Desta vez, Jair Bolsonaro apoia uma teoria da conspiração absolutaqtolerável

Imagem

Charge reproduzida do Arquivo Google

Pablo Ortellado
O Globo

Círculos trumpistas nos Estados Unidos difundiram a teoria da conspiração de que democratas, empresários e artistas estariam envolvidos numa ampla rede de tráfico de crianças para cometer canibalismo e pedofilia. Donald Trump teria descoberto o complô e estaria secretamente trabalhando para denunciar e prender os responsáveis.

A tese estapafúrdia foi exposta num fórum de internet anônimo por alguém que dizia ser um funcionário público de alto nível e que adotava o pseudônimo QAnon.

VERSÃO BRASILEIRA – De maneira semelhante, círculos bolsonaristas começaram a difundir nas últimas semanas uma teoria da conspiração tão desvairada quanto a de QAnon. Receberam a adesão de ninguém menos que o próprio presidente Jair Bolsonaro.

A teoria diz que um ex-dirigente do PT, treinado em Cuba, teria conseguido provas do envolvimento de um ministro do Supremo com um famoso estuprador em atividades sexuais impróprias e que, com base nessas provas, estaria chantageando o ministro para conceder decisões favoráveis ao PT e fraudar as eleições de 2022. A tese, obviamente, não tem pé nem cabeça.

Como toda teoria da conspiração, essa também tem muitas variantes. Em algumas versões mudam o tipo de conduta sexual inapropriada e as provas que teriam sido reunidas; noutras, mais ministros do Supremo seriam chantageados.

ENDOSSO DE BOLSONARO – A tese estapafúrdia aparece de maneira dissimulada em blogs, postagens no Twitter e de maneira mais aberta em correntes anônimas no WhatsApp. No começo do mês, recebeu o endosso de Bolsonaro.

No dia 4, o presidente fez uma série de postagens no Twitter abonando o despropósito que tinha começado a circular um pouco antes. “Vamos supor uma autoridade filmada numa cena com menores (ou com pessoas do mesmo sexo ou com traficantes) e esse alguém (‘Daniel’) passe a fazer chantagem ameaçando divulgar esse vídeo”, escreveu. “Parece que isso está sendo utilizado no Brasil (importado de Cuba pela esquerda) onde certas autoridades tomam decisões simplesmente absurdas, para atender ao chantageador (‘Daniel’).”

Daniel é o codinome adotado, durante o período da ditadura militar, por um ex-dirigente do PT, que já tomou as medidas judiciais cabíveis.

NO ESTILO TRUMP – O endosso a essa tese conspiratória alucinada e completamente absurda é semelhante aos sinais em código que Trump emitia durante seus discursos, celebrados pelos defensores das teses de QAnon como uma espécie de culto. O método é chamado de “apito de cachorro”, uma sinalização que só os iniciados compreendem.

Há bastante controvérsia no meio acadêmico acerca de a conspiração difundida por QAnon ter influenciado de maneira relevante o voto nas eleições americanas de 2020. Mas não há muita controvérsia sobre a difusão da teoria ter colaborado para ampliar a intolerância a democratas e depois para respaldar a tese de que uma conspiração de autoridades teria fraudado o resultado (32% dos americanos seguem acreditando que a eleição presidencial foi roubada).

É difícil determinar o momento em que uma teoria da conspiração está tão disseminada que é preciso começar a combatê-la, sem o risco de, ao fazê-lo, involuntariamente ajudar a difundi-la. Acredito que o endosso do presidente e o empenho da máquina de propaganda bolsonarista me autorizam a emitir o alerta.

6 thoughts on “Desta vez, Jair Bolsonaro apoia uma teoria da conspiração absolutaqtolerável

  1. Sei bem o que é isso. Tenho três amigos completamente fanatisados. Muito pior do que nós tempos do CCC. Acreditam piamente que tudo é complô contra o Brasil, contra a família, contra a liberdade.
    Eu já cansei. Leio as barbaridades e não me manifesto.
    Um deles ainda acredita que Trump voltará após um golpe dos militares
    Como argumentar?

  2. Pra que discutir com uma pessoa medianamente informada que votou no coiteiro de milicianos e agora se diz traída?

    Pra que discutir com quem acredita que o coiteiro de milicianos não fez nada de produtivo nos 28 anos como deputado porque foi boicotado?

    Pra que discutir com quem diz acreditar que fhc, lulla, dória, eliane cantanhede… e merval pereira são comunistas?

    Pra que discutir com quem vê o “perigo” comunista nos dias atuais?

    Pra que discutir com quem considera qualquer ex-ministro do coiteiro de milicianos como alguém “honesto”?

    Pra que discutir com quem defende um ladrão mequetrefe e comparsa do escritório do crime?

    Pra quê…?

  3. O desinformado jornalista do Globo, histórico defensor das facções do crime organizado (PT+ PSDB+ STF e seus puxadinhos) não fez o dever de casa: pesquisar sobre o assunto antes de escrever. Tivesse feito, saberia que a denuncia de chantagem de ministro do STF é antiga, aliás, o próprio jornaleco dos Marinhos publicou, em 2019, declaração do facínoroso urubu Guiomar sobre o tema.

  4. Só sei de uma coisa:

    O MALUCO ESTÁ LEVANDO O BRASIL A UMA LOUCURA INACEITÁVEL!!

    NÃO PODEMOS NOS DOBRAR PRA ESTE LOUCO!

    As autoridades tem que dar um basta nisso IMEDIATAMENTE!!
    Sem mais delongas.

    Todos os crimes que ele cometeu estão provados!

    O que estão esperando?

    JL

  5. “Aqueles que soltaram o ladrão Lula da Silva, serão os mesmos que farão a contagem dos votos, secretamente, em salas fechadas do TSE.”
    Jair Bolsonaro

    E pensar que Moro e Dallagnol defendem o/a “Barrose”, as urnas eletrônicas e a falta de auditagem e transparência.

    Quem quiser que confie na “boa intenção” do T$E, de “Barrose”, do Moro e de Dallagnol.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *