Derrotado na Convenção do PSDB, agora José Serra só pensa em se vingar de Aécio Neves

Carlos Newton

Mineiramente, o senador Aécio Neves vai ganhando cada vez terreno dentro do PSDB e tirando espaço de José Serra e Geraldo Alckmin, visando à sucessão presidencial de 2014. Primeiro, Aécio se compôs com os líderes do PSDB no Nordeste, para evitar que Serra fosse eleito presidente do partido. Foi o primeiro golpe.

Depois, na convenção de ontem, Aécio e seus novos aliados tiraram de Serra a possibilidade de presidir o Instituto Teotônio Vilela, que tem verba anual superior a R$ 10 milhões e poderia ser utilizado por Serra para ganhar visibilidade nacional.

Na véspera da Convenção, o deputado federal Marcus Pestana (PSDB-MG), bobeou e fez uma “inconfidência mineira”, ao dizer que “quem cultiva rancor morre envenenado por si mesmo”, referindo-se a José Serra, é claro.

Há informaçõesar de que Serra ameaçou deixar o PSDB caso ficasse sem cargo na executiva tucana. E os tucanos perderam essa oportunidade de se livrar dele. Então, vamos aguardar os próximos capítulos da novela, porque Serra, rancoroso e vingativo,agora vai armar uma vingança contra Aécio.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *