Crivella use a mansão da prefeitura para fazer reunião da “política evangélica”

Crivella reuniu  250 pastores no Palácio da Cidade

Bruno Abbud e Berenice Seara
O Globo

No fim da tarde de quarta-feira, o prefeito Marcelo Crivella (PRB-RJ) recebeu cerca de 250 pastores e líderes de várias igrejas evangélicas no Palácio da Cidade, em Botafogo. Os convidados foram acomodados no salão do segundo andar do prédio construído em estilo georgiano, uma das sedes da administração municipal, onde garçons serviam croissants de geleia, sanduíches de queijo com damasco e bebidas em taças. No evento, Crivella discursou por cerca de uma hora na presença do pré-candidato a deputado federal pelo PRB, Rubens Teixeira.

Antes do início do discurso de Crivella, uma assessora pediu para que ninguém tirasse ‘selfies’ nem fotografasse o evento. Intitulado “Café da Comunhão”, o encontro foi combinado por WhatsApp, em mensagem à qual O Globo teve acesso. Os organizadores pediram aos presentes que levassem “reivindicações por escrito, relações de suas igrejas e número de membros”.

EM CAMPANHA — “O pastor Rubens Teixeira, da Assembleia de Deus Campo de Madureira, foi diretor da Transpetro por sete anos. Ali era o epicentro da crise, era a Petrobras, diretores ali juntaram 100 milhões, 120 milhões (de reais). O presidente era o Sérgio Machado, delatou todo mundo, foi ao Sarney, que na época estava no hospital, e gravou a conversa com Sarney, com Renan, fez uma confusão danada, para livrar ele e o filho dele. Quando perguntaram sobre o diretor de administração e finanças da Transpetro, ele disse: ‘Desse aí não tenho nada a falar’. Ele (Rubens Teixeira) passou pelo fogo e nem um fio de cabelo queimou” — disse o prefeito.

Durante o evento, Crivella também ressaltou a importância de “vigiar” para que políticos corruptos não voltem ao poder. Também avisou que é preciso “votar em homens e mulheres de Deus”.

Altar de sacrifício – “Os meus irmãos precisam estar de olhos abertos, precisam saber que a política é o altar de sacrifício para nós. Nós temos que orar para Deus levantar homens e mulheres de fé, que sejam muito melhores do que nós somos, que possam crescer, que possam governar esse país com justiça e sobretudo não deixando o pobre ser explorado” — disse o prefeito.

“Vamos aproveitar esse tempo e, acima de tudo, vamos vigiar para a corrupção não voltar. Os políticos estão falando assim: ‘a onda vai passar, calma que daqui a pouco a gente volta, a gente faz tudo de novo do jeito que a gente quer’. E nós temos que vigiar. Nós precisamos votar em homens e mulheres de Deus, ainda que não seja um grande conhecedor da política é menos um corrupto. É menos um ladrão. Faço esse apelo a meus irmãos porque os políticos de ontem, envolvidos nos piores escândalos, vão trocar de camisa, vai vir em outro partido, vai contar outra história. Eles trocam de partido e de camisa mas não trocam de coração. O negócio é vigiar, meus irmãos. Eu peço a vocês com todo coração. Só Jesus para nos ajudar. É vigiar para não piorar”, acrescentou.

EVANGELISMO – Crivella traçou diferenças entre os evangélicos e os demais cidadãos, associando os seguidores da igreja à política:

“É diferente nosso espírito, é diferente a nossa maneira de pensar, e o Brasil precisa conhecer isso. Não importa se vai ser um trauma no princípio, se as pessoas vão reclamar, criticar. Nós temos que mudar esse país. É um sacrifício grande a gente estar na política, mas não podemos fugir, porque só o povo evangélico pode mudar esse país. Entre nós não há corrupção. A gente recebe o dinheiro do povo e a gente faz a casa de Deus. Os políticos sabem que só nós podemos dar jeito nesse país” — disse, acrescentando:

“O que nós precisamos é de ter uma política que faça com que esse país encontre o caminho do seu progresso e se liberte da corrupção. Nós somos a esperança. Nós pegamos a oferta do povo, levamos pro escritório, contamos tudo e a gente constrói igrejas. É esse Brasil evangélico que vai dar jeito nessa pátria”, acentou e depois fez comentários sobre o ex-governador Sérgio Cabral, o governador Luiz Fernando Pezão e o ex-prefeito Eduardo Paes, comparado por Crivela ao rei da Babilônia, Nabucodonosor, que na Bíblia é descrito como um líder arrogante que acabou louco.

19 thoughts on “Crivella use a mansão da prefeitura para fazer reunião da “política evangélica”

  1. “Nós temos que orar para Deus levantar homens e mulheres de fé, que sejam muito melhores do que nós somos, que possam crescer, que possam governar esse país com justiça e sobretudo não deixando o pobre ser explorado”

    -Que tal se orassem por uma coisa mais simples, como, por exemplo, para Deus (“dono da prata e do ouro”) revelar, em segredo, aos “ungidos” a localização das maiores jazidas de diamante e de ouro no Brasil? Assim, os pastores poderiam fazer as suas congregações em cima delas e não mais precisariam pedir ofertas aos membros, muitos deles pobres assalariados e devedores do cheque especial.

  2. Contrassenso é constatar: à medida que o Rio de Janeiro se converte às seitas CAPETALISTAS, na mesma proporção o estado vai mergulhando em desgraças. Para corroborar e colaborar, agora a recidiva de doenças praticamente erradicadas.
    Será se quanto mais o PIO ORA, mas o Brasil PIORA? Ou foi meu pai Lucifer, que está usando um conversor de oração? O crendeiro ora pra Jesus e o capeta desvia para si?

  3. Quer mais? O Rio tem até facção criminosa, o TCP, que uma parte se diz evangélica e persegue centros espíritas e destrói terreiros de candomblé e umbanda. Esta é a terra arrasada que o tâmojunto do cabral-lula-paes enfiou a cidade. Copa, olimpíada, pré-sal milagroso, corrupção, samba, funk, favela global, corrupção, falência e conivência idiotizada de grande parte dos cariocas. Deu nisso. Agora todo mundo quer se salvar ou ir embora.

  4. RECORDAR É VIVER. RETRATO DE NOVEMBRO DE 2009. Ascensão máxima e queda abrupta da decadente e moribunda república 171 do partidarismo eleitoral, do golpismo ditatorial e dos seus tentáculos, velhaco$, que, no Brasil, sob FHC e Lula, experimentou a melhora da morte, e que sob Temer, piratas golpistas e CIA foi a óbito, sem chance de ressurreição. Faltou turbinas, combustível e pilotos adequados ( RPL-PNBC-DD-ME), deu pane seca, e, à moda avião da chapecoense, despencou céu abaixo sem paraquedas. Sosseguem o facho, não é o Brasil que acabou, mas, isto sim, a república 171 que sucumbiu, exauriu-se, esgotou o seu ciclo de poder, com a população esgotada de tanto segurar a vaca para a bezerrada de ouro (privilegiados) mamar. E que não venham agora com mais enganação, à moda “Gurizada Fandangueira” sem noção, porque o resultado será apenas mais dor e sofrimento para o que sobrou de população. https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2009/11/12/economist-transforma-cristo-redentor-em-foguete-e-diz-que-brasil-decola.htm

  5. Se o país fosse sério e tivesse instituições probas este crivella já estaria fora da prefeitura e perderia seu mandato.
    Mas como aqui até presidiário finge concorrer à presidência e juízes da corte suprema são cooptados pela Orcrim petista, nada se pode fazer. Só orar para que se elejam pessoas com melhor caráter no próximo pleito.

  6. Entre Crivella e a Globo, escolher o que? Diante da hipocrisia dos bacanas radicais-chic do Império Globo, que apoiaram tudo de ruim que já veio no Rio (Marcelo Alencar, Sérgio Cabral, Eduardo Paes), e sua promoção de lixo cultural, a gente fica tentado a achar Crivella um mal menor.

  7. Os petistas e aliados estão proibidos de criticar Crivella!

    Na medida em que defendem a candidatura de um criminoso e presidiário ao Planalto, Crivella mesmo sendo religioso tem todo o direito de estar na prefeitura, pois conduzido pelo voto popular!

    Por que Lula pode e outro não?!

    Mais inconstitucional do que o ladrão e genocida pleitear a presidência da República não existe!!!

    • Muito ódio rapaz, Lula é tudo isto.

      O presidente mais bem avaliado da história do Brasil: saiu com 84 por cento de aprovação. O país no seu governo chegou a crescer 7,5 por cento; libertou o Brasil do FMI(Rexplorava o Brasil desde 1958); foi um apologista do BRINC(mercado alternativo entre Brasil, Rússia, China, Índia e África do Sul), perfazendo cerca de 43 por cento da população do mundo(q a camarilha do golpe, atendeu a ordem do E U A e saiu fora).

      Ganhou quatro eleições no voto, só não ganha a quinta, se proibirem ele de competir.

  8. Valdenito,

    Eu com ódio?!

    Tu estás te brincadeira!!!

    Ódio tem o teu amo e senhor, o Lula, que roubou e explorou o povo e país como nunca antes na história!

    E onde estão os resultados deste BRINC?

    Lula venceu duas eleições, as outras duas nos impingiu uma “gerentona”, que quase liquidou conosco, além de ser uma permissiva quanto aos assaltos às estatais, fundos de pensão, empréstimos consignados, BNDES, obras superfaturadas, desemprego, inadimplência e juros extorsivos!

    Observa que eu teria mesmo razões de sobra para ter ódio desse ladrão e genocida, canalha e inescrupuloso mas, ódio, não mesmo.

    Agora, o final do teu comentário é um primor, candidato à piada do dia, pelo menos:
    ” … só não ganha a quinta, se proibirem ele (sic) de competir”.

    Lula não vai disputar as eleições porque é simplesmente um criminoso, a ponto que está preso.

    Mudar a realidade ou mentir é feio, aliás, conduta típica de seguidores do lulismo, o mal que afeta algumas pessoas neste país.

  9. 1) A filha do Garotinho foi secretária do prefeito Crivella e são do mesmo partido, o PRB.

    2) Garotinho já é pré-candidato a governador pelo PRP e aproxima-se do PRB.

    3) A meu ver, deve estar no segundo turno, se não surgir nenhum fato novo …

    4) É interessante que os institutos de pesquisa, se estão fazendo, não estão divulgando as pesquisas para governador aqui no RJ…

    5) Garotinho é evangélico e tem muita força no interior e zona oeste…

    6) Teremos um bom pleito.

  10. Misturar Religião com Politica, é usar o “sagrado, fazendo-o objeto comercio”. O Padre Lutero, criou a seita religiosa Protestante, em razão do desvio da Igreja Católica do Evangelho de Jesus, que o comerciava, o tempo correu, e alguns esperto, resolveu titular “evangélicos”, e mergulharam contra o sistema de Lutero, e elegeram o V.Testamento, como livro “sagrado” no lugar do Evangelho d Jesus Cristo, e a situação hoje, não nos deixa mentir, criaram até bancada politica, para servirem a Mamon. Bispo Macedo, fundador da Igreja Universal, está bilionário, com a contribuição do trabalhador de “salário miserável”, mora em mansão na América e seus fieis vivem na pior, e sobrinho Crivela, é parceiro dessa situação amoral. Esse encontro, em sede pública de “pastores”, ofende a Lei, pois, é politicagem explicita, para beneficiar candidatos da igreja universal. O TRE e TSE, que se pronunciem!?
    Misturar Jesus Cristo com a podridão politica, que grassa no País, é Pecado Capital, e se enquadra no: “A cada um segundo suas obras e pagarás até o último ceitil” Jesus Cristo a 2018 anos.

  11. Sou cristão praticante, essa história de que política e religião não se mistura é falacia , e porque digo isso ?
    Simples : Quando o politico corre atrás de votos primeiro lugar que vai é justamente nas igrejas, buscar as ovelhas encabrestadas .
    Não aprovo esse jeito de governar dizer uma coisa e fazer outra ; o verdadeiro cristão deve ser brasa , porque se não é brasa é carvão, e só faz sujar tudo que toca .
    Esses políticos que usam o nome de Deus em vão são carvão e me deixam envergonhado !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *