Direitos humanos: nem Direitos nem H-U-M-A-N-O-S

O governo anulou o primeiro projeto que havia publicado, enviou outro, completamente diferente. Mudou de ideia? Retroagiu? Reconheceu que estava errado? Nada disso. O que explicam: o Programa Nacional de antes não agradava a Lula, foi planejado, redigido e executado pelos “terroristas ditos da esquerda”, que dominam o Planalto-Alvorada.

O projeto de agora, teve a supervisão direta e atenta do próprio Lula. Não só o considera pessoalmente mais compreensível e conciliável, como acha que favorece a candidatura de Dona Dilma.

O que não é nada surpreendente, mas rigorosamente verdadeiro: Dona Dilma estava entusiasmada com o Programa, não está mais, apoiou “fervorosamente” o presidente Lula, na segunda versão.

Dona Dilma costuma mudar muito de posição, não por ter evoluído, mas por considerar que a mudança de “convicção”, favorece seus interesses. Vou citar um caso, mas poderia citar vários.

***

PS – Antes de participar poderosamente do governo, era contra a Lei 9478, e dizia horrores das LICITAÇÕES do petróleo brasileiro, que por essa Lei, tinha que ser explorado e exportado por “globalizantes”.

PS2 – Isso antes do Brasil se transformar em potência petrolífera, com o pré-sal. Que ainda tem no mínimo 10 anos para emergir e produzir. Teve que ser contida pela Associação dos engenheiros da Petrobras, a AEPET (a de antes, a de antes), ficou furiosa.

PS3 – Depois, no governo, trabalhou intensamente para pressionar o Supremo a manter a Lei 9478 e as licitações. É assim, usa a COERÊNCIA de Dunga.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *