Dois bices

Carlos Chagas

Dois bices entraram no palco sem ser chamados nem fazer parte do elenco. Muito menos dispem de papel definido na pea. Mas puseram-se sob os holofotes. Comportam-se como atores principais, quando nem para coadjuvantes tinham sido chamados.

Se for possvel outra imagem, vale a de que Fernando Henrique Cardoso e Jos Dirceu esto atravessando o samba. Deixam perplexos a bateria, o mestre-sala e a porta-bandeira das respectivas escolas, mas no esto nem a para a contagem de pontos. Querem mesmo chamar a ateno das arquibancadas, imaginando encenar a repetio de desfiles antigos e ultrapassados.

O socilogo, talvez por mgoa de no ser ele o candidato, s faz prejudicar Jos Serra ao agredir fora de hora o presidente Lula e Dilma Rousseff. Declara guerra aos adversrios nessa fase preliminar do processo sucessrio, quando os candidatos ainda se examinam.

O ex-chefe da Casa Civil imagina-se o coordenador poltico do governo, que deixou de ser, tentando costurar alianas capazes apenas de acirrar as divergncias na base partidria oficial. Parece no aceitar a perda de poder e cria problemas aos montes para o PT e adjacncias.

Fernando Henrique e Jos Dirceu no desencarnaram. So mesmo dois bices.

No aprendeu a lio

De Braslia para Governador Valadares. Entrevista a duas emissoras de rdio. Visita a obras do PAC. Ida a uma universidade federal. Mais obras do PAC. Deslocamento para Tefilo Otoni. Vistoria em outra universidade. Inaugurao de instalaes. Mais obras do PAC. Reunio com prefeitos da regio. Volta a Governador Valadares e retorno a Braslia.

Em todas essas oportunidades referidas, com Dilma Rousseff a tiracolo, cumprimentos e conversa com autoridades, discursos em palanques variados, confraternizao com populares, banquete e montes de cafezinhos.

Convenhamos, para quem j teve um aviso dias atrs, o homem voltou a abusar.

Mais estado ou menos estado?

Parece que dessa vez a criana nasce. Dia 20 Dilma Rousseff apresenta seu programa de governo, em assemblia do PT. O redator principal foi Marco Aurlio Garcia e a informao de que, em matria de poltica econmica, a proposta de mais interveno do estado.

Seria cmico se no fosse trgico verificar que outro programa de governo est sendo elaborado a toque de caixa. No caso, pelo presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, s que a pedido do PMDB. Michel Temer encomendou o texto ao mais novo filiado ao partido, pretendendo encaminh-lo candidata e sugerindo uma simbiose entre os dois planos. claro que o ex-presidente do Banco de Boston no enfatizar a funo do estado na economia, muito pelo contrrio.

Papis, o vento leva, mas no deixa de ser promissor que a candidata, afinal, se disponha dizer a que vir. Como singular parece que um pretendente vice-presidncia da Repblica tambm possua um plano de governo…

Consequncia inevitvel

At que demorou, mas veio. Fala-se da reao explosiva dos paulistanos diante das autoridades municipais, por conta das enchentes. Afinal, so cinqenta dias de inundaes permanentes, sem que a prefeitura d jeito. O povo estrilou, a polcia bateu e o prefeito sumiu.

bom o dr. Kassab preparar-se, tendo ou no culpa na tragdia que se repete. Pelo menos, poderia determinar que gs de pimenta, no. Com a casa alagada, os mveis e demais bens perdidos, a famlia abrigada pela caridade pblica, o cidado no merece ser tratado como marginal, s porque protesta.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.