Dialogando com o carrasco (Dilma e os terroristas do Estado Islâmico)

Rubens Ricupero
Folha

Misturar diplomacia com demagogia nunca dá certo.  Pior é quando presidente em busca de reeleição submete a Assembleia Geral da ONU ao espetáculo da propaganda de baixo nível do nosso horário eleitoral obrigatório.

Os diplomatas estrangeiros não podem fazer como o espectador no Brasil, que simplesmente desliga a TV ou passa a outro programa. Foram obrigados a aguentar impávidos os disparates que lhes impingiu o discurso brasileiro de inauguração da assembleia.

Disparate, diz o dicionário, é expressão destituída de razão e senso, algo de despropositado e fora da realidade. A definição se ajusta como luva à declaração de que o Brasil condena os bombardeios americanos aos degoladores do Estado Islâmico porque favorecemos o diálogo e os meios pacíficos.

Alguém deveria ter explicado à presidente que diálogo é excelente maneira de resolver conflitos desde que o outro lado concorde em ouvir e responder.  Quando a resposta é a faca na carótida, não existe diálogo possível.

DIALOGANDO EM AUSCHWITZ…

Alguém imagina que as vítimas de Auschwitz poderiam ter dialogado com a Gestapo e os SS?  Ou que os cambojanos e ruandeses massacrados deveriam ter mantido conversação polida com genocidas?

Por que será diferente com fanáticos e psicopatas que trucidam prisioneiros inermes e torturam todos os que não aderem ao Califado?

Duas semanas atrás, a ofensiva do EI estava às portas de Bagdá e da capital do Curdistão. Se não tivessem sido detidos pelos ataques aéreos americanos, milhares de refugiados teriam tombado nas mãos dos piores assassinos que o mundo conheceu desde o Khmer Vermelho.

O que o Brasil propôs de prático e efetivo para evitar tal desenlace, além de banalidades piedosas e ineficazes como aconselhar o diálogo com degoladores?

A DECÊNCIA DE FICAR CALADO

Se não sabemos ou podemos tomar iniciativa para neutralizar os terroristas, deveríamos ter ao menos a decência de ficar calados. Condenar os bombardeios, único recurso existente naquela hora para afastar a ameaça, equivale a condenar ao massacre civis desprotegidos.

Há um nome para esse tipo de atitude confortável e hipócrita: irresponsabilidade. Nada mais fácil do que o principismo de invocar o diálogo em situação na qual esse método obviamente se encontra fora da realidade. É o mesmo que lavar as mãos em relação à consequência trágica mais que provável de um conselho despropositado.

ANTIAMERICANISMO BARATO

A diplomacia não deve buscar o aplauso fácil. Tem de responder pelos resultados previsíveis do que propõe.  Isso na melhor das hipóteses, se o conselho foi dado com sinceridade e boa fé, embora desprovidas de discernimento.

Se, ao contrário, a motivação é o antiamericanismo barato com o objetivo de angariar votos, é muito mais grave. Nesse caso, combina-se a irresponsabilidade com a provocação gratuita, sem contribuir em nada para minorar o sofrimento das vítimas ou fazer avançar a pacificação do conflito.

Em qualquer das situações, não é a receita para tornar o Brasil candidato irrecusável a membro permanente do Conselho de Segurança da ONU, posição que se alcança apenas por meio de diplomacia responsável, a serviço da moderação e do equilíbrio. (artigo enviado por Celso Serra)

 

 

15 thoughts on “Dialogando com o carrasco (Dilma e os terroristas do Estado Islâmico)

  1. MAIS PIADA:

    Num pronunciamento feito na cadeia nacional de rádio e televisão ontem, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Dias Toffoli, fez um apelo para que os eleitores reflitam antes da eleição e NÃO VENDAM E NEM TROQUEM SEUS VOTOS POR FAVORES.

    NR = NOTA DA REDAÇÃO:
    ADVOGAR PARA O PT E SER INDICADO PELO PT PARA O STF PODE ?
    DEFENDER COM UNHAS E DENTES OS MENSALEIROS NO STF PODE ?
    VENDER E TROCAR VOTOS NO STF PODE ?

  2. MAIS PIADA:

    Num pronunciamento feito na cadeia nacional de rádio e televisão ontem, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Dias Toffoli, fez um apelo para que os eleitores reflitam antes da eleição e NÃO VENDAM E NEM TROQUEM SEUS VOTOS POR FAVORES.

    O MINISTRO ADVOGADO DO PT
    CONTINUA RIDICULARIZANDO A POPULAÇÃO.

    • Esse ‘rapáiz’ é petista encruado; pelo passado dele, tem autoridade moral para algum apelo? Não esqueçamos que proibiu qualquer fiscalização sobre as tais “urnas eletrônicas brasileiras´.

  3. A nossa sorte é que o Brasil é um nanico internacional…Já tivemos dias melhores, naquela época nossa diplomacia era respeitada internacionalmente, considerada uma das mais profissionais, atualmente é lamentável a forma que é conduzida a casa de Rui Barbosa.

  4. A pior miséria é a cultural e, aguentar seu portador não é uma tarefa das mais agradáveis. Além da falta de conhecimento que é o que caracteriza o miserável, a falta de princípios morais podem torná-lo psicopata. Um criminoso.
    Como tal Dilma não poderia fazer melhor do que fez na ONU.
    O pior é que continuará a fazer em todo lugar onde pisar.
    Ela e bando vermelho da salvação como M A Garcia, R Falcão, Z.Dirceu, Marilene Chaui, E. Sader, Boff & Beto, Chiquinho B, Jânio de F, Mino, safattle e mais um monte do tipo.

  5. O interessante é que até ontem, os atuais Degoladores Terroristas do Estado Islâmico, eram FREEDOM FIGHTERS SUNITAS lutando para “implantar a mais pura ” DEMOCRACIA” na Síria do Ditador Al-Assad, criados, financiados e apoiados pelos mesmo EUA. Quando esses Freedom Fighters se deram conta de que derrotar o Ditador Al-Assad sem maciço apoio Aéreo, devido ao Veto da Rússia, era tarefa ingrata, e sendo o Noroeste do Iraque e o Sudeste da Síria habitadas prioritariamente por População Sunita, maltratados pelos Governos Xiítas do Iraque e Alawita-Xiíta da Síria, e com apoio da maioria das Tribos Sunitas desses dois Países, resolvem fundar um “Califado Sunita” nessa Região, que possui razoáveis campos petrolíferos/Refinarias, ” o Mundo desaba sob suas cabeças”. Já eram BANDIDOS antes e continuam sendo agora, degolando covardemente inocentes Refém Ocidentais ou não.
    Nessa conjuntura, a Presidenta DILMA ROUSSEFF que tem uma Eleição Presidencial na semana seguinte, apenas quir passar uma Mensagem de uma Líder Forte, Autônoma e Independente.
    Quanto ao Brasil alcançar uma vaga “Permanente no Conselho de Segurança da ONU,( EUA-RÚSSIA, REINO UNIDO FRANÇA e CHINA)”, só depois de ter aquelas armas que poucas Nações tem, principalmente de Hidrogênio, e após vencer a 3ª Guerra Mundial.

  6. Prezado Bortolotto, dizem por aí que a pessoa é o ato. Ou seja, depois de seu ato é que ela se define. E por aí vai.
    Quanto a se mostrar forte aos outros, confrontando-os com bravatas ou querendo, mesmo sugerindo, que elas se comportem de maneira estranha, como dialogar com criminosos, não é aceitável por quem tem um mínimo de bom senso e algum princípio moral.

  7. Prezado Sr. MAURO JÚLIO VIEIRA, a Presidenta DILMA ROUSSEFF tem muitos defeitos. ( Impaciência, Política extremamente ESTATISTA, Populismo de “dar o peixe em vez de ensinar a pescar”, interferir com ” mão pesada”
    nos Mercados, etc,etc,) mas essa de, em Discurso de abertura na ONU, sugerir que os EUA/Aliados, que criaram, financiaram e apoiaram até ontem esses FREEDOM FIGHTERS SUNITAS “CRIMINOSOS”, só porque agora, partiram para “outra Empreitada” e começaram a degolar covardemente TAMBÉM inocentes Reféns Ocidentais, sugerir DIÁLOGO com eles, o ISIS, que ELES mesmo criaram, não seria falta de BOM-SENSO ou de PRINCÍPIOS MORAIS.
    Seria se o ISIS tivesse surgido INDEPENDENTEMENTE. Abrs.

  8. Caro Jornalista,

    Neste país QUEM ESTÁ CERTO É QUEM ESTÁ ERRADO. A inversão de valores POLITICAMENTE CORRETA impera nesta terra e transforma pedra em pau.
    Por aqui, primeiro vem a vida de quem está errado. Se sobrar tempo, o Direito acolherá a vida de quem está certo.

    Os senhores não viram o “terrorista jabuticaba” no hotel de Brasília? Depois de todo o teatro, diversos “especialistas” concederam entrevistas aos jornais dizendo que a “ação de policiais no sequestro em hotel foi exemplar” e que “a polícia agiu dentro do padrão que é preservar a vida do refém, do bandido e da polícia”.
    -E se, ao invés de um idiota, fosse um terrorista de verdade?
    -E se esse maluco estivesse com explosivos de verdade e, durante todo esse tempo de negociação e de preocupação com a saúde do idiota, ele acionasse o gatilho e mandasse tudo para o alto, inclusive a vida do refém?
    -Como preservar a vida de um terrorista que quer se matar para ir para o céu?

    Antes dos desfechos fatais, falaram a mesma coisa no caso do Ônibus 171, onde foi morta a professora, quando o próprio governador ligou e impediu que os atiradores alvejassem o bandido na janela, e no caso da jovem Tainá, sequestrada e morta pelo ex-namorado depois de quatro dias de negociação com a polícia. Até mesmo a mãe da menina, na véspera do desfecho, disse que ele era apenas um “jovem apaixonado” e que não acreditava que fosse capaz de agredir a sua filha!

    AS PESSOAS SE IDENTIFICAM COM QUEM INFRINGE A LEI
    Nesta nação todos se identificam, primeiramente, com o bandido. Em qualquer confronto, todos “se doem” por quem infringe a lei. Depois, se sobrarem sentimentos, é que pensam na vida das vítimas desses animais ou em que está tentando fazer a lei ser cumprida!
    -Foi assim no caso do sujeito que matou o jornalista com um rojão e preso pela polícia, não foi?
    -Não foi assim no caso do assaltante amarrado no poste? Alguém sabe pelo menos a cor das pessoas assaltadas por ele? Sabem se foram machucadas ou mortas? Se estão conseguindo sair às ruas?

    Abraços.

  9. Senhores,

    No início de tudo, os Estados Unidos eram AMIGOS dos XIITAS IRANIANOS. Depois, com a mudança de direção dos ventos, passaram a considerá-los INIMIGOS e se aliaram aos seus INIMIGOS, os SUNITAS IRAQUIANOS, para matar os XIITAS IRANIANOS, seus antigos AMIGOS, agora INIMIGOS, e para reprimir os rebeldes XIITAS IRAQUIANOS, antes AMIGOS e considerados, agora, INIMIGOS. Depois, descontentes com o novo andar da carroça, bombardearam e mataram os seus AMIGOS SUNITAS IRAQUIANOS, agora considerados INIMIGOS, e colocaram no poder os seus antigos INIMIGOS, os XIITAS IRAQUIANOS, agora tidos como AMIGOS, embora sejam AMIGOS dos seus INIMIGOS, os XIITAS IRANIANOS.

    Hoje os europeus e americanos são AMIGOS dos XIITAS IRAQUIANOS, seus antigos INIMIGOS, e se aliaram com estes para matar os SUNITAS IRAQUIANOS, seus antigos AMIGOS, hoje considerados INIMIGOS. E com a ajuda do principal país do “Eixo do Mal”, os XIITAS IRANIANOS, hoje seus INIMIGOS declarados, mas que já foram seus AMIGOS!

    Mas tem outra particularidade: os XIITAS IRAQUIANOS só são considerados TERRORISTAS e INIMIGOS da civilização ocidental quando MATAM e TRUCIDAM no lado iraquiano da fronteira. Quando MATAM e TRUCIDAM no lado sírio, são chamados de ALIADOS AMERICANOS, AMIGOS e considerados REBELDES marchando contra a ditadura e em defesa da liberdade, últimos remanescentes da PRIMAVERA ÁRABE!

    Resumo:
    -TERRORISTA é o combatente que mata os nossos parentes.
    -SOLDADO é o combatente que mata os parentes dos outros.

    “Quem planta quiabo não pode esperar colher banana.”

  10. Conversa entre o pescoço e a adaga é detalhe que terroristas conhecem bem… pelo visto, a presidente Dilma não se informou sobre o assunto, ou concorda com as execuções sumárias. Não há como esperar resultados com diálogos, com fanáticos cheios de ódio… são bandidos. Concordo com Obama, presidente dos EUA. para bandidos, só a força.
    Há controvérsias, é claro… então por que não aparecem voluntários para dialogarem com os traficantes do PCC em São Paulo, ou o as muitas facções de criminosos do Paraná, Santa Catarina e Rio de Janeiro?.. são assassinados mais de 50 mil brasileiros por ano, igual ou mais o número de mortos nos conflitos do Oriente Médio.

  11. Há 20 anos esse articulista Ricúpero, visando ajudar a eleição do FHC, confessou em OFF para o Carlos Monforte na TV GLOBO o seguinte: EU NÃO TENHO ESCRÚPULOS. O QUE É BOM A GENTE FATURA, O QUE É RUIM A GENTE ESCONDE. Só não imaginau que o audio estava ligado e todos escutaram pela parabólica. Resultado. Ferrou o Monforte na GLOBO, quase prejudicou a eleição do FHC e foi demitido do ministério que ocupava. Agora, sai com essa semelhante de politicagem eleitoreira, ao querer que o Brasil vá a reboque de bombardeios para nos comprometer com agenda das grandes potências ocidentais na agressão à Síria e partilha do Iraque, ESCONDENDO QUE A TURQUIA, ALIADA DOS EUA E MEMBRO DA OTAN DIALOGA com o Estado Islâmico, como até o VP dos EUA Joe Biden reconheceu publicamente e foi obrigado a se desmentir cinicamente ontem. É a história do mesmo vira- lata inescrupuloso se repetindo como farsa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *