os faz, nem sempre é o principal favorecido. Quero crer, que o fazem para benefício da própria sigla. E quanto maior é o partido, maior é o achaque… E o que acontece com seus protagonistas? Nada! Quando muito, são momentaneamente afastados de seus cargos para depois ressurgirem mais poderosos. E com prestígio na casa. Afinal, lá atrás fizeram uma parte do serviço sujo. Quer ocupando altos cargos, secretarias ou ministérios que foram por eles ocupados, ou determinando ações de lesa pátria, como já vimos em privatizações de estatais a preço vil e ou prestação de serviços essenciais, bem como delegação de facilidades em pagamento de favores, tais como apoio político nas campanhas e aprovação de projetos. Estamos perdidos! A SOCIEDADE PEDE SOCORRO !!!! Cadê nossos Clubes de Serviços Defensores da Moralidade e Cidadania? OAB, LIONS CLUBE, ROTARY CLUBE, MAÇONARIA, ETC.. ALGUÉM, FACA ALGUMA COISA!

  14. Bom dia!
    Quando se pensa em monopólio, oligopólio, fisiologismo, ideologia, etc; ações feitas as pressas por vezes incutimos em erros quanto ao pensar e refletir. Porém, se pensarmos com reflexão ou de preferência, com profunda reflexão perceberemos que nossos governantes em alguns encontros diplomáticos estão mais interessados e ocupados com suas particularidades e os banquetes geralmente oferecidos, do que assuntos pertinentes que geralmente interessa a nação e a pátria.
    Errar só é vergonhoso, quando posterior ao erro, percebemos uma desatenção a qual nos levou a ser vacilante ocasionando o ato. Agora errar em dupla é pior ainda, pois o erro é duplamente qualificado caracterizando “burrice crônica”!
    Cito oligopólio quando penso que o o senhor Luiz Inácio da Silva, vulgo Lula juntamente com seu parceiro Celso Amorim sem conhecer o resultado da causa, e o significado de tal palavra assinaram tal documento deixando aberto oportunidades para o desmando de países estrangeiros com a possibilidade de formação de truste.
    Cito monopólio quando reflito na possibilidade de outros vários, obterem através de uma simples assinatura o direito de posse e desfrutar através de exploração daquilo que nunca construirão.
    Cito fisiologismo quando devo e posso pensar em pessoas, países que nunca fizeram absolutamente nada pelo Brasil ficam boquiabertos, não de admiração pela burrice e sim para comerem aquilo que acreditam ser de direito e gula.
    Cito ideologia quando reflito qual seria o pensamento ideológico do então presidente junto com seu ministro e mais a equipe de governo, quando assinam algo impensado e de caráter irrevogável. Parece-me algo, que no momento leva a pensar que o então presidente pensou (se é assim que fez) no ideologismo petista, em seus dogmas irrefutáveis e seus comportamentos reacionários não permitindo a ninguém opinar.
    Vamos observar e ficarmos atentos no que vai dar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *