E agora surge o José Dirceu ‘consultor internacional’…

Carlos Newton

Reportagem de Andreza Matais e Fábio Fabrini, no Estado de S. Paulo, mostra a impressionante trajetória do ex-ministro José Dirceu como “consultor” de empresas, especialista em tráfico de influência, com uma atuação realmente espetacular, de fazer inveja a outros famosos “consultores” do PT, como o ex-ministro Antonio Palocci, o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares e o atual ministro Fernando Pimentel. Comparados a Dirceu, eles não passam de ridículos aprendizes.

O levantamento do jornal paulista revela que Dirceu multiplicou suas possibilidades de negócios, alterando cinco vezes a razão social da JD Assessoria e Consultoria, incluindo no seu âmbito de atuação a atividade de lobby para diversos setores com interesses no governo federal, na maior desfaçatez.

A volúpia de Dirceu chegou a tal ponto que registrou uma filial no Panamá, no mesmo endereço da Truston International, sócia majoritária do hotel St. Peter, que ofereceu o cargo de gerente administrativo ao ex-ministro, com salário de R$ 20 mil, dez dias após ele ser preso pela condenação no mensalão. No endereço da JD e da Truston funciona o escritório de advocacia Morgan & Morgan, que oferece testas de ferro para abertura das filiais no paraíso fiscal.

Entrevistado ontem pelo “Fantástico”, o jurista Fábio Medina Osório, considerado o maior especialista do país em improbidade administrativa, explicou que não é crime abrir empresa ou filial no exterior, mesmo em paraíso fiscal, como é o caso da consultoria de Dirceu. Realmente, Medina Osório tem razão: não há crime na empresa do Panamá. Portanto, a questão – nesse particular – seria puramente ética.

FAZENDO FORTUNA

O Estadão mostrou também que, ao ampliar ação de sua consultoria, Dirceu fez fortuna como profissional do tráfico de influência. Sua última declaração apresentada à Justiça Eleitoral, em 2001, informava que ele tinha bens que somavam modestos R$ 172,8 mil, em valores da época. Mas hoje, apenas a casa em que funcionava sua consultoria, em São Paulo, está avaliada em R$ 5 milhões por corretores. Após a prisão de Dirceu, o imóvel (na Avenida República do Líbano, a 300 metros do Parque do Ibirapuera) foi colocado à venda.

A oposição quer investigar a filial da JD Assessoria e Consultoria no Panamá. “A cada dia surge uma nova descoberta daquilo que seria um grande ‘laranjal’ arquitetado em torno do mensalão. Isto é gravíssimo, o que exige das instituições que façam ampla investigação”, disse o líder do PPS, deputado Rubens Bueno, do Paraná.

CONEXÃO PANAMÁ

Aliás, o Panamá está cada vez mais presente na política nacional, e até a família do prefeito carioca Eduardo Paes, do PMDB, já tem conta nesse paraíso fiscal, no valor total equivalente a cerca de R$ 20 milhões, vejam como a lama atinge diferentes partidos.

Mas quem desvenda tudo é a imprensa. O Ministério Público, que recentemente derrubou a Emenda 37 e faz questão de ter poder de “investigar”, no tocante a crimes cometidos por políticos famosos tem sido de uma omissão estarrecedora. Vejam que o senador Renan Calheiros foi flagrado em enriquecimento ilícito, emissão de notas frias, fraude fiscal e tudo mais, e não lhe aconteceu nada. Pelo contrário, acabou voltando a presidir o Senado. Ah, Brasil!

10 thoughts on “E agora surge o José Dirceu ‘consultor internacional’…

  1. Esse criminoso, corrupto, presidiário não sai das manchetes das páginas policiais. Um facínora e ladrão desses certamente desviou milhões dos nossos dinheiros para algum paraiso fiscal para ser usado brevemente, logo logo saida da Papuda.
    Incrível tbm a letargia, a inoperância, a omissão e a incompetência do MPF em cumprir com suas obrigações legais. Nesta pocilga, o crime compensa.

  2. Olga, gente. Acho que o sistema até extrapolou em punir esses gerentes de primeiro escalão. Foi rápido demais para mitigar a sede da classe média escolarizada e sufocada ou pequena burguesia na M, porque o povão da periferia e dos grotões nem está aí para isso. Agora, querer rebaixá-los a nível de povão, só subvertendo a ordem através de revolução, que é algo muito mais doloroso que golpe ou quartelada e desconhecido em nossa história. Aliás, esses são os quadros que fazem funcionar o sistema político e econômico do Brasil. Então, é melhor parar por aí. Ou vocês querem pagar para ver? Duvido. Já vi muitos nesses últimos quase 50 anos que falaram muito, jogaram muita gente no fogo e pediram arrêgo rapidinho quando a situação fedeu. A propósito, o MP, o Judiciário e a equipe econômica continuarão a funcionar docemente constrangidos nesse esquema, como a do laranja pé de chinelo investidor internacional e”controlador” daquele hotel que ofereceu baita salário ao Dirceu.

  3. Carlos Newton,

    pelo que tem saído escrito, Dirceu já está rico e vai ficar muito mais rico pois, mesmo recolhido à prisão, vai continuar a prestar eficiente “consultoria” aos grandes capitais internacionais, aos grandes bancos e às grandes empreiteiras. A mídia tem registrado que seu campo de “trabalho” tem sido bem amplo, indo das empresas públicas até aos fundos de pensão.

    Aliás, o Brasil é universalmente reconhecido como o país no qual ocorrem as mais estapafúrdias contradições. Aqui, gigolô tem ciúme de sua mantenedora, prostituta vai continuamente ao orgasmo durante o “trabalho”, ateu faz despacho de macumba na encruzilhada, judeu festeja Natal, e, agora – na era PT – os grandes capitalistas acham mais “eficientes” e preferem contratar como “consultores” os comunistas de carteirinha…

    Lamento não poder contar mais com as análises dos filósofos sociais Millôr e Apparício Torelli. Eles saberiam descrever o que está acontecendo no Brasil.

  4. Esse pessoal do PT (Lula) conseguiu encontrar uma maneira de enriquecer sem perigo algum,
    Criar uma consultoria, cujo sinônimo, é trafico de influência, levando-se em conta que pertencem
    ao mesmo partido do governo, tudo fica mais fácil.

  5. Puxa. O comentarista está atrasado. Consultoria é apenas terminologia nova nas negóciatas da gerencia burocrática do Brasil. Olha, para seu conhecimento, durante a ditadura, o ministro das Comunicações do Médici, Hygino Caetano Corsetti, aquele que bebia mais que gambá, saiu do ministério NÃO PARA FORMAR CONSULTORIA, mas sim para ganhar salário grosso na época da Nippon Electric Company e ainda fazer negociatas em sua antiga pasta no governo do “ínclito” Geisel. O tucanato e o PT apenas INOVARAM COM MAIS CINISMO.

  6. Aqui no Rio o MP nunca teve “estrutura” para investigar o crime organizado dos bicheiros, quanto mais de prefeitos e governadores . Parece que nem papel higiênico tem em suas dependências, independentemente de seu papel constitucional. A única vez que a cúpula do bicho foi em cana se deveu a que um de seus membros pisou na bola com o filho de um queridinho da GLOBO. E foi tudo decidido entre o presidente do Tribunal então Antonio Carlos Amorim e o STJ. A Denise Frossard apenas cumpriu ordens e faturou na política. Antes da PEC 37 SEMPRE BAIXOU A CRISTA.

  7. Não esquentem a cabeça por que senão o chifre torra. 2014 está chegando e com êle vem OUTUBRO e aí quero estar sentado em uma cadeira de embalo assistindo os resultados das eleições na televisão. Mudanças todos querem, mas, como mudar se só tem ratazanas? O pior disso tudo é que algumas ratazanas entendem de tática de guerrilhas, especialização efetuada em Cuba GXD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *