Divagações sobre as finanças dos clubes

Tostão (O Tempo)

Ouço muito, nas ruas, perguntas sobre como o Atlético consegue contratar e manter jogadores caros, como Ronaldinho, pagar salários e dívidas em dia, se o clube não tem a mesma arrecadação e investimentos dos maiores times de Rio e São Paulo.

Não é verdade o que disse Geninho, no programa “Bem Amigos”, de que o Atlético já é dono do Diamond Mall e que recebe uma fortuna de aluguel. Isso vai acontecer no futuro.
Outros falam que o Atlético está muito bem porque Kalil e a diretoria fazem uma ótima administração.

Ouço também a indagação sobre a razão de o Cruzeiro não ter dinheiro para contratar ótimos e caros jogadores. Alguns culpam os Perrella, que teriam deixado o Cruzeiro quebrado. Continuo sem saber qual é a verdade sobre as finanças de Cruzeiro e Atlético.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGAs dúvidas de Tostão (e dos torcedores, em geral) jamais serão respondidas. Os cartolas (dirigentes dos clubes) enriquecem, enquanto as agremiações se afundam em dívidas. No Rio de Janeiro, não há um só clube equilibrado nas finanças. Todos estão em falência técnica. Se fossem empresas, ao invés de clubes de futebol, já teriam fechado as portas há muito tempo. (C. N.)

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *