Desgastadas, empreiteiras pedem cdigo de conduta

SHEILA D’AMORIM
Folha

No centro do escndalo de pagamento de propina para sonegao do ISS (Imposto sobre servios) devido Prefeitura de So Paulo, o setor da construo civil quer criar um cdigo de conduta para as empresas que atuam, sobretudo, com o setor pblico.

A ideia, lanada pelo presidente da CBIC (Cmara Brasileira da Indstria da Construo), Paulo Safady Simo, visa reverter o desgaste de imagem sofrido pelo segmento com o envolvimento de construtoras em sucessivas denncias de corrupo.

Alm da mfia do ISS, empresas do ramo estiveram ligadas a escndalos de desvio de recursos pblicos –caso da construtora Gautama, acusada de pagar propina para obter vantagem em licitaes, e da Delta, suspeita de desviar recursos pblicos e ter ligaes com o esquema de Carlinhos Cachoeira.

O pano de fundo da iniciativa a eleio de 2014 e o destaque que o setor dever ganhar frente da agenda de concesses e de obras de infraestrutura da Unio.

CINCO PONTOS

Presidente do PSD em Minas, Simo diz estar ciente da polmica que a proposta traz para o setor. Resistncias parte, diz que j foram levantados cinco pontos que afetam a imagem do segmento.

O primeiro deles diz respeito participao em licitaes pblicas. E a um item merece destaque: descontos oferecidos para vencer a disputa e que posteriormente so compensados com suplementaes. “No pode dar desconto para ganhar uma licitao e depois tentar compensar com outras coisas”, disse o presidente da CBIC.

A sugesto obrigar s empresas que oferecem desconto em relao ao preo fixado pelo setor pblico a apresentarem um seguro-garantia no valor equivalente. “Se der algum problema e no for possvel cumprir o contrato, aciona-se o seguro”, afirma.

Outro ponto tido como delicado o financiamento de campanhas eleitorais. “ certo que o setor financia. No somos os maiores [financiadores], mas somos os mais mal falados, porque somos os mais visveis. Afinal, as obras esto a, nas ruas”.

2 thoughts on “Desgastadas, empreiteiras pedem cdigo de conduta

  1. Corrupo tem dois lados, o lado do mais fraco, servidor pblico, e o lado forte e rico, sonegador e empresrio. Puxa vida, que coisa, quando a mer.. cai no ventilador todo mundo se suja…

Deixe um comentário para Torcicolo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.